domingo, 29 de abril de 2012

Entrevista com Jomar Garcia, Presidente do Goytacaz FC


O Presidente do Goytacaz FC, Jomar Garcia, atendeu a um pedido deste blog e falou sobre seu clube, o momento do futebol de Campos e os planos para o centenário do alvi-anil campista.

Gostaríamos de agradecer a Gustavo Rangel, da assessoria de imprensa do Goytacaz pela foto e pela realização da entrevista.

ER: Jomar, pode me contar um pouco de sua trajetória até chegar à Presidência do Goytacaz?
JG: Joguei no Goytacaz, como lateral-direito, de 1978 a 1990. Depois participei de algumas diretorias, sendo três vezes vice-presidente de futebol, até me eleger presidente no início desse ano, após a renúncia do presidente anterior.
 

ER: Quantos sócios em dia tem o Goytacaz hoje?
JG: Na verdade estamos fazendo um recadastramento de sócios e proprietários de cadeiras cativas e em breve teremos esses números precisos.
 

ER: Além da receita dos sócios, de onde vem a receita do Goytacaz?
JG: Alugúeis de nossas lojas ao redor do estádio, renda de jogos e patrocínio em propagandas estáticas e na camisa oficial. Sempre contamos também com a ajuda de amigos e abnegados.
 

ER: Existe alguma pesquisa que a torcida do Goytacaz é maior que a do Americano e a do Rio Branco em Campos ?
JG: Um instituto de pesquisa de Campos já fez esta pesquisa que comprovou que a maior torcida é a do Goytacaz. Além disso, é só andar pelas ruas e ver a quantidade de pessoas usando camisas do Goytacaz. Por fim, é só e ir aos estádios para ter a comprovação final nas arquibancadas.
 

ER: O Goytacaz deixou a 1a Divisão em 1991 (oficialmente em 1992). Já são 21 anos nas divisões inferiores. Este ano o Goytacaz tem chances de subir?
JG: Sim. O trabalho está sendo bem feito e a gente entra na disputa para vencer. Sempre! Respeitamos os adversários, mas queremos buscar nosso espaço e voltar à divisão de elite no futebol do estado.
 

ER: Por que o Goytacaz ficou tantos anos na 2a e 3a Divisões?
JG: Na vedade somente em 2011 passamos pela Série C. Mas não gosto de criticar gestões passadas. Estamos focando na nossa gestão para conseguirmos o acesso. O futebol mudou muito somente agora é que o clube está conseguindo acompanhar essa modernização.
 

ER: Na sua opinião, quantos clubes deveriam disputar a 1a Divisão? E a 2a Divisão?
JG: Vinte clubes na Primeira e vinte na Segunda.
 

ER: A fórmula de disputa da 2a Divisão é longa, com muitos jogos. Você concorda que esta é a fórmula de disputa ideal da Segundona?
JG: Acho que até certo ponto ela é válida, pois deixa os clubes em atividade por um bom período, empregando funcionários, jogadores, etc. Além disso, o comércio de vários setores ganha muito com o futebol em atividade: hotelaria, alimentação e serviços são bons exemplos disso. Deveríamos rever a situação de apoio financeiro que é o que nos faz maior falta e os clubes devem buscar alternativas viáveis para se manterem.
 

ER: O Goytacaz tem lucro com a disputa do Estadual da 2a Divisão?
JG: Não, mas as receitas obtitidas nos jogos em casa dá para pagar nossas despesas, que não são poucas.
 

ER: O Goytacaz consegue revelar bons jogadores nas categorias de base?
JG: Estamos reestruturando as categrias de base. Inclusive, estamos disputando todas as categorias dos campeonatos promovidos pela federação. Hoje, temos dois jogadores profissionais no elenco que vieram das nossas categorias de base: Wandinho e Carlos André. Ambos são titulares.
 

ER: Como você vê a atual situação do futebol de Campos? Durante os anos 80 e 90, a cidade chegou a ter dois clubes na 1a Divisão do Estadual. Além do Goytacaz estar afastado da elite, o Americano acabou de ser rebaixado. O que aconteceu em Campos?
JG: Não só Campos, como todo o futebol brasileiro atravessa bons e maus momentos. Acredito que é uma fase que pode passar logo. Mas com um pouco de planejamento, nosso futebol pode retornar aos tempos de glórias.
 

ER: Para o Goytacaz, o rebaixamento do Americano é bom, ruim ou indiferente?
JG: Certamente a queda do Americano não foi algo bom para o futebol de Campos. Ao lado de nossa apaixonada torcida, o Goytacaz está lutando há anos para sair da Série B, mesmo tendo montado bons elencos para isso. A cada campeonato que se inicia, encontramos forças para continuar seguindo em frente para buscar o tão sonhado acesso. Acho que o Americano têm condições de reverter este quadro, mas o caminho da Série B não é nada fácil. É um campeonato muito duro, longo e onde o rendimento do time tem que estar sempre em alta.
 

ER: Além do Futebol, quais outros esportes o Goytacaz pratica hoje? Há escolinhas destes esportes?
JG: Somente futebol. Estamos implantando ainda neste mês de abril escolinhas para garotos de até 15 anos. O Goytacaz é oriundo de remadores. Por isso, no ano de nosso centenário que será comemorado em 20 de agosto do corrente ano, estamos tentando implantar o remo em nossas fileiras. O Futsal também está nos nosssos planos para o segundo semestre.
 

ER: O clube tem como se beneficiar e ou investir em esportes olímpicos devido ao Rio 2016?
JG: Acredito que ainda não. Nosso foco é futebol e retornar o clube à elite do estado no futebol. Somente depois podemos pensar em algo assim, a começar pelo remo.
 

ER: Deseja deixar algum recado final para a torcida alvi-anil?
JG: A torcida pode aguardar muita dedicação e empenho de nossa parte para fazer o melhor para o clube. Aqui não temos vaidade e o primeiro nome é sempre o do Goytacaz. Podem acreditar em muito trabalho e honestidade.

sábado, 28 de abril de 2012

CR Flamengo Campeão do Torneio Ruy Essucy Petiz de Natação de 2012.1

Parabéns ao Flamengo!

Classificação:
1) Flamengo - 1.891,50 - Campeão.
2) Marina BC - 1.143,50
3) Fluminense - 971
4) Vasco da Gama - 931
5) Tijuca TC - 725
6) Botafogo - 562,50
7) SESI - 197
8) Guanabara - 162,50
9) Djan Madruga - 31

Os Campeões:
2008.1 - Fluminense
2008.2 - Fluminense
2009.1 - Fluminense
2009.2 - Fluminense
2010.1 - Botafogo
2010.2 - Botafogo
2011.1 - Flamengo
2011.2 - Marina BC
2012.1 - Flamengo

sexta-feira, 27 de abril de 2012

ASA São Bernardo (SP) Bicampeão da Copa Brasil de Provas Combinadas de Atletismo de 2011/2012

O Rio teve bom desempenho com as equipes da Mangura e da PM de Duque de Caxias.

Classificação:
1) ASA São Bernardo (SP) - 45 - Bicampeão.

 2) CRIA Lavras (MG) - 23
3) Mangueira (RJ) - 19
3) BM&F (SP) - 19
...
7) PM Duque de Caxias (RJ) - 13
12) Ideal Brasil (RJ) - 9

Os Campeões:
2009 - Rede Atletismo (SP)
2010 - Rede Atletismo (SP)
2011 - ASA São Bernardo (SP)
2012 - ASA São Bernardo (SP)

Academia Hércules Novo Airão (AM) Campeã Brasileira Interclubes de Tae Kwon Do de 2012

Competição reuniu cerca de 500 atletas em Manaus (AM) no fim de semana.

Classificação:
1) Academia Hércules Novo Airão (AM)
2) Associação MAP (AM)
3) SESI (MG)
4) Clube Municipal (AM)
5) Associação Impacto (AM)

Os Campeões:
2009 - Ponte Preta (SP)
2010 - ----
2011 - SESI (MG)
2012 - Academia Hércules Novo Airão (AM)

Festa Banguense

Apesar da derrota para o Botafogo, a torcida Banguense resgatou seu orgulho.

O Bangu não só se livrou do rebaixamento como chegou perto do título da Taça Rio. Vejam as imagens da torcida alvi-rubra a caminho do Engenhão (fonte Globoesporte).





Monterrey (México) Bicampeão da Copa dos Campeões da CONCACAF de 2010/11/2011/12

O Monterrey passou por três times mexicanos no mata-mata para conquistar o bicampeonato da Copa dos Campeões da CONCACAF e arrematar o 27º título para o México na competição.

O Monterrey passou por Morelia, UNAM e Santos sendo sempre superior e impondo seu melhor ritmo de jogo. O time mexicano garantiu vaga no Mundial de Clubes de 2012.

Os Participantes:
Canadá: Toronto FC.
Costa Rica: Alajuelense e Herediano.
El Salvador: Alianza e Isidro Metapán.
Estados Unidos: Colorado Rapids, Dallas FC, Los Angeles Galaxy e Seattle Sounders.
Guatemala: Comunicaciones e Municipal.
Guiana: Alpha.
Haiti: Tempête.
Honduras: Motagua, Olimpia e Real España.
México: Monterrey, Morélia, Santos e UNAM.
Nicarágua: Real Esteli.
Panamá: San Francisco e Tauro.
Porto Rico: Puerto Rico Islanders.

A Campanha:
1
ª Fase:
 Isento.
2ª Fase:
5-0 Herediano (Costa Rica) - f
0-1 Seattle Sounders (Estados Unidos) - c
0-1 Comunicaciones (Guatemala) - f
3-1 Comunicaciones (Guatemala) - c
1-0 Herediano (Costa Rica) - c
2-1 Seattle Sounders (Estados Unidos) - f
3ª Fase:
3-1 Morelia (México) - f
4-1 Morelia (México) - c
4ª Fase:
3-0 UNAM (México) - c
1-1 UNAM (México) - f
Final:
2-0 Santos (México) - c
1-2 Santos (México) - f

Fluminense FC Campeão do Torneio Ruy Essucy Mirim de Natação de 2012.1

O Fluminense se sagrou campeão do Torneio Ruy Essucy Mirim de natação de 2012.1.

Classificação: 
 Fluminense - 1.495 - Campeão.
2º Flamengo - 921,50
3º Tijuca TC - 825
4º Vasco da Gama - 541
5º Botafogo - 455
6º Marina BC - 296,50
7º SESI - 197
8º Guanabara - 95
9º CR Icaraí - 46

Os Campeões: 
2010.1 - Botafogo FR
2010.2 - Fluminense FC
2011.1 - Tijuca TC
2011.2 - Tijuca TC
2012.1 - Fluminense FC

quinta-feira, 26 de abril de 2012

Flamengo Vence 2a Regata de Remo

Quase deu para o Botafogo. Por um ponto o Botafogo não conquista uma regata do Campeonato Estadual, o que quebraria um jejum de décadas. O Flamengo voltou a vencer pelo Estadual mas o Botafogo não deixou que o rubro-negro disparasse.

O Flamengo venceu o Dois Sem Peso Leve, o Four Skiff Júnior A Feminino, o Single Skiff Aberto Feminino, o Double Skiff Infantil, o Quatro Sem Sub-23 e o Four Skiff Sub-23 Feminino.

O Botafogo venceu o Single Skiff Júnior B, o Dois Com Aspirante e o Oito Com Peso Leve.

O Vasco da Gama venceu o Double Skiff Aberto, o Quatro Com Júnior A, o Single Skiff Aspirante e o Double Skiff Master Feminino.

Classificação da Regata:
1) Flamengo - 87 - Vencedor. 
2) Botafogo - 86
3) Vasco da Gama - 53
4) ANNFR - 14
5) Escola Naval - 7  

Classificação do Estadual:
1) Flamengo - 135
2) Botafogo - 121
3) Vasco da Gama - 56
4) ANNFR - 19
5) Escola Naval - 9

Juvenil: 5a Rodada

1a Fase:
1o Turno:
5a Rodada:

21/04/12
Nova Iguaçu 5-1 Resende FC
Vasco da Gama 2-0 Volta Redonda
Friburguense 0-2 Boavista
Flamengo 5-0 Madureira
Americano 1-6 Fluminense
Bonsucesso 3-0 Macaé
Botafogo 3-0 Olaria
22/04/12
Bangu 1-2 Duque de Caxias
Tanguá 0-3 Goytacaz
Condor 6-1 Serra Macaense
União de Marechal Hermes 2-3 Artsul
Audax Rio 2-0 Portuguesa
Barcelona 3-1 Sampaio Corrêa
Apollo 1-1 São João da Barra
América 3-1 São Cristóvão
Tigres WO-0 Arthurzinho (3-0)

Classificação:
Grupo A1:

1) Botafogo - 13
2) Flamengo - 12
3) Madureira - 8
3) Nova Iguaçu - 8
5) Macaé - 4
5) Resende FC - 4
7) Olaria - 3
7) Bonsucesso - 3

Grupo A2:
1) Fluminense - 15
1) Vasco da Gama - 15
3) Boavista - 10
4) Volta Redonda - 7
5) Duque de Caxias - 6
6) Friburguense - 3
7) Americano - 1
7) Bangu - 1

Grupo BC1:
1) Serra Macaense - 10
1) Goytacaz - 10
3) Condor - 9
4) Barcelona - 8
5) Apollo - 7
6) Sampaio Corrêa - 6
7) São João da Barra - 5
8) Tanguá - 1

Grupo BC2:
1) Artsul - 15
2) Audax Rio - 12
2) América - 12
4) Portuguesa - 9
4) Tigres - 9
6) São Cristóvão - 3
7) Arthurzinho - 0
7) União de Marechal Hermes - 0

quarta-feira, 25 de abril de 2012

Hebraica (SP) Campeã Brasileira Júnior Masculina de Polo Aquático de 2012

Botafogo, Flamengo, Fluminense, Hebraica (SP), Jundiaiense (SP), Pacaembu (SP), Paineiras (SP), Paulistano (SP), Pinheiros (SP) e SESI (SP) disputaram o Brasileiro Júnior Masculino.

A Hebraica (foto Cristina Guimarães) ficou com o título ao derrotar o Fluminense por 9 a 7 na decisão. O Flamengo ficou com a medalha de bronze ao superar o SESI por 12 a 6.

Os Campeões:
2007 - Pinheiros (SP)
2008 - Pinheiros (SP)
2009.1 - Fluminense (RJ)
2009.2 - Pinheiros (SP)
2010.1 - SESI (SP)
2010.2 - SESI (SP)
2011 - SESI (SP)
2012 - Hebraica (SP)

2a Divisão de Juniores: 20a Rodada

Faltam apenas duas rodadas para o fim da 1a Fase.

1a Fase:
20a Rodada:

21/04/12
Ceres 3-0 Rio Branco
Carapebus 0-WO Barra Mansa (0-3)
Tigres 3-2 Artsul
Mesquita 0-2 Serra Macaense
Teresópolis FC 0-WO Quissamã (0-3)
Audax Rio 3-2 Imperial
Angra dos Reis 4-2 Goytacaz
América 0-1 Cabofriense
Sampaio Corrêa 0-1 Portuguesa
22/04/12
Juventus 2-1 São João da Barra

Classificação:
Grupo A:

1) Serra Macaense - 43 - Fase Final.
2) Artsul - 42 - Fase Final.
3) Barra Mansa - 37 - Fase Final.
4) Tigres - 35 - Fase Final.
5) Quissamã - 34
6) Ceres - 30
7) São Cristóvão - 27
8) Rio Branco - 18
9) Mesquita - 12
10) Carapebus - 4
11) Teresópolis FC - 0

Grupo B:
1) Audax Rio - 30 - Fase Final.
2) América - 29 - Fase Final.
2) Portuguesa - 29 - Fase Final.
4) Sampaio Corrêa - 28
5) Goytacaz - 24
6) Imperial - 23
7) Cabofriense - 19
8) São João da Barra - 17
8) Juventus - 17
10) Angra dos Reis - 9

terça-feira, 24 de abril de 2012

Cruzeiro EC (MG) Campeão Brasileiro Masculino de Voleibol de 2011/12

O Cruzeiro (MG) conquistou o Campeonato Brasileiro Masculino de Voleibol de 2011/12 provando que é possível que times de futebol invistam e conquistam títulos no vôlei masculino. O Cruzeiro não foi o primeiro clube de futebol que conquistou o Brasileiro. Antes, tivemos o Santos (SP) em 1968; o Botafogo em 1971, 1972, 1975 e em 1976. Já era sem tempo que os clubes de futebol, de massa, de torcida fizessem frente aos clubes de empresa. Além de Botafogo e Santos, fazem falta ao Brasileiro clubes com tradição como Flamengo e Fluminense.

Para o estado de Minas Gerais, outro jejum foi quebrado. Desde 2006/07, que um mineiro não era campeão. Hoje Minas Gerais tem o segundo Estadual mais forte do páis depois de São Paulo.

A final contra o Vôlei Futuro (SP) foi uma partida disputada.

O Cruzeiro se classificou para a disputa do Sul-Americano de clubes, equivalente a Libertadores do futebol. Se o regulamento for mantido para 2012/13, o Londrina (PR) jogará a 2ª Divisão e em seu lugar entrará o Canoas (RS).

Os Participantes:
MG: Cruzeiro, Minas TC, Montes Claros e UFJF.
PR: Londrina.
RJ: RJX e Volta Redonda.
SC: Florianópolis.
SP: Campinas, São Bernardo, SESI e Vôlei Futuro.

1ª Fase:
10/12/11
(SP) SESI 3-0 RJX
Volta Redonda 1-3 Cruzeiro (MG)
14/12/11
Volta Redonda 0-3 SESI (SP)
15/12/11
(MG) Montes Claros 3-1 RJX
17/12/11
Volta Redonda 2-3 RJX
20/12/11
(SC) Florianópolis 1-3 RJX
Volta Redonda 1-3 UFJF (MG)
22/12/11
(MG) UFJF 0-3 RJX
(SP) São Bernardo 3-0 Volta Redonda
07/01/12
RJX 2-3 Minas TC (MG)
Volta Redonda 3-0 Londrina (PR)
11/01/12
(SP) São Bernardo 3-1 RJX
(SP) Campinas 3-0 Volta Redonda
14/01/12
RJX 2-3 Vôlei Futuro (SP)
Volta Redonda 2-3 Montes Claros (MG)
18/01/12
(PR) Londrina 1-3 RJX
(SC) Florianópolis 0-3 Volta Redonda
21/01/12
RJX 3-1 Cruzeiro (MG)
Volta Redonda 3-0 Minas TC (MG)
25/01/12
(SP) Campinas 3-1 RJX
(SP) Vôlei Futuro 3-1 Volta Redonda
27/01/12
RJX 1-3 SESI (SP)
28/01/12
(MG) Cruzeiro 3-0 Volta Redonda
01/02/12
RJX 3-0 Montes Claros (MG)
(SP) SESI 3-0 Volta Redonda
04/02/12
RJX 3-0 Volta Redonda
08/02/12
RJX 3-2 Florianópolis (SC)
(MG) UFJF 2-3 Volta Redonda
11/02/12
RJX 3-0 UFJF (MG)
Volta Redonda 2-3 São Bernardo (SP)
16/02/12
(MG) Minas TC 3-0 RJX
(PR) Londrina 0-3 Volta Redonda
24/02/12
RJX 3-2 São Bernardo (SP)
25/02/12
Volta Redonda 0-3 Campinas (SP)
29/02/12
(SP) Vôlei Futuro 3-0 RJX
(MG) Montes Claros 2-3 Volta Redonda
03/03/12
RJX 3-0 Londrina (PR)
Volta Redonda 0-3 Florianópolis (SC)
07/03/12
(MG) Cruzeiro 3-0 RJX
(MG) Minas TC 3-2 Volta Redonda
10/03/12
RJX 3-2 Campinas (SP)
Volta Redonda 0-3 Vôlei Futuro (SP)

Classificação:
1º Cruzeiro (MG) - 47 - 2ª Fase.
2º SESI (SP) - 47 - 2ª Fase.
3º Vôlei Futuro (SP) - 47 - 2ª Fase.
4º Florianópolis (SC) - 46 - 2ª Fase.
5º Minas TC (MG) - 43 - 2ª Fase.
6º Campinas (SP) - 38 - 2ª Fase.
7º RJX (RJ) - 34 - 2ª Fase.
8º São Bernardo (SP) - 31 - 2ª Fase.
9º Volta Redonda (RJ) - 20
10º Montes Claros (MG) - 19
11º UFJF (MG) - 14
12º Londrina (PR) - 10

2ª Fase:
Jogos 1:
16/03/12
(MG) Cruzeiro 3-0 São Bernardo (SP)
17/03/12
(SC) Florianópolis 3-2 Minas TC (MG)
18/03/12
(SP) SESI 2-3 RJX (RJ)
(SP) Vôlei Futuro 3-0 Campinas (SP)

Jogos 2:
23/03/12
(SP) São Bernardo 3-1 Cruzeiro (MG)
(MG) Minas TC 3-2 Florianópolis (SC)
24/03/12
(RJ) RJX * 3-2 SESI (SP)
(SP) Campinas 1-3 * Vôlei Futuro (SP)

Jogos 3:
30/03/12
(SC) Florianópolis 2-3 * Minas TC (MG)
31/03/12
(MG) Cruzeiro * 3-2 São Bernardo (SP)

3ª Fase:
Jogos 1:
03/04/12
(SP) Vôlei Futuro 0-3 RJX (RJ)
(MG) Cruzeiro 3-1 Minas TC (MG)

Jogos 2:
07/04/12
(MG) Minas TC 0-3 * Cruzeiro (MG)
08/04/12
(RJ) RJX 1-3 Vôlei Futuro (SP)

Jogo 3:
13/04/12
(SP) Vôlei Futuro * 3-1 RJX (RJ)

Final:
21/04/12
(MG) Cruzeiro ** 3-1 Vôlei Futuro (SP) (24/26, 25/18, 25/13 e 25/19)

A Campanha:
1ª Fase:
3-1 Volta Redonda (RJ) - f
3-0 UFJF (MG) - c
3-0 São Bernardo (SP) - f
3-2 Londrina (PR) - c
1-3 Campinas (SP) - f
3-0 Montes Claros (MG) - c
1-3 Florianópolis (SC) - f
2-3 Minas TC (MG) - c
3-2 Vôlei Futuro (SP) - c
1-3 RJX (RJ) - f
3-2 SESI (SP) - c
3-0 Volta Redonda (RJ) - c
3-0 UFJF (MG) - f
3-0 São Bernardo (SP) - c
3-1 Londrina (PR) - f
3-0 Campinas (SP) - c
3-0 Montes Claros (MG) - f
3-0 Forianópolis (SC) - c
2-3 Minas TC (MG) - f
3-1 Vôlei Futuro (SP) - c
3-0 RJX (RJ) - c
0-3 SESI (SP) - f
2ª Fase: 
3-0 São Bernardo (SP) - c
1-3 São Bernardo (SP) - f
3-2 São Bernardo (SP) - c
3ª Fase: 
3-1 Minas TC (MG) - c
3-0 Minas TC (MG) - f
Final:
3-1 Vôlei Futuro (SP) - n

Classificação Final:
1º Cruzeiro (MG) - Campeão + Copa dos Campeões Sul-Americanos 2012.
2º Vôlei Futuro (SP)
3º Minas TC (MG)
4º RJX (RJ)
5º SESI (SP)
6º Florianópolis (SC)
7º Campinas (SP)
8º São Bernardo (SP)
9º Volta Redonda (RJ)
10º Montes Claros (MG)
11º UFJF (MG)
12º Londrina (PR) - 2ª Divisão 2012/13.

Bonsucesso Rebaixado em 2012

Durou pouco! O tradicional Bonsucesso foi rebaixado para a 2ª Divisão do Rio de Janerio após apenas um ano entre os grandes. Isso depois de passar por um purgatório de 19 anos afastado da 1ª Divisão.

A campanha do rubro-anil da Leopoldina teve apenas duas vitórias, sete empates e seis derrotas. Os 13 pontos conquistados foram insuficientes para manter o clube na 1ª Divisão.

Duas apostas do clube para a temporada 2012 deram errado. Túlio Maravilha deixou o clube pouco antes do início do Estadual. O técnico Wilson Gottardo jamais conseguiu acertar a equipe durante a Taça Guanabara e o Bonsucesso virou presa fácil para seus adversários.

Junto à FERJ, o Bonsucesso foi um dos três clubes impedidos de jogar em casa mesmo contra os pequenos. Os outros dois foram Duque de Caxias e Nova Iguaçu.

O Bonsucesso é o maior campeão da 2ª Divisão e tem tudo para voltar logo à elite. A 2ª Divisão tem cada vez mais times tradicionais. Estão lá America, Cabofriense, Goytacaz, Portuguesa, São Cristóvão e agora Americano e Bonsucesso. 

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Nippon Blue Jays (SP) Campeão Brasileiro Sub-20 Masculino de Beisebol de 2012

Parabéns aos paulistas!

Os Campeões:
2009 - São Paulo (SP)
2010 - São Paulo (SP)
2012 - Nippon Blue Jays (SP)

Gecebs (SP) Campeão da Taça Brasil Feminina de Softbol de 2012

O Gecebs (SP) derrotou o Nikkei Curitiba (PR) por 15 a 9 e conquistou a Taça Brasil Adulta de 2012.

Os Campeões:
2009 - Coopercotia (SP)
2010 - Central Glória (PR)
2011 - Coopercotia (SP)
2012 - Gecebs (SP)

III Etapa do Circuito Interestadual de Tênis de Mesa

Bruno Vital (ADM Petrópolis) e Laís Frey (Hebraica) venceram a terceira etapa do Circuito Interestadual de Tênis de Mesa na categoria adulta.

Nas categorias de base e de veteranos, a Associação Carioca de Tênis de Mesa faturou cinco títulos, contra três do Fluminense, dois do ADM Petrópolis, um do Hebraica e um do Olaria.

Copa Brasil Centro-Norte-Nordeste de Tênis de Mesa de 2012.1

Competição foi disputada em Aracaju (SE).

Classificação:
1) Academia Sergipana (SE)
2) Academia Baiana (BA)
3) AABB Brasília (DF)
...
16) Fluminense (RJ)

Classificação Paraolímpica:
1) Jundiaí Clube (SP)
2) ADIPPNE (SP)
3) AABB Brasília (DF)

Os Campeões:
2011.2 - ASMETT (DF)
2011.2 - Sport (PE)
2011.3 - IDESCA (AM)
2012.1 - Academia Sergipana (SE)

Os Campeões Paraolímpicos:
2011.2 - Jundiaí Clube (SP)
2011.2 - Academia Cearense (CE)
2011.3 - ADEF - Amazonas (AM)
2012.1 - Jundiaí Clube (SP)

Tudo Pronto para as Eliminatórias da CONCACAF

A Copa das Nações da América Central será disputada em 2013 e classificará cinco times para a Copa de Ouro da CONCACAF. Belize, Costa Rica, El Salvador, Guatemala, Honduras, Nicarágua e Panamá confirmaram suas participações no torneio, que será disputado em Costa Rica.

Este ano no Caribe, teremos a Copa das Nações do Caribe, que classificará quatro times para a Copa de Ouro da CONCACAF de 2013. Sint Maarten e Turcos & Caicos decidiram não disputar a competição. As chaves foram sorteadas.

A 1a Fase do Caribe está agendada para ser disputada em Agosto e Setembro. A 2a Fase será disputada em Outubro.

1a Fase:
Grupo A (Ilhas Caimã): Bahamas, Bermudas, Haiti e Ilhas Caimã.
Grupo B (República Dominicana): Ilhas Virgens Americanas, Ilhas Virgens Britânicas, Porto Rico e República Dominicana.
Grupo C (Curaçao): Curaçao, Guiana, Santa Lúcia e São Vicente & Granandinas.
Grupo D (Martinica): Guiana Francesa, Martinica e Montserrat.
Grupo E (Barbados): Aruba, Barbados, Dominica e Suriname.
Grupo F (São Cristóvão & Nevis): Anguilla, São Cristóvão & Nevis, Saint-Martin e Trinidad & Tobago.

2a Fase:
Grupo G: Grenada + 3.
Grupo H: Guadalupe +3.
Grupo I: Cuba +3.

Começou o Estadual Feminino de Polo Aquático de 2012

Começou o Estadual Adulto Feminino. Apenas dois times se enfrentam em quatro partidas pelo título.

Os Participantes:
Botafogo (Rio de Janeiro)
Flamengo (Rio de Janeiro)

1ª Rodada:
19/04/12
Flamengo 12-3 Botafogo

Classificação:
1º Flamengo - 2
2º Botafogo - 0

Fluminense FC Tetracampeão do Troféu Brasil de Saltos Ornamentais de 2009/2010/2011/2012

O Fluminense conquistou o tetracampeonato do Troféu Brasil de Saltos Ornamentais ao superar com facilidade o Pinheiros (SP).

Classificação:
1º Fluminense (RJ) - 216 - Tetracampeão.
2º Pinheiros (SP) - 148
3º APOE (RJ) - 134
4º Clube Semanal de Cultura Artística (SP) - 84
5º ABRASSO (DF) - 45
6º Flamengo (RJ) - 22
7º Mackenzie (DF) - 18
7º Mackenzie (RJ) - 18
9º ADESEF (PA) - 12

domingo, 22 de abril de 2012

Entrevista com Mauricio Cristino, Presidente da FBERJ

Maurício Cristino é Presidente da Federação de Boxe do Estado do Rio de Janeiro desde sua fundação e conhece a realidade deste esporte no Rio como poucos.

ER: Maurício, pode me contar um pouco de sua trajetória até chegar à Presidência da FBRJ?
MC: Sempre me dediquei ao esporte. Fui atleta na juventude, de atletismo, futebol e boxe. Sou oriundo do estado de Minas Gerais e aqui chegando continuei praticando esportes, inclusive o Boxe na Associação Cristã de Moços, onde estou até hoje. Mesmo seguindo atividade profissional do campo da construção civil, continuei ligado ao boxe, com antigos companheiros, já muitos falecidos. Por ocasião da lei que passou a regulamentar as entidades de cada modalidade específicas, surgiu a primeira federação específica de Boxe do Brasil. Isto há cerca de 20 anos passados, na qual fui eleito o primeiro presidente desta entidade a qual continuo até hoje sempre eleito por aclamação.

ER: Atualmente, quais os clubes/academias federados à FBRJ?
MC: Quando foi constituída a FBRJ, oriunda da antiga Federação de Pugilismo, só tínhamos três entidades afiliadas. Nos dias atuais, somos 33 unidades entre academias, clubes, associações, etc (ver relação completa em http://www.boxe-rio.com.br/filiados.asp).

ER: Como sobrevive hoje a federação?
MC: A FBRJ, sobrevive (expressão bem colocada) de suas taxas de anuidade, cursos de formação de treinadores e eventos, principalmente em cidades do interior do nosso Estado.

ER: Recentemente, a FBRJ se juntou a outras federações em protesto contra os governos estadual e municipal que não repassam verbas para os esportes. Este movimento deu algum resultado?
MC: Até o momento continuamos lutando com esperanças de que esse movimento alcance um resultado positivo.

ER: A federação recebe alguma verba do governo para promover competições, lutas, ou criar escolinhas e pagar professores?
MC: Não.

ER: Qual a sua meta e expectativa para o Rio 2016?
MC: A expectativa é que venhamos a melhorar o nosso desempenho obtendo resultados melhores, pois a Confederação e as Federações estão trabalhando muito na base com atletas entre 13 e 16 anos.

ER: Como surgem hoje novos talentos no Boxe fluminense?
MC: Os novos talentos surgem com o trabalho na base, atletas infantis e cadetes. Atualmente contamos com pugilistas infantis e cadetes como campeões brasileiros.

ER: Qual é a situação do Boxe no interior do estado?
MC: A situação do Boxe no interior do nosso estado, a nosso ver, é bastante promissor, tendo em vista a formação de treinadores que vêm do interior fazê-lo aqui no Rio, e, logo após constituindo as suas entidades que venham a ser nossas afiliadas. Algumas já estão colocando atletas para competir em nossos eventos.
ER: Qual a situação do Boxe feminino no Rio de Janeiro?MC: Não tem muita expressão, pois o número de competidoras é pequeno.
ER: Comparando ao restante do Brasil, a qualidade dos atletas de Boxe do Rio está na acima, abaixo ou na média?
MC: A qualidade dos atletas do Boxe do Rio de Janeiro, está na média do Boxe nacional.

ER: Até os anos 80, os clubes de massa do Rio praticavam dezenas de modalidades esportivas. CR Flamengo e CR Vasco da Gama tinham fortes escolinhas e equipes de Boxe. Por que estes clubes deixaram o Boxe?
MC: Achamos que a época mudou, pois os clubes, pelo menos os citados, passaram a se dedicar mais ao futebol profissional

ER: O Esporte Rio acredita que o Boxe poderia ganhar em divulgação e popularidade se os clubes de torcida voltassem a praticar o esporte. Você concorda?
MC: Não, pois em data recente, o Vasco da Gama era nosso afiliado e o trabalho que lá era feito não prosperou. Isto sem contar que o Boxe é um esporte onde não existem torcidas organizadas, ocasionando com isso muita disciplina, muita ordem e nenhum tumulto.

ER: Gostaria de deixar algum recado final?
MC: Sim. Como recado final gostaria que as autoridades Municipal e Estadual, apoiassem mais os esportes olímpicos, conforme acontece com as confederações, que recebem verbas do Comitê Olímpico.

sábado, 21 de abril de 2012

Americano Rebaixado em 2012

O Americano foi rebaixado pela primeira vez na história do Campeonato Estadual. O alvi-negro de Campos dos Goytacazes brilhou na 1a Divisão do Rio de Janeiro. Foram 39 anos de elite.

Em 1976, o Americano foi convidado a disputar o novo Campeonato do Estado do Rio de Janeiro (a Guanabara se fundiu com o Rio de Janeiro) por ser um dos times de melhor qualidade do interior. Além do Americano, somente Goytacaz e Volta Redonda foram chamados. Em 1977, o convite aos três foi repetido mas em 1978 ele não veio.

Os times do interior, que agora faziam parte da mesma federação, entraram na justiça desportiva e conseguiram disputar não apenas o Estadual de 1979, como também o novo Estadual do ano anterior, agora chamado de 1979 (Especial). Além do Americano, Goytacaz, Volta Redonda, Serrano, Fluminense de Nova Friburgo e AD Niterói foram beneficiados. Friburgo e Costeira também foram chamados para a disputa mas estes clubes não atenderam a todas as exigências da FERJ.

Da metade dos anos 80 até meados dos anos 2000, o "Cano" foi a quinta força do Rio de Janeiro, superando clubes tradicionais como América e Bangu e rivais do interior como Volta Redonda, Itaperuna e América-TR.

Campeão do antigo estado do Rio de Janeiro em 1964, 1965, 1968, 1969 e 1975, chegou ao ápice em 1987, quando o time conquistou o Campeonato Brasileiro da 3a Divisão. Em 2002, conquistou seus dois últimos títulos importantes: a Taça Guanabara e a Taça Rio. O último troféu foi a Taça Moisés Mathias de Andrade, prêmio de consolação da Taça Guanabara, que foi conquistada em 2009.

O Americano caiu. Perde o clube, que tem projetos fabulosos como ter sua própria arena no lugar do velho Estádio Godofredo Cruz e perde também a cidade, que fica sem representante na 1a Divisão. E pensar que Campos chegou a ter dois times na elite durante vários anos...

Leia mais sobre o Americano FC aqui.

Sociedade dos Atiradores 23 de Setembro (SC) Campeã Brasileira da Melhor Idade Masculina de Bolão 23 de 2012

Time de São Bento do Sul (SC) superou SERC Salto do Norte (SC), de Blumenau (SC), e SER Vitória de Schroeder (SC) por pouco. Competição foi disputada em Schroeder.

Os Campeões Femininos Melhor Idade de Bola 23:
2012 - ----

Os Campeões Masculinos Melhor Idade de Bola 23:
2012 - Sociedade dos Atiradores 23 de Setembro (SC)

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Nova Iguaçu FC Campeão da Taça Guanabara de Juniores de 2012

O Nova Iguaçu conquistou a Taça Guanabara pela primeira vez em sua história e se classificou para a decisão do Campeonato Estadual. Se ganhar também a Taça Rio, o Estadual não terá uma Final.

Os gols da vitória sobre o Vasco da Gama foram marcados por Adib e Walber (contra). O resultado veio de virada (foto Nova Iguaçu FC).

O time-base do Nova Iguaçu: Iago; Nascimento, Jean, Adib e Santos; Rodrigo, Serginho, Wellington (Leônidas) e Tiago; Biro Biro (Wescley) e Nelinho (Palagar, Técnico: Rogério Pina.

Os Participantes:
Americano (Campos dos Goytacazes)
Bangu (Rio de Janeiro)
Boavista (Saquarema)
Bonsucesso (Rio de Janeiro)
Botafogo (Rio de Janeiro)
Duque de Caxias
Flamengo (Rio de Janeiro)
Fluminense (Rio de Janeiro)
Friburguense (Nova Friburgo)
Macaé
Madureira (Rio de Janeiro)
Nova Iguaçu
Olaria (Rio de Janeiro)
Resende FC
Vasco da Gama (Rio de Janeiro)
Volta Redonda

1ª Fase:
1º Turno:
1ª Rodada:
21/01/12
Madureira 0-3 Macaé
Olaria 0-5 Nova Iguaçu
Fluminense 3-1 Friburguense
Flamengo 1-0 Bonsucesso
Botafogo 4-3 Resende FC
22/01/12
Bangu 0-1 Volta Redonda
Boavista 0-0 Duque de Caxias
Vasco da Gama 2-0 Americano

2ª Rodada:
28/01/12
Bonsucesso 3-1 Madureira
Macaé 2-3 Flamengo
Volta Redonda 1-2 Fluminense
Nova Iguaçu 1-2 Botafogo
29/01/12
Friburguense 1-2 Bangu
Americano 1-0 Boavista
Duque de Caxias 0-3 Vasco da Gama
30/01/12
Resende FC 3-6 Olaria

3ª Rodada:
01/02/12
Bonsucesso 1-2 Nova Iguaçu
Fluminense 2-1 Boavista
Friburguense 1-2 Duque de Caxias
Macaé 1-0 Resende FC
02/02/12
Bangu 0-3 Vasco da Gama
Madureira 0-3 Botafogo
Volta Redonda 1-0 Americano
Flamengo 2-0 Olaria

4ª Rodada:
04/02/12
Fluminense 4-0 Duque de Caxias
05/02/12
Vasco da Gama 4-1 Friburguense
Resende FC 1-2 Bonsucesso
Nova Iguaçu 5-1 Macaé
Americano 0-1 Bangu
Olaria 3-0 Madureira
Boavista 1-1 Volta Redonda
Botafogo 0-1 Flamengo

5ª Rodada:
08/02/12
Bangu 1-0 Duque de Caxias
Nova Iguaçu 3-2 Resende FC
Friburguense 2-3 Boavista
Botafogo 1-2 Olaria
09/02/12
Flamengo 6-1 Madureira
Bonsucesso 3-1 Macaé
15/02/12
Vasco da Gama 2-0 Volta Redonda
Americano 0-2 Fluminense

6ª Rodada:
11/02/12
Americano 2-3 Friburguense
Olaria 1-2 Macaé
Botafogo 3-0 Bonsucesso
Flamengo 0-1 Nova Iguaçu
Vasco da Gama 1-2 Fluminense
12/02/12
Boavista 1-0 Bangu
Duque de Caxias 1-2 Volta Redonda
Resende FC 1-3 Madureira

7ª Rodada:
17/02/12
Resende FC 2-6 Flamengo
18/02/12
Olaria 1-1 Bonsucesso
Macaé 2-3 Botafogo
Madureira 0-3 Nova Iguaçu
Duque de Caxias 2-2 Americano
Boavista 0-0 Vasco da Gama
Volta Redonda 0-0 Friburguense
Fluminense 6-0 Bangu

8ª Rodada:
29/02/12
Flamengo 5-0 Boavista
Nova Iguaçu 6-0 Friburguense
Resende FC 1-2 Fluminense
Bangu 3-0 Olaria
Americano 1-1 Botafogo
Volta Redonda 2-1 Madureira
01/03/12
Macaé 0-1 Duque de Caxias
Vasco da Gama 0-1 Bonsucesso

9ª Rodada:
03/03/12
Botafogo 3-0 Volta Redonda
Fluminense 1-2 Nova Iguaçu
Friburguense 2-2 Resende FC
04/03/12
Olaria 2-4 Vasco da Gama
Madureira 2-1 Americano
Bonsucesso 2-1 Bangu
Duque de Caxias 0-0 Flamengo
Boavista 0-3 Macaé

10ª Rodada:
08/03/12
Flamengo 6-1 Fluminense
10/03/12
Nova Iguaçu 5-1 Duque de Caxias
Macaé 3-0 Friburguense
Resende FC 1-1 Boavista
Bangu 0-2 Botafogo
Vasco da Gama 2-1 Madureira
Americano 1-0 Olaria
11/03/12
Volta Redonda 1-2 Bonsucesso

11ª Rodada:
17/03/12
Botafogo 1-0 Vasco da Gama
Olaria 0-1 Volta Redonda
Madureira 1-0 Bangu
Fluminense 3-1 Macaé
Friburguense 1-1 Flamengo
18/03/12
Boavista 0-2 Nova Iguaçu
Bonsucesso 2-2 Americano
Duque de Caxias 0-1 Resende FC

12ª Rodada:
24/03/12
Botafogo 3-1 Duque de Caxias
Olaria 0-1 Friburguense
Madureira 0-3 Boavista
Bonsucesso 1-1 Fluminense
Volta Redonda 0-4 Flamengo
25/03/12
Vasco da Gama 2-0 Resende FC
Bangu 1-1 Nova Iguaçu
Americano 2-2 Macaé

13ª Rodada:
31/03/12
Nova Iguaçu 4-2 Volta Redonda
Macaé 3-2 Vasco da Gama
Boavista 2-3 Olaria
Flamengo 1-0 Bangu
01/04/12
Resende FC 0-1 Americano
Fluminense 2-1 Botafogo
Friburguense 0-1 Madureira
Duque de Caxias 2-1 Bonsucesso

14ª Rodada:
07/04/12
Botafogo 3-0 Friburguense
Olaria 0-5 Duque de Caxias
Madureira 3-5 Fluminense
Vasco da Gama 0-2 Flamengo
Bangu 1-0 Macaé
08/04/12
Bonsucesso 2-0 Boavista
Americano 1-5 Nova Iguaçu
Volta Redonda 2-2 Resende FC

15ª Rodada:
14/04/12
Fluminense 1-0 Olaria
Flamengo 4-0 Americano
Nova Iguaçu 2-1 Vasco da Gama
15/04/12
Macaé 0-5 Volta Redonda
Resende FC 2-1 Bangu
Friburguense 1-1 Bonsucesso
Duque de Caxias 1-0 Madureira
Boavista 0-2 Botafogo

Classificação:
1º Nova Iguaçu - 40 - Campeão da Taça Guanabara + Final.
2º Flamengo - 38
3º Fluminense - 37
4º Botafogo - 34
5º Vasco da Gama - 25
6º Bonsucesso - 25
7º Volta Redonda - 21
8º Macaé - 19
9º Duque de Caxias - 18
10º Bangu - 16
11º Boavista - 13
12º Olaria - 13
13º Americano - 13
14º Madureira - 12
15º Friburguense - 10
16º Resende FC - 9

Juvenil: 4a Rodada

Artsul, Fluminense e Vasco da Gama mantiveram os 100% de aproveitamento.

1a Fase:
1o Turno:
4a Rodada:

14/04/12
Vasco da Gama 6-0 Friburguense
Resende FC 5-0 Bonsucesso
Nova Iguaçu 1-1 Macaé
Americano 2-2 Bangu
Olaria 2-2 Madureira
Fluminense 6-0 Duque de Caxias
Boavista 2-2 Volta Redonda
Botafogo 3-2 Flamengo
15/04/12
União de Marechal Hermes 2-3 América
Sampaio Corrêa 1-0 Condor
São Cristóvão 1-5 Artsul
Barcelona 1-1 Serra Macaense
Goytacaz 1-2 São João da Barra
Arthurzinho 0-WO Portuguesa (0-3)
Tanguá 0-3 Apollo
Tigres 1-2 Audax Rio

Classificação:
Grupo A1:

1) Botafogo - 10
2) Flamengo - 9
3) Madureira - 8
4) Nova Iguaçu - 5
5) Macaé - 4
5) Resende FC - 4
7) Olaria - 3
8) Bonsucesso - 0

Grupo A2:
1) Fluminense - 12
1) Vasco da Gama - 12
3) Boavista - 7
3) Volta Redonda - 7
5) Friburguense - 3
5) Duque de Caxias - 3
7) Americano - 1
7) Bangu - 1

Grupo BC1:
1) Serra Macaense - 10
2) Goytacaz - 7
3) Condor - 6
3) Sampaio Corrêa - 6
3) Apollo - 6
6) Barcelona - 5
7) São João da Barra - 4
8) Tanguá - 1

Grupo BC2:
1) Artsul - 12
2) Audax Rio - 9
2) América - 9
2) Portuguesa - 9
5) Tigres - 6
6) São Cristóvão - 3
7) Arthurzinho - 0
7) União de Marechal Hermes - 0

Copa Brasil Sul-Sudeste de Tênis de Mesa de 2012

Confira o desempenho dos times do Rio.

Classificação:
1) Jundiaí Clube (SP)
2) São Caetano do Sul (SP)
3) Santos FC (SP)
...
13) Associação Carioca de Tênis de Mesa (RJ)
15) Náutico Volta Redonda (RJ)
19) Fluminense (RJ)
23) ADM Petrópolis (RJ)
29) Olaria (RJ)

Classificação Paraolímpica:
1) PM Jundiaí (SP)
2) Associação dos Deficientes Físicos do Paraná (PR)
3) AABB Brasília (DF)
...
16) AABB Niterói (RJ)
23) Fluminense (RJ)

Os Campeões:
2011.1 - Círcolo Italiano (SP)
2011.2 - PM Jundiaí (SP)
2012.1 - Jundiaí Clube (SP)

Os Campeões Paraolímpicos:
2011.1 - Defesa da Inclusão (SP)
2011.2 - PM Jundiaí (SP)
2012.1 - PM Jundiaí (SP)

quinta-feira, 19 de abril de 2012

2a Divisão de Juniores: 19a Rodada

Barra Mansa e Tigres se classificaram com os resultados da rodada.

1a Fase:
19a Rodada:

18/04/12
Rio Branco 1-1 São Cristóvão
Barra Mansa 5-2 Ceres
Artsul 0-1 Quissamã
Serra Macaense 1-1 Tigres
Mesquita WO-0 Teresópolis FC (3-0)

Classificação:
Grupo A:

1) Artsul - 42 - Fase Final.
2) Serra Macaense - 40 - Fase Final.
3) Barra Mansa - 34 - Fase Final.
4) Tigres - 32 - Fase Final.

5) Quissamã - 31
6) Ceres - 27
6) São Cristóvão - 27
8) Rio Branco - 18
9) Mesquita - 12
10) Carapebus - 4
11) Teresópolis FC - 0

Grupo B:
1) Sampaio Corrêa - 28
2) Audax Rio - 27
3) América - 26
3) Portuguesa - 26
5) Goytacaz - 24
6) Imperial - 23
7) Cabofriense - 19
8) São João da Barra - 17
9) Juventus - 14
10) Angra dos Reis - 6

quarta-feira, 18 de abril de 2012

Americana (SP) Campeã Brasileira Feminina de Basquetebol de 2011/12

A Americana (SP) só precisou de duas partidas para superar o Ourinhos (SP) e se sagrar Campeã Brasileira de 2011/12. A equipe paulista não vencia o Brasileiro desde 2003. 

O Rio de Janeiro ficou de fora do Campeonato Brasileiro Feminino de 2011/12. Fluminense e Mangueira chegaram a anunciar suas participações mas não encontraram patrocinadores e desistiram.

Os Participantes:
MA: Maranhão.
SC: Vasto Verde.
SP: Americana, Araraquara, Catanduva, Ourinhos, Santo André, São Caetano e São José.

1ª Fase:
Classificação:
1º Americana (SP) - 32 - 2ª Fase.
2º Ourinhos (SP) - 28 - 2ª Fase.
3º Catanduva (SP) - 26 - 2ª Fase.
4º São José (SP) - 26 - 2ª Fase.
5º Santo André (SP) - 25 - 2ª Fase.
6º Maranhão (MA) - 22 - 2ª Fase.
7º Vasto Verde (SC) - 21 - 2ª Fase.
8º Araraquara (SP) - 20 - 2ª Fase.
9º São Caetano (SP) - 16

2ª Fase:
Jogos 1:
10/03/12
(SP) Araçatuba 52-67 Americana (SP)
11/03/12
(MA) Maranhão 69-64 Catanduva (SP)
12/03/12
(SC) Vasto Verde 56-65 Ourinhos (SP)
(SP) Santo André 75-57 São José (SP)

Jogos 2:
16/03/12
(SP) São José 70-69 Santo André (SP)
17/03/12
(SP) Americana * 95-65 Araçatuba (SP)
(SP) Catanduva 65-59 Maranhão (MA)
18/03/12
(SP) Ourinhos * 64-48 Vasto Verde (SC)

Jogos 3:
19/03/12
(SP) Catanduva * 75-66 Maranhão (MA)
(SP) São José 69-76 * Santo André (SP)

3ª Fase:
Jogos 1:
23/03/12
(SP) Santo André 83-85 Americana (SP)
24/03/12
(SP) Catanduva 69-72 Ourinhos (SP)

Jogos 2:
02/04/12
(SP) Americana 62-65 Santo André (SP)
(SP) Ourinhos * 72-70 Catanduva (SP)

Jogo 3:
04/04/12
(SP) Americana * 79-62 Santo André (SP)

Final:
Jogo 1:
09/04/12
(SP) Ourinhos 80-85 Americana (SP)

Jogo 2:
14/04/12 
(SP) Americana ** 69-61 Ourinhos (SP) 

A Campanha: 
1ª Fase:
58-49 Ourinhos (SP) - c 
91-63 São José (SP) - c 
77-53 Maranhão (MA) - f 
84-47 São Caetano (SP) - c 
97-69 Santo André (SP) - c 
87-55 Vasto Verde (SC) - c 
73-59 Araçatuba (SP) - f 
72-66 Catanduva (SP) - f 
84-52 Ourinhos (SP) - f 
83-43 São Caetano (SP) - f 
76-54 São José (SP) - c 
77-47 Maranhão (MA) - c 
67-66 Santo André (SP) - f
68-58 Vasto Verde (SC) - f 
96-63 Araçatuba (SP) - c 
83-58 Catanduva (SP) - c 
2ª Fase: 
67-52 Araçatuba (SP) - f 
95-65 Araçatuba (SP) - c 
3ª Fase: 
85-83 Santo André (SP) - f 
62-65 Santo André (SP) - c 
79-62 Santo André (SP) - c 
Final: 
85-80 Ourinhos (SP) - f 
69-61 Ourinhos (SP) - c 

História do Campeonato Estadual de Poker Texas Hold'em

Confira os Campeões Estaduais de Poker ao longo dos anos.

Os Campeões:
2007 - Fred Bittencourt
2008 - Fred Bittencourt
2009 - Carlos "Mavca"
2010 - Celso Vieira
2011 - Carlos "Mavca"

2a Divisão de Juniores: 18a Rodada

Serra Macaense se classificou para o Duodecagonal Final.

1a Fase:
18a Rodada:

14/04/12
São Cristóvão 3-1 Barra Mansa
Ceres WO-0 Carapebus (3-0)
Teresópolis FC 0-WO Artsul (0-3)
Quissamã 0-1 Serra Macaense
Tigres 1-0 Mesquita
São João da Barra 3-1 Audax Rio
Goytacaz 2-4 América
Imperial 1-4 Angra dos Reis
Cabofriense 0-0 Sampaio Corrêa
Portuguesa 5-0 Juventus

Classificação:
Grupo A:

1) Artsul - 42 - Fase Final.
2) Serra Macaense - 39 - Fase Final.

3) Barra Mansa - 31
3) Tigres - 31
5) Quissamã - 28
6) Ceres - 27
7) São Cristóvão - 26
8) Rio Branco - 17
9) Mesquita - 9
10) Carapebus - 4
11) Teresópolis FC - 0

Grupo B:
1) Sampaio Corrêa - 28
2) Audax Rio - 27
3) América - 26
3) Portuguesa - 26
5) Goytacaz - 24
6) Imperial - 23
7) Cabofriense - 19
8) São João da Barra - 17
9) Juventus - 14
10) Angra dos Reis - 6

terça-feira, 17 de abril de 2012

Osasco VC (SP) Campeão Brasileiro Feminino de Voleibol de 2011/12

Para a Rede Globo transmitir a grande decisão, a Confederação Brasileira de Voleibol vendeu a alma da competição. Os Playoffs que antigamente eram disputados numa melhor de cinco jogos foram reduzidos para uma melhor de três. A Final que tinha o mesmo número de jogos dos Playoffs foi reduzida a uma partida única para atender à exigência da principal emissora do país, que não quer correr o risco de transmitir um jogo qualquer e não um final.

Dito isto, quem entra mal no dia da Final, fica com pouca chances de reverter o placar. E foi exatamente isso que aconteceu com o time do Rio de Janeiro VC. A equipe carioca foi totalmente dominada nos dois primeiros sets pelo Osasco (SP). No último set ainda tentou uma reação mas ela veio tarde demais.

O Osasco se sagrou merecidamente Campeão Brasileiro e garantiu uma vaga na Copa dos Campeões Sul-Americanos de 2012.

Os Participantes:
MG: Mackenzie, Minas TC e PC Uberlândia.
RJ: Macaé Sports e Rio de Janeiro VC.
SC: Rio do Sul.
SP: São Bernardo, Osasco, Pinheiros, São Caetano, SESI e Vôlei Futuro.

1ª Fase:
09/12/11
(MG) PC Uberlândia 3-0 Macaé Sports
10/12/11
Rio de Janeiro VC 0-3 SESI (SP)
13/12/11
Macaé Sports 0-3 SESI (SP)
Rio de Janeiro VC 3-0 São Caetano (SP)
16/12/11
(MG) Mackenzie 0-3 Rio de Janeiro VC
Macaé Sports 0-3 Minas TC (MG)
19/12/11
(SP) Pinheiros 1-3 Macaé Sports
Rio de Janeiro VC 3-1 Rio do Sul (SC)
22/12/11
(SP) São Bernardo 0-3 Rio de Janeiro VC
Macaé Sports 0-3 Vôlei Futuro (SP)
10/01/12
(SP) Osasco 3-0 Macaé Sports
Rio de Janeiro VC 3-0 PC Uberlândia (MG)
13/01/12
Rio de Janeiro VC 3-0 Macaé Sports
17/01/12
Rio de Janeiro VC 3-0 Minas TC (MG)
(SP) São Caetano 3-2 Macaé Sports
20/01/12
Macaé Sports 0-3 Mackenzie (MG)
21/01/12
(SP) Pinheiros 0-3 Rio de Janeiro VC
24/01/12
Rio de Janeiro VC 3-0 Vôlei Futuro (SP)
(SC) Rio do Sul 3-0 Macaé Sports
27/01/12
Macaé Sports 1-3 São Bernardo (SP)
28/01/12
(SP) Osasco 1-3 Rio de Janeiro VC
31/01/12
(SP) SESI 2-3 Rio de Janeiro VC
Macaé Sports 2-3 PC Uberländia (MG)
02/02/12
(SP) São Caetano 0-3 Rio de Janeiro VC
03/02/12
(SP) SESI 3-0 Macaé Sports
07/02/12
Rio de Janeiro 3-0 Mackenzie (MG)
(MG) Minas TC 3-2 Macaé Sports
10/02/12
Macaé Sports 0-3 Pinheiros (SP)
(SC) Rio do Sul 0-3 Rio de Janeiro VC
13/02/12
Rio de Janeiro VC 3-0 Sâo Bernardo (SP)
(SP) Vôlei Futuro 3-0 Macaé Sports
16/02/12
Macaé Sports 1-3 Osasco (SP)
(MG) PC Uberlândia 0-3 Rio de Janeiro VC
24/02/12
Macaé Sports 0-3 Rio de Janeiro VC
28/02/12
(MG) Minas TC 0-3 Rio de Janeiro VC
Macaé Sports 3-1 Sâo Caetano (SP)
02/03/12
(MG) Mackenzie 3-0 Macaé Sports
Rio de Janeiro VC 3-0 Pinheiros (SP)
06/03/12
(SP) Vôlei Futuro 3-2 Rio de Janeiro VC
Macaé Sports 3-1 Rio do Sul (SC)
09/03/12
(SP) Sâo Bernardo 3-1 Macaé Sports
Rio de Janeiro VC 1-3 Osasco (SP)

Classificação:
1º Osasco (SP) - 58 - 2ª Fase.
2º Rio de Janeiro VC (RJ) - 57 - 2ª Fase.
3º Vôlei Futuro (SP) - 50 - 2ª Fase.
4º Minas TC (MG) - 43 - 2ª Fase.
5º SESI (SP) - 42 - 2ª Fase.
6º PC Uberlândia (MG) - 33 - 2ª Fase.
7º Mackenzie (MG) - 32 - 2ª Fase.
8º São Bernardo (SP) - 24 - 2ª Fase.
9º Pinheiros (SP) - 22
10º Rio do Sul (SC) - 13
11º Macaé Sports (RJ) - 12
12º Sâo Caetano (SP) - 10

2ª Fase:
Jogos 1:
12/03/12
(SP) Osasco 3-0 São Bernardo (SP)
13/03/12
(MG) Mackenzie 3-2 Rio de Janeiro VC (RJ)
(SP) Vôlei Futuro 3-2 PC Uberlândia (MG)
(MG) Minas TC 3-2 SESI (SP)

Jogos 2:
16/03/12
(SP) São Bernardo 1-3 * Osasco (SP)
17/03/12
(RJ) Rio de Janeiro VC 3-0 Mackenzie (MG)
(MG) PC Uberlândia 2-3 * Vôlei Futuro (SP)
18/03/12
(SP) SESI 3-0 Minas TC (MG)

Jogos 3:
19/03/12
(RJ) Rio de Janeiro VC * 3-0 Mackenzie (MG)
20/03/12
(MG) Minas TC * 3-2 SESI (SP)

3ª Fase:
Jogos 1:
24/03/12
(SP) Osasco 3-1 Minas TC (MG)
27/03/12
(SP) Vôlei Futuro 0-3 Rio de Janeiro VC (RJ)

Jogos 2:
30/03/12
(MG) Minas TC 0-3 * Osasco (SP)
31/03/12
(RJ) Rio de Janeiro VC 2-3 * Vôlei Futuro (SP)

Jogo 3:
06/04/12
(RJ) Rio de Janeiro VC * 3-0 Vôlei Futuro (SP)

Final:
15/04/12
(SP) Osasco ** 3-0 Rio de Janeiro VC (RJ) (25/14, 25/18 e 25/23)

A Campanha:
1ª Fase:
3-1 Sâo Caetano (SP) - f
3-0 Mackenzie (MG) - c
3-0 Rio do Sul (SC) - f
3-1 São Bernardo (SP) - c
3-1 PC Uberlândia (MG) - f
3-0 Macaé Sports (RJ) - c
1-3 Minas TC (MG) - f
3-0 Pinheiros (SP) - c
2-3 Vôlei Futuro (SP) - f
3-0 SESI (SP) - f
1-3 Rio de Janeiro VC (RJ) - c
3-0 São Caetano (SP) - c
3-1 Mackenzie (MG) - f
3-0 Rio do Sul (SC) - c
3-0 São Bernardo (SP) - f
3-1 PC Uberlândia (MG) - c
3-1 Macaé Sports (RJ) - f
3-0 Minas TC (MG) - c
3-1 Pinheiros (SP) - f
3-0 Vôlei Futuro (SP) - c
3-0 SESI (SP) - c
3-1 Rio de Janeiro VC (RJ) - f
2ª Fase:
3-0 São Bernardo (SP) - c
3-1 São Bernardo (SP) - f
3ª Fase:
3-1 Minas TC (MG) - c
3-0 Minas TC (MG) - f
Final:
3-0 Rio de Janeiro VC (RJ) - c

Classificação Final:
1º Osasco (SP) - Campeão.
2º Rio de Janeiro VC (RJ)
3º Vôlei Futuro (SP)
4º Minas TC (MG)
5º SESI (SP)
6º PC Uberlândia (MG)
7º Mackenzie (MG)
8º São Bernardo (SP)
9º Pinheiros (SP)
10º Rio do Sul (SC)
11º Macaé Sports (RJ)
12º São Caetano (SP)

Pela Volta do Boxe ao Flamengo

Dois ex-atletas do Boxe do Flamengo, Paulo Bittencourt e Pedro Afonso (o Paulão), estiveram na Gávea esta semana e relembraram seus momentos no Pugilismo rubro-negro.

Ambos os lutadores entraram no esporte em 1962 na sede do bairro do Flamengo. A academia de boxe do clube era muito animada e chegou a receber os alguns dos melhores lutadores do Brasil e do exterior, para treinos e lutas.

O Boxe bem que precisava voltar aos grandes clubes do Rio. Flamengo e Vasco da Gama têm história no esporte.

Fonte: Site oficial do CR Flamengo.

domingo, 15 de abril de 2012

Entrevista com Kouros Monadjemi, Presidente da LNB

Confira a entrevista com Kouros Monadjemi, Presidente da Liga Nacional de Basquete. Ele nos conta sobre a realidade atual do Basquete Masculino Brasileiro e os planos de desenvolvimento da Liga Nacional de Basquete para o futuro (foto de Luiz Pires/LNB).

ER: Kouros, pode nos contar um pouco de sua trajetória até chegar à Presidência da LNB (Liga Nacional de Basquete)?
KM: Sou nascido em Teerã, capital do Irã, em 19 de junho de 1945, e vim para o Brasil em 1956. Formei-me em Administração pela Universidade Federal de Minas Gerais, depois cursei Economia na Universidade de Bruxelas, Bélgica, e fiz MBA na Universidade de Columbia, em Nova Iorque. Trabalhei durante 13 anos na Usiminas e, atualmente, presido a Siderco Trading, empresa de comércio exterior da área de siderurgia. No Minas Tênis Clube (MG) sou sócio há mais de 40 anos, mas passei a integrar a direção do clube em 1981. Fui diretor de Judô, de Cursos de Aprendizagem e de Basquete, antes de exercer dois mandatos como presidente eleito do Minas, entre 2002/2004 e 2005/2007. Antes de ser dirigente, fui atleta das equipes de futsal e de basquete. Com a criação da Liga Nacional de Basquete, em 2008, fui eleito o primeiro presidente e, em 2010, fui reeleito.

ER: Qual o balanço que você faz das quatro temporadas da LNB?
KM: Acredito que nestas quatro temporadas, alcançamos vários objetivos: a união dos clubes da LNB; o crescimento do basquete brasileiro em diversos aspectos (público, audiência, qualidade técnica, repatriamento de atletas); credibilidade e gestão estratégica; criação da Liga de Desenvolvimento de Basquete; criação da Segunda Divisão; relacionamento estreito com a Confederação Brasileira de Basquetebol e Federações Regionais; criação das Associações de Árbitros, Jogadores e Técnicos de Basquete.

ER: Qual a principal diferença entre o antigo Campeonato Nacional, organizado pela CBB, para a LNB?
KM: Acredito que a principal diferença entre as competições é que, hoje, a LNB é gerida totalmente pelos clubes. Todas as decisões são tomadas por um conselho de administração, formada por sete clubes, mais o presidente e vice-presidente, e que representam os interesses de cada uma das equipes.

ER: Existe uma ligação entre a LNB e a LBF (Liga de Basquete Feminino)? Como funciona?
KM: Não existe uma ligação específica entre a LNB e a LBF. Cada entidade está focada na organização dos campeonatos adultos de basquete, mas distintos pelas categorias, a LNB atua no masculino e a LBF, no feminino.

ER: Há uma dificuldade maior em conseguir patrocinadores, retorno de mídia e até de produzir atletas por parte do naipe feminino do que no naipe masculino. A LNB e seus clubes têm como ajudar as mulheres?
KM: Acredito que não diretamente, mas com o desenvolvimento do basquete, acredito que as duas Ligas sairão fortalecidas e irão alcançar os objetivos acima.

ER: Os times que sobem da Supercopa Brasil (espécie de 2a Divisão) para a LNB conseguem se adaptar bem à competição?
KM: Nesta temporada, tivemos a primeira experiência com os times que vieram da Super Copa Brasil, com a entrada do Tijuca e da Liga Sorocabana no NBB. E eles se adaptaram muito bem à competição. As comunidades de Sorocaba e do Rio de Janeiro abraçaram o campeonato, compareceram aos ginásios para apoiarem as equipes e, em quadra, ambos conseguiram a classificação para os playoffs.

ER: Londrina voltará a disputar a LNB em 2012/13?
KM: Londrina está trabalhando forte junto ao governo do Paraná para retornar ao NBB na próxima temporada. Eles já fizeram uma série de reuniões com empresas e possíveis apoiadores do projeto e esperamos que eles consigam o que for necessário para voltar à competição.

ER: Por que os times de massa (de futebol) estão há anos ausentes do Basquete Masculino de alto nível, com exceção do Flamengo? Alguns clubes, como Botafogo, Corinthians, Fluminense, Palmeiras e Vasco da Gama têm grande tradição no Basquete Masculino.
KM: O basquete está nas origens do Flamengo e devemos ter sempre a participação deles no campeonato nacional masculino. Nesta edição da Copa Brasil, outro clube tradicional, o Palmeiras voltou a atuar, no Recife, o Sport, nunca parou suas atividades. Acredito que com essa evolução do basquete nacional e do NBB, muitas outras equipes "de futebol" devem regressar aos poucos.

ER: O Maranhão apareceu no cenário nacional com um time na LBF. A LNB pode copiar o projeto e levar o basquete nacional a regiões que estão ausentes da LNB atualmente?
KM: A Liga pretende levar o basquete para outras regiões do Brasil. Hoje, o NBB está presente em sete estados brasileiros mais o distrito federal e tenho certeza que esse número de estados aumentará nas próximas temporadas, principalmente, com a criação da Segunda Divisão. Uma medida que já tomaremos para esta próxima temporada é a inclusão de duas equipes do Nordeste na Liga de Desenvolvimento de Basquete (LDB), que será fundamental para o crescimento dos atletas que atuam nas categorias Sub-22.

ER: Os clubes que disputam a LNB ganham dinheiro?
KM: A Liga já consegue devolver uma quantia aos clubes, mas ainda não estamos consolidados. Para consolidarmos o NBB é necessário mais uns dois, três anos para que a Liga possa dar um equilíbrio técnico e financeiro para todas as equipes.

ER: Falando um pouco de Rio de Janeiro, desde os anos 90, o Flamengo investe pesado no time adulto masculino. Botafogo, Fluminense e Vasco da Gama tentaram acompanhá-lo por algumas temporadas mas desistiram. O que acontece que grandes empresas não querem patrocinar clubes de massa como estes três?
KM: Eu não acredito que grandes empresas não queiram patrocinar esportes olímpicos, estando conscientes de que haverá uma Olimpíada nesta cidade. O que as empresas grandes buscam são clubes que estejam estruturados e com vontade para desenvolver o esporte especializado. Por que o Tijuca conseguiu um patrocínio invejável para o próximo NBB?

ER: A LNB tem como ajudar os demais clubes do Rio de Janeiro a encontrar patrocinadores?
KM: A Liga tem como ajudar e ajuda os clubes que são associados. As empresas e os patrocinadores querem ver uma liga organizada, com um alto nível técnico e com bastante visibilidade. Não sei se já conseguimos atingir a expectativa deles, mas já desenvolvemos bastante coisa.

ER: Há três temporadas, a LNB criou o Torneio Interligas. Em todas as edições, os argentinos venceram. Isso prova que a liga argentina é mais forte que a brasileira?
KM: Para começar, a LNB tem apenas três anos de existência, enquanto a Liga Argentina tem mais de 25. Em muitos aspectos é possível dizer que eles estão mais avançados que a gente. Mas em outros aspectos já demos passos importantes que os argentinos ainda não conseguiram evoluir. Avaliar somente os títulos não necessariamente mostra se uma liga é mais forte que a outra.


ER: A LNB ainda não conseguiu fazer uma tabela de jogos evitando datas coincidentes com as competições internacionais oficiais. Por que?
KM: Ainda temos algumas dificuldades com a FIBA Américas e com a ABASU em relação as datas. Nesta temporada, por exemplo, eles trocaram muitas vezes as datas das competições internacionais e isso, realmente, atrapalhou um pouco o nosso calendário. Vamos levar essas questões para debatermos e alinharmos os calendários para que o próximo NBB tenha o mínimo de alterações de datas possíveis.

ER: Há alguma novidade em relação à organização do Mundial Interclubes Masculino de Basquete?
KM: Só sei que a FIBA AMERICAS está investindo forte para viabilizar um torneio quadrangular mundial com os campeões das ligas da America, Ásia, África e Oceania.

ER: Qual a sua expectativa para a LNB de 2012/13? Teremos alguma novidade que você possa nos adiantar?
KM: Estabelecer uma gestão estratégica até 2016 para que a Liga possa saber como ela poderá ajudar o Brasil e o basquete a chegar à Olimpíada de 2016 com uma equipe estabelecida e, também, para que possamos ver o que teremos que fazer para evoluir a cada temporada nos próximos quatro, cinco anos. Outro desafio é a manutenção da Liga de Desenvolvimento de Basquete (LDB). Através dela o basquete vai atingir sua maturidade.

sábado, 14 de abril de 2012

2a Etapa do Circuito Interestadual de Tênis de Mesa

Na 2a Etapa do Circuito Interestadual de Tênis de Mesa, Bruno Vital (ADM Petrópolis) voltou a ganhar na categoria Adulta Masculina. Desta vez, tivemos a disputa da Adulta Feminina e Lays Frey (Hebraica) ficou com a taça.

Nas demais categorias, o Fluminense venceu em cinco categorias; o Madureira em três; a Associação Carioca de Tênis de Mesa em duas; Olaria e Palmeiras (SP) em uma.

sexta-feira, 13 de abril de 2012

Torneio Best of the Best: 2ª Etapa

O Bonsucesso FC disparou na liderança da competição. 


Classificação 2ª Etapa 

  • 1º Bonsucesso FC (Saquarema) - 399 
  • 2º Ápice - 175 
  • 3º Mente Força - 158 
  • 4º BioPower - 164 
  • 5º VO Belford Roxo - 140 


Classificação Geral 

  • 1º Bonsucesso FC (Saquarema) - 680 
  • 2º Ápice - 338 
  • 3º BioPower - 336 
  • 4º Mente e Força - 296 
  • 5º VO Belford Roxo - 277

Juvenil: 3a Rodada

Artsul, Flamengo, Fluminense, Serra Macaense e Vasco da Gama têm 100% de aproveitamento.

1a Fase:
1o Turno:
3a Rodada:

07/04/12
Bonsucesso 1-3 Nova Iguaçu
Macaé 2-1 Resende FC
Friburguense 0-2 Duque de Caxias
Fluminense 5-1 Boavista
Volta Redonda 3-0 Americano
Flamengo 4-3 Olaria
Audax Rio 3-0 União de Marechal Hermes
08/04/12
Bangu 1-6 Vasco da Gama
Madureira 0-0 Botafogo
São João da Barra 2-2 Tanguá
Serra Macaense 1-0 Sampaio Corrêa
Condor 4-0 Barcelona
Arthurzinho 0-3 São Cristóvão
América 2-0 Portuguesa
Artsul 2-1 Tigres
Apollo 0-1 Goytacaz

Classificação:
Grupo A1:

1) Flamengo - 9
2) Botafogo - 7
2) Madureira - 7
4) Nova Iguaçu - 4
5) Macaé - 3
6) Olaria - 2
7) Resende FC - 1
8) Bonsucesso - 0

Grupo A2:
1) Fluminense - 9
1) Vasco da Gama - 9
3) Boavista - 6
3) Volta Redonda - 6
5) Friburguense - 3
5) Duque de Caxias - 3
7) Americano - 0
7) Bangu - 0

Grupo BC1:
1) Serra Macaense - 9
2) Goytacaz - 7
3) Condor - 6
4) Barcelona - 4
5) Sampaio Corrêa - 3
5) Apollo - 3
7) Tanguá - 1
7) São João da Barra - 1

Grupo BC2:
1) Artsul - 9
2) Portuguesa - 6
2) Tigres - 6
2) Audax Rio - 6
2) América - 6
6) São Cristóvão - 3
7) Arthurzinho - 0
7) União de Marechal Hermes - 0

Começou o Circuito Interestadual de Tênis de Mesa

Este ano teremos o Circuito Interestadual de Tênis de Mesa, que permite clubes de outros estados a participarem das competições da FTMERS.

Na 1a Etapa, Bruno Vital (ADM Petrópolis) ficou com o título da categoria Adulta Masculina.

Nas demais categorias de base e veteranos de ambos os naipes, o Fluminense venceu em três categorias; Associação Carioca de Tênis de Mesa e Jacareí (SP) em duas; ADM Petrópolis, Polícia Militar do Rio de Janeiro e Madureira em uma.

Criollitos Campeão da Taça EARJ Masculina de Softbol de 2012

O Criollitos derrotou o Nikkei Niterói por 8 a 4 e conquistou a Taça Escola Americana do Rio de Janeiro de 2012. O Criollitos é formado por residentes venezuelanos no Rio de Janeiro.

Os Campeões:
2012 - Criollitos

quinta-feira, 12 de abril de 2012

2a Divisão de Juniores: 17a Rodada

Confira os resultados da rodada.

1a Fase:
17a Rodada:

11/04/12
São Cristóvão 0-1 Artsul
Carapebus 0-WO Serra Macaense (0-3)
Barra Mansa WO-0 Teresópolis FC (3-0)
Ceres 1-0 Mesquita
Rio Branco 0-WO Tigres (0-3)

Classificação:
Grupo A:

1) Artsul - 39 - Fase Final.
2) Serra Macaense - 36
3) Barra Mansa - 31
4) Quissamã - 28
4) Tigres - 28
6) Ceres - 24
7) São Cristóvão - 23
8) Rio Branco - 17
9) Mesquita - 9
10) Carapebus - 4
11) Teresópolis FC - 0

Grupo B:
1) Audax Rio - 27
1) Sampaio Corrêa - 27
3) Goytacaz - 24
4) Imperial - 23
4) América - 23
6) Portuguesa - 20
7) Cabofriense - 18
8) São João da Barra - 14
8) Juventus - 14
10) Angra dos Reis - 6

quarta-feira, 11 de abril de 2012

Centauro Evokar É a Nova Equipe de Tiro com Arco do Rio

O Instituto Evokar, que investe no Vôlei de Praia do Rio de Janeiro, aderiu ao Tiro com Arco em Janeiro deste ano.

O atleta Renato Emílio (ex-Vasco da Gama) procurou o Instituto Evokar e propôs a parceria. Renato, que já participou de quatro Olimpíadas, é técnico da nova equipe, chamada Centauro Evokar.

O Centauro Evokar contratou Aline Kwanne, Fátima Rocha, Patrícila Loyola e Fábio Emílio, todos da seleção brasileira. Outros dois atletas foram contratados e são todos treinados por Renato Emílio, que ainda compete como atleta pela ANDEF.

Como Renato e Fábio Emílio eram do Vasco da Gama até a temporada passada, especúla-se que o clube cruzmaltino acabou com sua equipe. A bem da verdade é que há muitas décadas São Januário já não tinha Tiro com Arco. Sem estrutura e escolinhas, os atletas que defendiam o clube treinavam na Portuguesa, no Municipal, em Maricá ou até no estado de São Paulo. Que o Vasco volte a investir nesta modalidade!

terça-feira, 10 de abril de 2012

2a Divisão de Juniores: 16a Rodada

O Artsul se tornou o primeiro classificado após os resultados da 16a Rodada.

1a Fase:
16a Rodada:

07/04/12
Quissamã 4-6 Barra Mansa
Serra Macaense 3-1 Ceres
Mesquita 3-2 Rio Branco
Angra dos Reis 1-1 Audax Rio
Sampaio Corrêa 1-0 Goytacaz
América 2-1 Imperial
Juventus 1-1 Cabofriense
São João da Barra 1-3 Portuguesa
Teresópolis FC 0-WO São Cristóvão (0-3)
Artsul WO-0 Carapebus (3-0)

Classificação:
Grupo A:

1) Artsul - 36 - Fase Final.
2) Serra Macaense - 33
3) Quissamã - 28
3) Barra Mansa - 28
5) Tigres - 25
6) São Cristóvão - 23
7) Ceres - 21
8) Rio Branco - 17
9) Mesquita - 9
10) Carapebus - 4
11) Teresópolis FC - 0

Grupo B:
1) Audax Rio - 27
1) Sampaio Corrêa - 27
3) Goytacaz - 24
4) Imperial - 23
4) América - 23
6) Portuguesa - 20
7) Cabofriense - 18
8) São João da Barra - 14
8) Juventus - 14
10) Angra dos Reis - 6

segunda-feira, 9 de abril de 2012

Estréia do Fla no Futebol de Areia

Em 02 de Abril de 1962, o Flamengo estreou no Futebol de Praia. O jogo foi contra o experiente time do Radar, no campo do Maravilha. O grande público presente ao jogo, cerca de dois mil torcedores, obrigou a Administração Regional de Copacabana a cercar o campo com cordas.

O Flamengo jogou com Adílson, Paulo, Sabará (Aloísio), Vitrolinha e Gílson; Ivo e Dudu; Joré (Péricles), Fernando, Índio e Zagalo (Canarinho).

Finalmente em 2012, a sede da Gávea ganhou uma quadra para o desenvolvimento da modalidade.

Fonte: O Globo.

domingo, 8 de abril de 2012

JCI Reação Bicampeão de Alto Rendimento do Torneio de Abertura de Judô de 2011/2012

Reforços do Flamengo não adiantaram muito. Instituto Reação saiu na frente do Circuito Estadual.

Classificação (por medalhas de ouro):
1) Reação - 29 - Bicampeão.

2) Brasil Vale Ouro - 17 (19 de Prata)
3) Jequiá - 17 (4 de Prata)
4) Gama Filho - 13
5) Flamengo - 10

Os Campeões:
2011 - Reação
2012 - Reação

2ª Divisão de Juniores: Chegamos à 15ª Rodada

O Imperial venceu o Sampaio Corrêa na rodada de 4ª Feira (foto Papo Esportivo).

1ª Fase:
Os Participantes:
America (Rio de Janeiro)
Angra dos Reis
Artsul (Nova Iguaçu)
Audax Rio (São João de Meriti)
Barra Mansa
Cabofriense (Cabo Frio)
Carapebus
Ceres (Rio de Janeiro)
Estácio de Sá (Rio de Janeiro)
Goytacaz (Campos dos Goytacazes)
Juventus (Rio de Janeiro)
Mesquita
Portuguesa (Rio de Janeiro)
Quissamã
Rio Branco (Campos dos Goytacazes)
Sampaio Corrêa (Saquarema)
São Cristóvão (Rio de Janeiro)
São João da Barra
Serra Macaense (Macaé)
Teresópolis FC
Tigres (Duque de Caxias)

1ª Fase:
1ª Rodada:
04/02/12
Barra Mansa 0-2 Artsul
São Cristóvão 2-3 Serra Macaense
Carapebus WO-WO Mesquita
Ceres 0-0 Tigres
Rio Branco 1-2 Quissamã
Audax Rio 1-1 Sampaio Corrêa
Goytacaz 1-0 Cabofriense
Imperial 1-0 Portuguesa
Angra dos Reis 0-3 São João da Barra
America 1-1 Juventus

2ª Rodada:
08/02/12
Serra Macaense 3-0 Barra Mansa
Tigres 3-1 Carapebus
Quissamã 4-3 Ceres
Teresópolis FC 0-WO Rio Branco (0-3)
Cabofriense 1-2 Audax Rio
Portuguesa 0-3 Goytacaz
São João da Barra 1-3 Imperial
Juventus 2-1 Angra dos Reis
Sampaio Corrêa 1-0 America
09/02/12
Mesquita 0-3 São Cristóvão

3ª Rodada:
11/02/12
Carapebus 1-1 Quissamã
Ceres WO-0 Teresópolis FC (3-0)
Audax Rio 2-0 America
Goytacaz 1-0 São João da Barra
Imperial 4-0 Juventus
Angra dos Reis 0-4 Sampaio Corrêa
Cabofriense 1-2 Portuguesa
12/02/12
Barra Mansa 5-1 Mesquita
São Cristóvão 2-2 Tigres
Rio Branco 0-1 Artsul

4ª Rodada:
15/02/12
Tigres 0-3 Barra Mansa
Quissamã 2-1 São Cristóvão
Teresópolis FC 0-WO Carapebus (0-3)
Artsul 1-2 Ceres
Serra Macaense 1-0 Rio Branco
Portuguesa 0-3 Audax Rio
Juventus 0-2 Goytacaz
Sampaio Corrêa 2-0 Imperial
America 3-0 Angra dos Reis
São João da Barra 1-1 Cabofriense

5ª Rodada:
22/02/12
Barra Mansa 1-1 Quissamã
São Cristóvão WO-0 Teresópolis FC (3-0)
Carapebus 0-3 Artsul
Ceres 0-0 Serra Macaense
Rio Branco 3-1 Mesquita
Audax Rio 1-0 Angra dos Reis
Goytacaz 0-0 Sampaio Corrêa
Imperial 0-2 America
Cabofriense 2-1 Juventus
Portuguesa 4-0 São João da Barra

6ª Rodada:
25/02/12
Audax Rio 6-3 São João da Barra
America 1-3 Goytacaz
Angra dos Reis 2-3 Imperial
Sampaio Corrêa 0-0 Cabofriense
Juventus 2-0 Portuguesa
Teresópolis FC 0-WO Barra Mansa (0-3)
Artsul 2-0 São Cristóvão
Serra Macaense 1-0 Carapebus
Mesquita 0-3 Ceres
Tigres 3-3 Rio Branco

7ª Rodada:
28/02/12
Serra Macaense 1-1 Quissamã
29/02/12
Barra Mansa 1-0 São Cristóvão
Carapebus 1-2 Ceres
Artsul WO-0 Teresópolis FC (3-0)
Mesquita 0-3 Tigres

8ª Rodada:
03/03/12
São Cristóvão 1-1 Rio Branco
Ceres 2-1 Barra Mansa
Quissamã 4-1 Artsul
Tigres 2-2 Serra Macaense
Teresópolis FC 0-WO Mesquita (0-3)
Imperial 0-1 Audax Rio
Goytacaz 1-1 Angra dos Reis
Cabofriense 0-2 America
Portuguesa 1-2 Sampaio Corrêa
São João da Barra 4-2 Juventus

9ª Rodada:
06/03/12
Serra Macaense 4-0 Mesquita
07/03/12
Rio Branco 2-0 Ceres
Barra Mansa 10-0 Carapebus
Artsul 1-0 Tigres
Quissamã WO-0 Teresópolis FC (3-0)

10ª Rodada:
10/03/12
Ceres 0-1 São Cristóvão
Carapebus 1-2 Rio Branco
Mesquita 0-5 Artsul
Teresópolis FC 0-WO Serra Macaense (0-3)
Tigres 4-1 Quissamã
Audax Rio 1-0 Juventus
Imperial 2-1 Goytacaz
Angra dos Reis 1-4 Cabofriense
America 0-0 Portuguesa
Sampaio Corrêa 3-1 São João da Barra

11ª Rodada:
17/03/12
São Cristóvão WO-0 Carapebus (3-0)
Rio Branco 1-2 Barra Mansa
Artsul 1-0 Serra Macaense
Quissamã 6-0 Mesquita
Teresópolis FC 0-WO Tigres (0-3)
Goytacaz 3-1 Audax Rio
Cabofriense 0-2 Imperial
Portuguesa 1-0 Angra dos Reis
São João da Barra 0-6 America
Juventus 0-1 Sampaio Corrêa

12ª Rodada:
24/03/12
Artsul 2-0 Barra Mansa
Serra Macaense 6-1 São Cristóvão
Mesquita WO-0 Carapebus (3-0)
Tigres 4-0 Ceres
Quissamã 5-3 Rio Branco
Sampaio Corrêa 0-1 Audax Rio
Cabofriense 1-0 Goytacaz
Portuguesa 4-3 Imperial
São João da Barra 4-3 Angra dos Reis
Juventus 2-1 America

13ª Rodada:
28/03/12
Barra Mansa 1-2 Serra Macaense
São Cristóvão 5-0 Mesquita
Carapebus 0-WO Tigres (0-3)
Ceres 1-1 Quissamã
Rio Branco WO-0 Teresópolis FC (3-0)
Audax Rio 4-5 Cabofriense
Goytacaz 2-0 Portuguesa
Imperial 1-1 São João da Barra
Angra dos Reis 1-1 Juventus
America 2-1 Sampaio Corrêa

14ª Rodada:
31/03/12
America 1-0 Audax Rio
São João da Barra 3-2 Goytacaz
Juventus 0-0 Imperial
Sampaio Corrêa 2-0 Angra dos Reis
Portuguesa 1-0 Cabofriense
Mesquita 1-2 Barra Mansa
Tigres 2-0 São Cristóvão
Quissamã WO-0 Carapebus (3-0)
Teresópolis FC 0-WO Ceres (0-3)

Artsul 3-1 Rio Branco

15
ª Rodada:
04/04/12
Barra Mansa 2-1 Tigres
São Cristóvão 2-0 Quissamã
Carapebus WO-WO Teresópolis FC
Ceres 1-2 Artsul
Rio Branco 0-3 Serra Macaense
Audax Rio 1-1 Portuguesa
Goytacaz 1-1 Juventus
Imperial 2-1 Sampaio Corrêa
Angra dos Reis 3-1 America
Cabofriense 2-1 São João da Barra

Classificação:
Grupo A:

1) Artsul - 33
2) Serra Macaense - 30
3) Quissamã - 28
4) Tigres - 25
4) Barra Mansa - 25
6) Ceres - 21
7) São Cristóvão - 20
8) Rio Branco - 17
9) Mesquita - 6
10) Carapebus - 4
11) Teresópolis FC - 0

Grupo B:
1) Audax Rio - 26
2) Sampaio Corrêa - 24
3) Goytacaz - 24
4) Imperial - 23
5) América - 20
6) Portuguesa - 17
6) Cabofriense - 17
8) São João da Barra - 14
9) Juventus - 13
10) Angra dos Reis - 5