segunda-feira, 31 de outubro de 2016

Botafogo FR Campeão Brasileiro de Remo de 2016

O Botafogo parece imbatível no Remo!

Classificação:
1) Botafogo (RJ) - 11 - 1 - 1 - Campeão.
2) Vasco da Gama (RJ) - 5 - 2 - 3
3) CNR Álvares Cabral (ES) - 1 - 0 - 1
4) Botafogo (RJ) /Avulso - 1 - 0 - 0
4) Botafogo FR (RJ) /CR Saldanha da Gama (ES) - 1 - 0 - 0
4) CR Vasco da Gama (RJ) /Avulso - 1 - 0 - 0
7) CR Flamengo (RJ) - 0 - 4 - 1
8) Grêmio Náutico União (RS) - 0 - 3 - 3
9) Botafogo FR (RJ) /EC Vitória (BA) - 0 - 2 - 0
9) CR Flamengo/ EC Pinheiros (SP) - 0 - 2 - 0
11) Grêmio Náutico União (RS) / C Português Recife (PE) - 0 - 1 - 1
11) EC Pinheiros (SP) - 0 - 1 - 1
13) CR Flamengo (RJ) /CNF Martinelli (SC) - 0 - 1 - 0
13) CR Flamengo (RJ) /CNF Martinelli (SC) /CR Almirante Barroso (RS) - 0 - 1 - 0
13) CR União (RN) /C Náutico Potengy (RN) - 0 - 1 - 0
16) CR Saldanha da Gama (ES) - 0 - 0 - 2
17) CR Álvares Cabral (ES) / C Náutico C (PE) /CNR São Salvador (BA) / Paysandú SC (PA) / Sport CR (PE) - 0 - 0 - 1
17) CN América (SC) - 0 - 0 - 1
17) Botafogo FR (RJ) / CR Guaíba PA (RS) - 0 - 0 - 1
17) CR Flamengo (RJ)/ EC Vitória (BA)/ Sport CR (PE) - 0 - 0 - 1
17) CNF Martinelli (SC) - 0 - 0 - 1
17) Paysandú SC (PA) - 0 - 0 - 1
17) CR Saldanha da Gama (ES) / EC Vitória (BA) - 0 - 0 - 1
17) CR Vasco da Gama (RJ) /Avulso - 0 - 0 - 1

Os Campeões (oficiais):
2010 - ----
2011 - ----
2012 - EC Pinheiros (SP)
2013 - Botafogo FR (RJ)
2014 - Botafogo FR (RJ)
2015 - Grêmio Náutico União (RS)
2016 - Botafogo FR (RJ)

Os Campeões (não-oficiais)*:
2010 - CR Flamengo (RJ)
2011 - CR Vasco da Gama (RJ)
2012 - ----
2013 - ----
2014 - ----
2015 - ----
2016 - ----

Maior Número de Vitórias por Equipe* (não-oficiais):
2010 - Botafogo FR (RJ)
2011 - CR Flamengo (RJ)
2012 - ----
2013 - ----
2014 - ----
2015 - ----
2016 - ----
Obs: Em 2010 e 2011, a Confederação Brasileira de Remo foi incapaz de organizar um campeonato interclubes nos moldes de outros esportes como Atletismo, Canoagem e Natação. Sendo assim, cada clube conta pontos à sua maneira. O Esporte Rio classifica as equipes de acordo com os barcos (exemplo: Flamengo é diferente de Flamengo/Paulistano). Mas há quem classifique as equipes de acordo com as medalhas (exemplo: num barco de oito, desde que haja um atleta apenas de um time, é válida a vitória para todos os clubes presentes neste barco).

6 comentários:

Rui Moura disse...

Desculpe-me, Miguel, mas essas contas não fazem sentido nenhum. Nunca a CBR fez ou faz tais contas de clubes sozinhos ou acompanhados. Isso é puro exercício diletante. A CBR escreve no seu portal:

"A taça de campeão foi para o Botafogo, que conquistou o topo do pódio em 13 das 20 provas finais disputadas entre sábado e domingo. O Vasco da Gama foi o vice-campeão com 6 medalhas de ouro."

Logo, não são 11 títulos para o Botafogo e 5 para o Vasco. Não é o Miguel nem o Rui que dizem, mas a CBR.

Ademais, já tínhamos falado há uns anos que as suas contas de 2010 e 2011 são do mesmo tipo de exercício. Na verdade, quem ganhou mais provas em 2010 foi o Botafogo (campeão não oficial) não o Flamengo e em 2011 foi Flamengo (campeão não oficial) não o Vasco.

O problema, e aí V. está certo, é que a CBR é comandada por um cabeçudo que não assume nada e quando assume faz disparate. A CBR devia ter declarado o Bota campeão em 2010 e o Fla em 2011. E não haveria discussão.

Certo é não terem declarado campeão oficial em 2015 dada abarbaridade feita pelo presidente a remarcar a data das provas.

Abraços Gloriosos.

Rui Moura disse...

Ah... mais grave ainda é V. não considerar o Bota campeão deste ano, apesar de todos os clubes terem concorrido a um campeonato brasileiro e o Botafogo ter recebido a Taça de Campeão Brasileiro das mãos da CBR. O Esporte Rio não se substitui à CBR. Não estrague a realidade, meu amigo. O virtual não vale.

Abraços Gloriosos.

Esporte Rio disse...

Caro Rui, eu não quero intervir nos resultados do esporte brasileiro. Apenas publico o que consigo de informação. Graças a você, voltei ao site da CBR e esta entidade reconheceu o título do Botafogo de 2016.

Esporte Rio disse...

Corrigi no site vou questionar a eles sobre os outros anos.

Rui Moura disse...

Sim, Miguel. Questione, é fundamental para uma informação fidedigna. Por mim, apesar de concordar, achei estranho que não oficializassem o título de 2015. É verdade que não era justo ser validado porque as três potências Bota, Fla e Vasco não estiveram lá por manobras da CBR, mas acho estranho que não oficializem um título de uma competição nacional do calendário oficial da CBR. Confirme, por favor.

Abraços Gloriosos.

Esporte Rio disse...

Estou aguardando resposta da CBR. O título de 2016 eu já atualizei. Tenho certeza que eles não reconheceram os campeões de 2010, 2011 e 2012.