sábado, 24 de fevereiro de 2024

Taça Guanabara de 2024

O Campeonato Estadual do Rio de Janeiro está em andamento com a sua primeira fase, a Taça Guanabara.

O Audax Rio foi rebaixado para a segunda divisão do Campeonato Estadual.


Taça Guanabara de 2024

Regulamento

A Taça Guanabara será entregue ao time que somar o maior número de pontos após as onze rodadas. Os quatro primeiros colocados garantem vagas nas semifinais do Campeonato Estadual. Os quatro seguintes garantem vaga na disputa pela Taça Rio. O último colocado será rebaixado para a segunda divisão de 2025.


Jogo de Abertura: Portuguesa 1-0 Bangu

O jogo de abertura foi realizado em 17 de janeiro no estádio Luso-Brasileiro. A Portuguesa derrotou o Bangu por 1 a 0, gol de Romarinho. A partida foi de baixo nível técnico, pouco público e muito calor.


Os Participantes

  • GPA Audax Rio EC (São João de Meriti)
  • Bangu AC (Rio de Janeiro)
  • Boavista SC (Saquarema)
  • Botafogo FR (Rio de Janeiro)
  • CR Flamengo (Rio de Janeiro)
  • Fluminense FC (Rio de Janeiro)
  • Nova Iguaçu FC
  • AA Portuguesa (Rio de Janeiro)
  • Sampaio Corrêa FE (Saquarema)
  • CR Vasco da Gama (Rio de Janeiro)
  • Volta Redonda FC


1ª Rodada

17/01/2024
  • Flamengo 4-0 Audax Rio
  • Botafogo 1-0 Madureira
  • Portuguesa 1-0 Bangu
18/01/2024
  • Volta Redonda 1-1 Fluminense
  • Vasco da Gama 2-0 Boavista
  • Nova Iguaçu 2-1 Sampaio Corrêa

2ª Rodada

20/01/2024
  • Madureira 1-0 Audax
  • Botafogo 2-0 Bangu
21/01/2024
  • Fluminense 2-1 Portuguesa
  • Nova Iguaçu 1-1 Flamengo
  • Volta Redonda 2-3 Boavista
  • Sampaio Corrêa 3-3 Vasco da Gama

3ª Rodada

24/01/2024
  • Bangu 2-3 Nova Iguaçu
  • Portuguesa 1-0 Sampaio Corrêa
  • Boavista 1-0 Botafogo
25/01/2024
  • Audax 0-1 Fluminense
  • Vasco da Gama 2-0 Madureira
10/02/2024
  • Flamengo 3-0 Volta Redonda

4ª Rodada

27/01/2024
  • Botafogo 2-0 Sampaio Corrêa
  • Portuguesa 0-0 Flamengo
28/01/2024
  • Madureira 3-1 Volta Redonda
  • Bangu 2-2 Vasco da Gama
  • Fluminense 3-0 Nova Iguaçu
29/01/2024
  • Audax 0-1 Boavista

5ª Rodada

30/01/2024
  • Botafogo 1-1 Portuguesa
31/01/2024
  • Nova Iguaçu 2-0 Vasco da Gama
  • Sampaio Corrêa 0-2 Flamengo
01/02/2024
  • Madureira 3-0 Boavista
  • Volta Redonda 2-0 Audax
  • Fluminense 4-1 Bangu

6ª Rodada

03/02/2024
  • Botafogo 2-2 Nova Iguaçu
04/02/2024
  • Sampaio Corrêa 0-2 Volta Redonda
  • Boavista 2-2 Fluminense
  • Vasco da Gama 0-0 Flamengo
  • Audax 0-1 Bangu
05/02/2024
  • Madureira 0-0 Portuguesa

7ª Rodada

07/02/2024
  • Bangu 1-1 Volta Redonda
  • Flamengo 1-0 Botafogo
08/02/2024
  • Nova Iguaçu 1-0 Madureira
  • Vasco da Gama 1-0 Audax
  • Fluminense 1-0 Sampaio Corrêa
09/02/2024
  • Boavista 2-2 Portuguesa

8ª Rodada

14/02/2024
  • Sampaio Corrêa 2-1 Madureira
  • Volta Redonda 0-3 Botafogo
  • Fluminense 0-0 Vasco da Gama
15/02/2024
  • Nova Iguaçu 1-1 Boavista
  • Portuguesa 1-0 Audax
  • Bangu 0-3 Flamengo

9ª Rodada

17/02/2024
  • Madureira 0-1 Fluminense
18/02/2024
  • Botafogo 2-4 Vasco da Gama
  • Volta Redonda 1-1 Portuguesa
  • Audax 1-2 Nova Iguaçu
20/02/2024
  • Sampaio Corrêa 2-0 Bangu
  • Flamengo 4-0 Boavista

10ª Rodada

24/02/2024
  • Audax 0-2 Botafogo
  • Vasco da Gama 2-1 Volta Redonda
  • Portuguesa 1-2 Nova Iguaçu
25/02/2024
  • Flamengo - Fluminense
  • Bangu - Madureira
  • Boavista - Sampaio Corrêa


Classificação

  • 1º Flamengo - 21 - Semifinal.
  • 1º Fluminense - 21 - Semifinal.
  • 1º Nova Iguaçu - 21 - Semifinal.
  • 4º Vasco da Gama - 19
  • 5º Botafogo - 17
  • 5º Portuguesa - 14
  • 7º Boavista - 12
  • 8º Madureira - 10
  • 9º Volta Redonda - 9
  • 10º Sampaio Corrêa - 7
  • 11º Bangu - 5
  • 12º Audax Rio - 0 - 2ª Divisão. 

Copa Rio Feminino de 2024

A Copa Rio Feminino de 2024 será disputada pelos quatro grandes clubes em turno e returno.


Copa Rio Feminina

Os Participantes

  • Botafogo FR (Rio de Janeiro)
  • CR Flamengo (Rio de Janeiro)
  • Fluminense FC (Rio de Janeiro)
  • CR Vasco da Gama (Rio de Janeiro)


1ª Rodada

03/02/2024
  • Flamengo 3-0 Fluminense
10/02/2024
  • Vasco da Gama 0-1 Botafogo

2ª Rodada

17/02/2024
  • Flamengo 0-1 Botafogo
  • Fluminense 0-0 Vasco da Gama

3ª Rodada

24/02/2024
  • Vasco da Gama 0-2 Flamengo
  • Botafogo 3-0 Fluminense

4ª Rodada

02/03/2024
  • Botafogo - Flamengo
  • Vasco da Gama - Fluminense


Classificação

  • 1º Botafogo - 9
  • 2º Flamengo - 6
  • 3º Fluminense - 1
  • 3º Vasco da Gama - 1


Os Campeões

  • 2023 - CR Flamengo

Carioca Bowl Masculino de 2024

Tudo pronto para o Carioca Bowl de 2024! 

O Carioca Bowl Masculino de 2024 será disputado em três finais de semana. A primeira rodada será em 24 de fevereiro, a segunda em 16 de março e os playoffs em 23 de março.

Na primeira fase, os times se enfrentam dentro das chaves. O primeiro colocado de cada grupo avança à semifinal. O segundo e terceiro colocados de cada chave precisam disputar o Wild Card antes de chegar à semifinal.


Os Participantes

  • Botafogo Reptiles (Rio de Janeiro)
  • Dark Owls (Niterói)
  • Desunião (Rio de Janeiro)
  • Falcões (Rio de Janeiro)
  • Hammerheads (Rio de Janeiro)
  • Mamutes (Rio de Janeiro)
  • Mesquita FC Titans (Mesquita)
  • Piratas de Copacabana (Rio de Janeiro)
  • Recreio Tigers (Rio de Janeiro)
  • Rio de Janeiro Sharks (Rio de Janeiro)


Temporada Regular

24/02/2024
  • Falcões 34-0 Mesquita FC Titans
  • Hammerheads 33-6 Piratas de Copacabana
  • Rio de Janeiro Sharks 0-22 Dark Owls
  • Mamutes 6-13 Desunião
  • Recreio Tigers 0-14 Falcões
  • Botafogo Reptiles 6-7 Hammerheads
  • Mesquita FC Titans 6-26 Rio de Janeiro Sharks
  • Piratas de Copacabana 13-2 Mamutes
  • Dark Owls 18-9 Recreio Tigers
  • Desunião 8-12 Botafogo Reptiles
16/03/2024
  • Falcões - Rio de Janeiro Sharks
  • Hammerheads - Mamutes
  • Recreio Tigers - Mesquita FC Titans
  • Botafogo Reptiles - Piratas de Copacabana
  • Dark Owls - Falcões
  • Desuniã - Hammerheads
  • Rio de Janeiro Sharks - Recreio Tigers
  • Mamutes - Botafogo Reptiles
  • Mesquita FC Titans - Dark Owl
  • Piratas de Copacabana - Desunião


Classificação

Grupo A

  • 1º Falcões - 2
  • 2º Dark Owls - 2
  • 3º Rio de Janeiro Sharks - 1
  • 4º Mesquita FC Titans - 0
  • 4º Recreio Tigers - 0

Grupo B

  • 1º Hammerheads - 2
  • 2º Desunião - 1
  • 2º Piratas de Copacabana - 1
  • 2º Botafogo Reptiles - 1
  • 5º Mamutes - 0

Os Campeões

  • 2000 - Rio Guardians
  • 2001 - Copacabana Eagles
  • 2002 - Botafogo Reptiles
  • 2003 - Botafogo Reptiles
  • 2004 - Botafogo Reptiles
  • 2005 - Botafogo Reptiles
  • 2006 - Titãs de Copacabana
  • 2007 - Titãs de Copacabana
  • 2008 - Botafogo Reptiles
  • 2009 - America FC Red Lions
  • 2010 - America FC Red Lions
  • 2011 - Botafogo Reptiles
  • 2012 - Botafogo Reptiles
  • 2013 - Rio de Janeiro Sharks
  • 2014 - Rio de Janeiro Sharks
  • 2015 - Falcões
  • 2016 - Falcões
  • 2017 - Cabo Frio Rocks
  • 2018 - ----
  • 2019 - Cabo Frio Rocks
  • 2020 - ----
  • 2021 - ----
  • 2022 - ----
  • 2023 - Falcões


Ranking

  • 1º Botafogo Reptiles - 7
  • 2º Falcões - 3
  • 3º America FC Red Lions - 2
  • 3º Cabo Frio Rocks - 2
  • 3º Rio de Janeiro Sharks - 2
  • 3º Titãs de Copacabana - 2
  • 7º Copacabana Eagles - 1
  • 7º Rio Guardians - 1

Campeonato Brasileiro Masculino de Voleibol de 2023/24

Os doze melhores times masculinos de voleibol do Brasil disputam a Superliga de Vôlei de 2023/24.

O estado do Rio de Janeiro não tem representantes no torneio.


Regulamento

Na primeira fase, todos os times se enfrentam em turno e returno. Ao fim das 22 rodadas, os dois piores são rebaixados para a Superliga B de 2025. Os oito melhores avançam para os playoffs. Teremos mata-mata a partir das quartas de final até conhecermos o campeão.


Os Participantes 

  • MG: América, Araguari, Cruzeiro, Minas TC e Monte Carmelo.
  • SC: APAN Blumenau e Joinville.
  • SP: Farma Conde Vôlei, Guarulhos, SESI, Suzano e Vôlei Renata.


Classificação da 1ª Fase

  • 1º Cruzeiro (MG) - 45 - Playoffs.
  • 2º Farma Conde Vôlei (SP) - 39 - Playoffs.
  • 3º SESI (SP) - 32
  • 4º Vôlei Guarulhos (SP) - 29
  • 5º Joinville (SC) - 27
  • 6º Araguari (MG) - 24
  • 7º Minas TC (MG) - 23
  • 8º Suzano (SP) - 20
  • 9º Vôlei Renata (SP) - 19
  • 10º APAN Blumenau (SC) - 15
  • 11º Monte Carmelo (MG) - 10
  • 12º América (MG) - 5

Fluminense FC Campeão Estadual Masculino de Tênis de Mesa de 1970

O Fluminense se sagrou campeão estadual masculino de tênis de mesa de 1970 pela décima-sétima vez consecutiva.

Júlio Sérgio, Luís Mauro e Valdemar Duarte eram a base da equipe Tricolor.

Na última rodada, o Fluminense confirmou seu título ao golear o Madureira por 5 a 0. Já o Fluminense "B" derrotou o Municipal por 5 a 3 e fechar a temporada em segundo lugar.


Os Participantes

  • Fluminense FC (Rio de Janeiro)
  • Madureira EC (Rio de Janeiro)
  • ASP Municipal (Rio de Janeiro)


Classificação Final

  • 1º Fluminense - Campeão.
  • 2º Fluminense "B"
  • 3º Municipal
  • 4º Madureira

Campeonato Brasileiro da 2ª Divisão Masculina de Voleibol de 2024

Está tudo pronto para o Campeonato Brasileiro da 2ª Divisão masculina de vôlei, conhecido oficialmente como Superliga B. Em 2023/24, teremos 12 clubes e eles se enfrentam em turno único na primeira fase.

O Rio de Janeiro não terá representantes.



Os Participantes

  • AM: Nílton Lins.
  • CE: Rede Cuca.
  • DF: Brasília Vôlei.
  • GO: Goiás e Neurologia Ativa.
  • MG: Juiz de Fora Vôlei e Sada Cruzeiro.
  • MT: Voleibol Alta Floresta.
  • PR: Maringá Vôlei e SMEL Araucária.
  • RN: América.
  • SP: SESI Bauru.


1ª Fase

Classificação

  • 1º Goiás - 18
  • 2º Neurologia Ativa - 15
  • 3º Rede Cuca - 14
  • 4º Brasília Vôlei - 12
  • 5º Maringá Vôlei - 10
  • 5º SMEL Araucária - 10
  • 7º América/RN - 9
  • 8º Juiz de Fora Vôlei - 8
  • 9º Voleibol Alta Floresta - 5
  • 9º Sada Cruzeiro - 5
  • 11º SESI Bauru - 2
  • 12º Nílton Lins - 0


Os Campeões

Liga Nacional

  • 2002 - São José VC (SC)
  • 2003 - Universidade de Caxias do Sul (RS)
  • 2004 - A Online E (RS)
  • 2005 - Cimed EC (SC)
  • 2006 - GRE Reunidas (SP)
  • 2007 - Bento Vôlei (RS)
  • 2008 - C Náutico A (SP)
  • 2009 - UPIS (DF)
  • 2010 - AABB Niterói (RJ)
  • 2011 - A Blumenau PV (SC)

Superliga B

  • 2012 - APM Vôlei Canoas (RS)
  • 2013 - AP Monte Cristo V (GO)
  • 2014 - São José dos Campos (SP)
  • 2015 - UNIFEMM (MG)
  • 2016 - Caramuru Vôlei (PR)
  • 2017 - SESC (RJ)
  • 2018 - Ribeirão Preto (SP)
  • 2019 - Botafogo FR (RJ)
  • 2020 - ----
  • 2021 - UFJF (MG)
  • 2022 - Suzano Vôlei (SPP)
  • 2023 - Joinville (SC)

Campeonato Brasileiro Feminino da 2ª Divisão de Vôlei de 2024

Na primeira fase, todos os times se enfrentaram em turno único. Os quatro melhores avançaram às semifinais, que foram jogadas numa melhor de três partidas. Os classificados disputaram o título em jogo único. Também houve uma disputa pelo terceiro lugar, que pouco valerá, pois apenas dois times sobem para a primeira divisão de 2024/25.

O Tijuca TC representará o estado do Rio de Janeiro.


Os Participantes

  • DF: ASCADE.
  • GO: NC Extreme.
  • MG: Mackenzie.
  • PE: Recife Vôlei.
  • PR: Curitiba Vôlei e Irati Vôlei.
  • RJ: Tijuca TC.
  • RN: Vôlei Natal Desportivo.
  • SC: Brusque e UNOESC.
  • SP: Renasce Sorocaba e AGEE São Carlos.


1ª Fase - Jogos do Tijuca TC

13/01/2024
  • (SC) UNOESC 3-2 Tijuca TC
19/01/2024
  • Tijuca TC 3-2 Recife Vôlei (PE)
26/01/2024
  • (PR) Curitiba Vôlei 3-2 Tijuca TC
02/02/2024
  • Tijuca TC 0-3 Mackenzie (MG)
16/02/2024
  • (SP) São Carlos 1-3 Tijuca TC
20/02/2024
  • Tijuca TC 3-0 NC Extreme (GO)
25/02/2024
  • Tijuca TC - ASCADE (DF)
01/03/2024
  • Tijuca TC - Renasce Sorocaba (SP)


Classificação

  • 1º Mackenzie - 18
  • 2º Brusque - 15
  • 3º Recife Vôlei - 14
  • 4º Renasce Sorocaba - 10
  • 4º Tijuca TC - 10
  • 6º Curitiba Vôlei - 9
  • 6º Irati Vôlei - 9
  • 6º UNOESC - 9
  • 9º Vôlei Natal Desportivo - 8
  • 10º NC Extreme - 5
  • 11º AGEE São Carlos - 1
  • 12º ASCADE - 0

Campeonato Brasileiro Feminino de Voleibol de 2023/24

Os doze melhores times femininos de voleibol do Brasil disputam a Superliga de Vôlei de 2023/24.

O estado do Rio de Janeiro será representado pelo Fluminense e pelo SESC, que tem patrocínio do Flamengo.

Leia mais sobre o Campeonato Brasileiro Feminino de Vôlei aqui.


Regulamento

Na primeira fase, todos os times se enfrentam em turno e returno. Ao fim das 22 rodadas, os dois piores são rebaixados para a Superliga B de 2025. Os oito melhores avançam para os playoffs. Teremos mata-mata a partir das quartas de final até conhecermos o campeão.


Os Participantes 

  • DF: Brasília.
  • MG: Minas TC e Praia Clube de Uberlândia.
  • PR: Maringá.
  • RJ: Fluminense e SESC.
  • SC: Bluvôlei.
  • SP: Barueri, Osasco, Pinheiros, São Caetano e SESI Bauru.


1ª Fase - Jogos dos Times do Rio

11/11/2023
  • (SP) Barueri 0-3 Fluminense
14/11/2023
  • Fluminense 3-0 Pinheiros (SP)
15/11/2023
  • SESC 3-2 Barueri (SP)
17/11/2023
  • (MG) Praia Clube de Uberlândia 3-1 Fluminense
18/11/2023
  • SESC 2-3 Minas TC (MG)
21/11/2023
  • (SP) Pinheiros 0-3 SESC
  • (SP) SESI Bauru 3-1 Fluminense
24/11/2023
  • Fluminense 3-1 São Caetano (SP)
27/11/2023
  • SESC 3-1 SESI Bauru (SP)
28/11/2023
  • Fluminense 3-2 Minas TC (MG)
01/12/2023
  • Fluminense 1-3 SESC
04/12/2023
  • SESC 3-0 Maringá (PR)
07/12/2023
  • (SP) São Caetano 0-3 SESC
08/12/2023
  • (SP) Osasco 3-1 Fluminense
19/12/2023
  • (PR) Maringá 2-3 Fluminense
22/12/2023
  • (SP) Osasco 1-3 SESC
06/01/2024
  • SESC 3-0 Praia Clube de Uberlândia (MG)
  • Fluminense 3-0 Bluvôlei (SC)
09/01/2024
  • (DF) Brasília 1-3 Fluminense
  • (SC) Bluvôlei 1-3 SESC
12/01/2024
  • SESC 3-0 Brasília (DF)
17/01/2024
  • Fluminense 0-3 Barueri (SP)
18/01/2024
  • (PR) Maringá 0-3 SESC
26/01/2024
  • (SP) Pinheiros 3-1 Fluminense
  • (SP) Barueri 0-3 SESC
31/01/2024
  • Fluminense 3-1 SESI Bauru (SP)
01/02/2024
  • SESC 3-0 Pinheiros (SP)
05/02/2024
  • (SP) SESI Bauru 0-3 SESC
07/02/2024
  • (SP) São Caetano 0-3 Fluminense
16/02/2024
  • SESC 3-1 Fluminense
21/02/2024
  • Fluminense 1-3 Osasco (SP)
23/02/2024
  • SESC 3-0 São Caetano (SP)
27/02/2024
  • SESC - Osasco (SP)
28/02/2024
  • (MG) Minas TC - Fluminense
08/03/2024
  • (MG) Minas TC - SESC
09/03/2024
  • Fluminense - Praia Clube de Uberlândia (MG)


Classificação

  • 1º SESC - 48 - Playoffs.
  • 2º Osasco (SP) - 41 - Playoffs.
  • 3º Praia Clube de Uberlândia (MG) - 38 - Playoffs.
  • 3º Minas TC (MG) - 38 - Playoffs.
  • 5º SESI Bauru (SP) - 28
  • 6º Fluminense - 25
  • 7º Barueri (SP) - 23
  • 8º Bluvôlei (SC) - 18
  • 9º Maringá (PR) - 18
  • 10º Brasília (DF) - 15
  • 11º Pinheiros (SP) - 14
  • 12º São Caetano (SP) - 0

Fluminense FC Campeão Estadual Absoluto de Natação de 1970

O Fluminense se sagrou campeão estadual absoluto de natação de 1970.

O Campeonato Estadual de Natação de 1970 foi disputado no Parque Aquático do Fluminense entre 18 e 21 de dezembro.

Denir de Freitas foi o técnico campeão, que comandou grandes craques como Cristiana Bassain Teixeira, Eliane Pereira, Francisco Caetano Ramos Henrique, Cecília Heilborn Nogueira, Maria Teresa Hngerbuhler, Newton Cliber de Thuin e Pedro Zitti.


Classificação

  • 1º Fluminense - 472 - Campeão.
  • 2º Flamengo - 241
  • 3º Botafogo - 187
  • 4º Guanabara - 17
  • 5º AABB - 11

AA Barbará Campeão do Torneio Octávio Pinto Guimarães de 1970

O Barbará, de Barra Mansa, se sagrou campeão do Torneio Octávio Pinto Guimarães de 1970.

O time-base do Barbará: Nena; Wilson, Jota, Deca e Canário; Balbino e Luisinho; Calaças, Miltao, Ronaldo e Mourine.


Os Participantes

  • Americano FC (Campos dos Goytacazes)
  • AA Barbará (Barra Mansa)
  • AA Portuguesa (Rio de Janeiro)
  • AC Nacional (Rio de Janeiro)
  • Bonsucesso FC (Rio de Janeiro)
  • Campo Grande AC (Rio de Janeiro)
  • Central SC (Barra do Piraí)
  • EC Dona Isabel (Petrópolis)
  • Friburgo FC (Nova Friburgo)
  • Madureira AC (Rio de Janeiro)
  • Manufatura AC (Niterói)
  • São Cristóvão FR (Rio de Janeiro)
  • Seleção do Departamento Autônomo (Rio de Janeiro)


1ª Fase

1ª Rodada

03/10/1970
  • Campo Grande 5-0 Friburgo
08/10/1970
  • Portuguesa 0-3 Central
11/10/1970
  • Bonsucesso 2-0 Manufatura
14/10/1970
  • Seleção do Departamento Autônomo 1-0 Americano

2ª Rodada

17/10/1970
  • Campo Grande 0-3 Barbará
18/10/1970
  • Nacional 2-1 Friburgo
22/11/1970
  • Bonsucesso 1-1 Central

3ª Rodada

21/10/1970
  • São Cristóvão 1-2 Barbará
31/10/1970
  • Campo Grande 2-1 Americano
11/11/1970
  • Bonsucesso 2-0 Dona Isabel
26/11/1970
  • Madureira 1-0 Central

4ª Rodada

22/10/1970
  • Madureira 2-1 Manufatura
25/10/1970
  • Portuguesa 0-1 Dona Isabel
28/10/1970
  • Nacional 1-1 Barbará
14/11/1970
  • Departamento Autônomo 4-1 Friburgo
18/11/1970
  • São Cristóvão 6-1 Americano

5ª Rodada

07/10/1970
  • Madureira 0-2 Dona Isabel
01/11/1970
  • Departamento Autônomo 1-1 Barbará
07/11/1970
  • Nacional 2-5 Americano
12/11/1970
  • Portuguesa 4-0 Manufatura
25/11/1970
  • São Cristóvão 5-1 Friburgo


Classificação

Chave 1 - Grupo da Guanabara

  • 1º Departamento Autônomo - 5 - Fase Final.
  • 2º São Cristóvão - 4
  • 3º Campo Grande -4
  • 4º Nacional - 3

Chave 1 - Grupo do Rio de Janeiro

  • 1º Barbará - 4 - Fase Final.
  • 2º Americano - 2
  • 3º Friburgo - 0

Chave 2 - Grupo da Guanabara

  • 1º Bonsucesso - 5 - Fase Final.
  • 2º Madureira - 4
  • 3º Portuguesa - 2

Chave 2 - Grupo do Rio de Janeiro

  • 1º Dona Isabel - 4 - Fase Final.
  • 2º Central - 3
  • 3º Manufatura - 0


Fase Final

1ª Rodada

28/11/1970
  • Dona Isabel ?-? Barbará
  • Bonsucesso 0-0 Departamento Autônomo

2ª Rodada

02/12/1970
  • Barbará ?-? Departamento Autônomo
  • Bonsucesso 1-0 Dona Isabel

3ª Rodada

06/12/1970
  • Departamento Autônomo 5-2 Dona Isabel
  • Barbará ?-? Bonsucesso

4ª Rodada

13/12/1970
  • Barbará - Dona Isabel
  • Bonsucesso 5-0 Departamento Autônomo

5ª Rodada

17/12/1970
  • Departamento Autônomo 0-2 Barbará
  • Dona Isabel 2-3 Bonsucesso

6ª Rodada

20/12/1970
  • Dona Isabel 0-1 Departamento Autônomo
  • Bonsucesso 0-1 Barbará


Classificação Final

  • 1º Barbará - 6 - Campeão.
  • 2º Bonsucesso - 4
  • 3º Departamento Autônomo - 2
  • 4º Dona Isabel - 0

Os Títulos dos Clubes do Rio em 2023

Eis o resumo de todos os títulos dos clubes do Rio de Janeiro em 2023.


Os Cinco Maiores Clubes Poliesportivos

  • 1º CR Flamengo - 121 Títulos
  • 2º Fluminense FC - 36 Títulos
  • 3º CR Vasco da Gama - 30 Títulos
  • 4º Botafogo FR - 19 Títulos
  • 5º Tijuca TC - 11 Títulos


Títulos dos Clubes de Futebol

9 Títulos

        6 Títulos

        • Serrano FC

        5 Títulos

        • Mendanha FC

        4 Títulos

            • Artsul FC

            3 Títulos

            2 Títulos

            1 Título

            • Audax Rio
            • SE Belford Roxo
            • AA Carapebus
            • PM Carapebus
            • Flexeiras AC
            • Madureira EC em 2023
            • Niterói FC
            • Paraíba do Sul FC

            0 Títulos


            Outros Clubes

            • 1º Dispara Brasil - 9 Títulos no Tiro com Arco.
            • 1º I Mangueira F - 7 Títulos no Halterofilismo + 2 Títulos no Basquetebol.
            • 1º Niterói Rugby FC - 7 Título no Handebol + 2 Títulos no Rúgbi.
            • 4º A Carlson Gracie - 4 Títulos no Jiu-Jitsu.
            • 4º Centro Integrado de Performance Humana - 4 Títulos no Atletismo.
            • 4º GF Team - 4 Títulos no Jiu-Jitsu.
            • 4º Iate Clube do Rio de Janeiro - 4 Títulos na Vela.
            • 4º Instituto para o Desenvolvimento do Esporte e Cultura - 4 Títulos no Handebol.
            • 4º Liga Mageense D - 4 Títulos no Futsal.
            • 8º Gracie Barra - 3 Títulos no Jiu-Jitsu.
            • 8º Guanabara H - 3 Títulos no Handebol.
            • 8º Nova Friburgo CC - 3 Títulos no Bolão.
            • 8º Rio Hockey C - 3 Títulos no Hóquei sobre Grama.
            • 8º Rio Sparta - 3 Títulos nas Lutas.
            • 14º Alliance JJ - 2 Títulos no Jiu-Jitsu.
            • 14º Associação Leopoldinense de Xadrez - 2 Títulos no Xadrez.
            • 14º Campo Olímpico - 2 Títulos no Golfe.
            • 14º CR Guanabara - 1 Título no Polo Aquático + 1 Título no Remo.
            • 14º Impacto Fight School - 2 Títulos no Judô.
            • 14º ASP Club Municipal  - 1 Título no Basquetebol + Título no Xadrez.
            • 14º RFA - 2 Títulos no Futebol Americano.
            • 14º CE Suzano Costa - 2 Títulos no Handebol.
            • 22º AFUMIG - 1 Título no Futmesa.
            • 22º ATAC - 1 Título no Taekwondo.
            • 22º Atos Jiu-Jitsu - 1 Título no Jiu-Jitsu.
            • 22º BLC - 1 Título no Triatlo.
            • 22º Carioca Kings - 1 Título no Basquetebol.
            • 22º Carioca HC - 1 Título no Hóquei sobre Grama.
            • 22º Casa de Portugal de Petrópolis - 1 Título no Hóquei sobre Patins.
            • 22º Casa de Portugal de Teresópolis - 1 Título no Hóquei sobre Patins.
            • 22º CFCSN - 1 Título no Basquetebol.
            • 22º Clube Militar da Lagoa - 1 Título na Natação.
            • 22º EC Corrêas - 1 Título no Futsal.
            • 22º Deodoro HC - 1 Título no Hóquei sobre Grama.
            • 22º El Shaddai - 1 Título no Rúgbi.
            • 22º Falcões - 1 Título no Futebol Americano.
            • 22º Federação de Tiro Esportivo do Estado do Rio de Janeiro - 1 Título no Tiro.
            • 22º FIRJAN SESI Volta Redonda - 1 Título no Futsal.
            • 22º S Germânia - 1 Título no Hóquei sobre Grama.
            • 22º Grajaú CC - 1 Título no Voleibol.
            • 22º SCER Hebraica - 1 Título no Futsal.
            • 22º INHL Realengo - 1 Título no Taekwondo.
            • 22º Instituto Ideal Brasil - 1 Título no Atletismo.
            • 22º Instituto Todos na Luta - 1 Título no Boxe.
            • 22º Irajá AC - 1 Título no Futsal.
            • 22º Itaguaí - 1 Título no Polo.
            • 22º Jacarepaguá TC - 1 Título no Basquetebol.
            • 22º Jequiá IC - 1 Título no Basquetebol.
            • 22º Judô Pinheiro - 1 Título no Judô.
            • 22º Liga Super Basketball - 1 Título no Basquetebol.
            • 22º AECD Macaé - 1 Título no Atletismo.
            • 22º Marã TC - 1 Título no Futsal.
            • 22º Maricá Cidade Olímpica - 1 Título no Remo.
            • 22º C Martins LPO - 1 Título no Halterofilismo.
            • 22º Mega Master - 1 Título no Voleibol.
            • 22º Niterói BC - 1 Título no Basquetebol.
            • 22º Niterói Wrestling - 1 Título nas Lutas.
            • 22º OA Maricá - 1 Título no Tiro com Arco.
            • 22º Odete São Paio - 1 Título no Handebol.
            • 22º Pestana KC - 1 Título no Karatê Shotokan.
            • 22º CX Petrópolis - 1 Título no Xadrez.
            • 22º Pontal CC - 1 Título no Tiro com Arco.
            • 22º EA Renato Emílio - 1 Título no Tiro com Arco.
            • 22º CR Rio de Janeiro - 1 Título no Remo.
            • 22º Rio Handbeach - 1 Título no Handebol.
            • 22º Rio Rugby - 1 Título no Rúgbi.
            • 22º Rio Spin - 1 Título no Tênis de Mesa.
            • 22º SESC - 1 Título no Voleibol.
            • 22º Soares Team - 1 Título no Taekwondo.
            • 22º Teresópolis HC - 1 Título no Hóquei sobre Patins.
            • 22º União dos Militares do Brasil - 1 Título no Judô.
            • 22º Vôlei Master Mix - 1 Título no Voleibol.
            • 22º Xerém F - 1 Título no Futsal.
            • 22º AJ Zoshikan Hélio de Oliveira - 1 Título no Judô.


            De 2010 a 2023

            • 1º Flamengo - 1.059
            • 2º Fluminense - 738
            • 3º Vasco da Gama - 520
            • 4º Botafogo - 375
            • 5º Tijuca TC - 137
            • 6º I Mangueira F - 82


            Os Maiores Laureados Ano a Ano

            • 2010 - Fluminense FC
            • 2011 - CR Flamengo
            • 2012 - CR Flamengo
            • 2013 - Fluminense FC
            • 2014 - Fluminense FC
            • 2015 - Fluminense FC
            • 2016 - CR Flamengo
            • 2017 - Fluminense FC
            • 2018 - CR Flamengo / Fluminense FC
            • 2019 - CR Flamengo
            • 2020 - CR Flamengo
            • 2021 - CR Flamengo
            • 2022 - CR Flamengo
            • 2023 - CR Flamengo


            Leitura Complementar

            Resumo Temporada 2023 de Bolão

            Eis o resumo da temporada 2023 de bolão.



            Taça Brasil Bola 16

            • Feminino: SCA Tirandentes (SC).
            • Masculino: EC Pinheiros (SP).


            Taça Brasil Bola 23

            • Feminino: Clube de Caça e Tiro Mosquito (SC).
            • Masculino: Clube São Martinho (RS).


            Campeonatos Brasileiros Bola 16

            • Sênior Feminino: EC Pinheiros (SP).
            • Sênior Masculino: SCA Tiradentes (SC).
            • Sênior Misto: EC Pinheiros (SP).
            • Sub-24 Feminino: SERC Progresso (SC).
            • Sub-24 Masculino: S Ginástica de Novo Hamburgo (RS).
            • Sub-24 Misto: Nova Friburgo CC (RJ).
            • Sub-18 Masculino: EC Pinheiros (SP).
            • Sub-18 Misto: C Ginástico Guairacás (SC).
            • Sub-14: SEC Tiradentes (SC).


            Campeonatos Brasileiros Bola 23

            • Casais: Clube 15 de Novembro (RS).
            • Melhor Idade Feminino: Associação Teuto Brasileira de Bolão União (RS).
            • Melhor Idade Masculino: SEC 19 de Março (PR).
            • Sênior Feminino: SER Salto do Norte (SC).
            • Sênior Masculino: Clube Cultural Recreativo e Esportivo 7 de Setembro (SC).


            Campeonatos Estaduais

            • Feminino: Nova Friburgo CC.
            • Masculino: Nova Friburgo CC.


            Os Títulos dos Clubes do Rio

            • 1º Nova Friburgo CC - 2

            Campeonato Brasileiro de Melhor Idade de Bolão 23 de 2023

            Confira os vencedores do Campeonato Brasileiro de Melhor Idade de Bolão 23 de 2023.


            Os Campeões de 2023

            • Feminino: Associação Teuto Brasileira de Bolão União (RS).
            • Masculino: SEC 19 de Março (PR).


            Os Campeões

            Feminino

            • 2013 - Sociedade 19 de Março (PR)
            • 2014 - SE Flamengo (RS)
            • 2015 - ADRC Liberdade (SC)
            • 2016 - SEC 19 de Março (PR)
            • 2017 - C Aliança (RS)
            • 2018 - ----
            • 2019 - América PFC (PR)
            • 2020 - ----
            • 2021 - ----
            • 2022 - Sociedade Recreativa Tiro ao Alvo (RS)
            • 2023 - Associação Teuto Brasileira de Bolão União (RS)

            Masculino

            • 2012 - Socidade dos Atiradores 23 de Setembro (SC)
            • 2013 - Socidade 19 de Março (PR)
            • 2014 - SE Flamengo (RS)
            • 2015 - ARE Vitória (SC)
            • 2016 - CTG Gaudéiros do Oeste (PR)
            • 2017 - C Aliança (RS)
            • 2018 - ----
            • 2019 - Sociedade 19 de Março (PR)
            • 2020 - ----
            • 2021 - ----
            • 2022 - S Atiradores Dois Irmãos (RS)
            • 2023 - SEC 19 de Março (PR)

            Fluminense FC Campeão Estadual Juvenil Masculino de Basquetebol de 1970

             O Fluminense se sagrou campeão estadual juvenil masculino de basquetebol de 1970.

            O Tricolor foi campeão invicto e o título foi confirmado em 19 de dezembro de 1970. José Barbosa de Miranda e Jorge Maraun atuaram em todas as partidas.

            Na última partida, contra o Tijuca TC, o Tricolor acabou desclassificado e perdendo os pontos para o adversário.


            Os Participantes

            • Botafogo (Rio de Janeiro)
            • Flamengo (Rio de Janeiro)
            • Fluminense (Rio de Janeiro)
            • Grajaú CC (Rio de Janeiro)
            • Monte Sinai (Rio de Janeiro)
            • Municipal (Rio de Janeiro)
            • Olaria (Rio de Janeiro)
            • Riachuelo TC (Rio de Janeiro)
            • Tijuca TC (Rio de Janeiro)
            • Vasco da Gama (Rio de Janeiro)
            • +2


            A Campanha

            1ª Fase

            • 72-5 Monte Sinai
            • 49-30 Grajaú CC
            • 84-60 Vasco da Gama
            • 49-38 Riachuelo TC
            • 62-35 Flamengo
            •  88-10 Monte Sinai
            • 44-23 Grajaú CC
            • 51-34 Vasco da Gama
            • 58-53 Riachuelo TC
            • 78-56 Flamengo

            Fase Final

            • 62-18 Botafogo
            • 58-44 Riachuelo TC
            • 89-82 Vasco da Gama
            • 55-47 Olaria
            • 44-43 Tijuca TC
            • 68-20 Botafogo
            • 67-64 Riachuelo TC
            • 50-39 Vasco da Gama
            • 53-29 Olaria
            • 56-32 Tijuca TC*
            Obs: O Tijuca TC venceu por WO.

            Fluminense FC Campeão Estadual Petiz de Natação de 1970

            O Fluminense se sagrou campeão estadual de petiz de natação de 1970.

            A competição teve duas etapas. No somatório de pontos, o Tricolor foi o melhor.


            Classificação

            • 1º Fluminense - 385 + 353 = 758 - Campeão.
            • 2º Flamengo - 205 + 95 = 300
            • 3º Tijuca TC - 115 + 78 = 193
            • 4º Botafogo - 0 + 123 = 123
            • 5º Vasco da Gama - 32 + 60 = 92
            • 6º Guanabara - 30 + 46 = 76
            • 7º Olaria - 1 + 12 = 13
            • 8º AABB 0 + 1 = 1
            • 9º Bangu 0 + 0 = 0
            • 9º Satélite 0 + 0 = 0

            Fluminense FC Campeão Estadual Juvenil Masculino de Voleibol de 1970

            O Fluminense se sagrou campeão estadual juvenil masculino de vôlei de 1970.

            O time-base campeão foi formado por Paulistano, Francisco, Eduardo, Tico, Ronaldo e Fernando.


            Os Participantes

            • Botafogo FR (Rio de Janeiro)
            • C Israelita Brasileiro (Rio de Janeiro)
            • CR Flamengo (Rio de Janeiro)
            • Fluminense FC (Rio de Janeiro)
            • Hebraica (Rio de Janeiro)
            • Jequiá IC (Rio de Janeiro)
            • Tijuca TC (Rio de Janeiro)


            Resultados Conhecidos

            • TTC 3-2 Botafogo
            • Fluminense venceu Hebraica
            • Fluminense 3-0 CIB
            • Tijuca TC 3-0 CIB
            • CIB 3-0 Botafogo
            • Flamengo 0-3 Tijuca TC
            • Botafogo 3-0 Jequiá
            • AABB 0-3 Fluminense
            • Fluminense 3-1 CIB
            • AABB 3-0 Botafogo
            • Hebraica 1-3 Flamengo
            • Fluminense 3-1 AABB
            • Tijuca TC 3-0 Hebraica
            • Flamengo 0-3 CIB
            • Hebraica 1-3 Fluminense
            • AABB 3-2 CIB
            • Fluminense 3-1 Botafogo
            • Flamengo 1-3 AABB
            • Tijuca TC 3-1 AABB
            • CIB 2-3 Flamengo
            • AABB 1-3 Fluminense
            • Botafogo 1-3 CIB
            • CIB 1-3 Fluminense
            • Tijuca TC 0-3 Fluminense
            • Fluminense 3-0 Tijuca TC

            Mundial Interclubes de Hóquei sobre Patins

            Confira a história do Mundial Interclubes Masculino de Hóquei sobre Patins.


            Os Campeões

            • 1983 - FC Barcelona (Espanha)
            • 1984 - ----
            • 1985 - ----
            • 1986 - UV Trinidad (Argentina)
            • 1987 - HC Liceo (Espanha)
            • 1988 - ----
            • 1989 - HC Liceo (Espanha)
            • 1990 - ----
            • 1991 - ----
            • 1992 - OC Barcelos (Portugal)
            • 1993 - HC Liceo (Espanha)
            • 1994 - ----
            • 1995 - ----
            • 1996 - ----
            • 1997 - ----
            • 1998 - FC Barcelona (Espanha)
            • 1999 - ----
            • 2000 - ----
            • 2001 - ----
            • 2002 - ----
            • 2003 - ----
            • 2004 - HC Liceo (Espanha)
            • 2005 - FC Barcelona (Espanha)
            • 2006 - ----
            • 2007 - Follonica H (Itália)
            • 2008 - FC Barcelona (Espanha)
            • 2009 - ----
            • 2010 - Reus D (Espanha)
            • 2011 - ----
            • 2012 - HC Liceo (Espanha)
            • 2013 - SL Benfica (Portugal)
            • 2014 - FC Barcelona (Espanha)
            • 2015 - ----
            • 2016 - CP Vic (Espanha)
            • 2017 - SL Benfica (Portugal)
            • 2018 - FC Barcelona (Espanha)
            • 2021 - FC Porto (Portugal)
            • 2022 - GSH Trissino (Itália)
            • 2023 - FC Barcelona (Espanha)


            Ranking

            • 1º FC Barcelona - 7
            • 2º HC Liceo - 5
            • 3º SL Benfica - 2
            • 4º OC Barcelos - 1
            • 4º Follonica H - 1
            • 4º FC Porto - 1
            • 4º Reus D - 1
            • 4º UV Trinidad - 1
            • 4º GSH Trissino - 1
            • 4º CP Vic - 1


            Ranking por País

            • 1º Espanha - 14
            • 2º Portugal - 4
            • 3º Itália - 2
            • 3º Argentina - 1

            CR Vasco da Gama Campeão Estadual Infanto-Juvenil Masculino de Futsal de 1970

            O Vasco da Gama se sagrou campeão estadual infanto-juvenil masculino de futsal de 1970.


            1ª Fase (resultados conhecidos)

            1ª Rodada


            05/04/1970

            • Fluminense 0-0 Flamengo
            • America 6-2 Hebraica
            • Bonsucesso 5-1 São Cristóvão
            • Vila Isabel 4-0 Maxwell
            • Jacarepaguá TC 2-2 Piedade TC
            • Mackenzie 2-2 Monte Sinai
            01/05/1970
            • Grajaú TC 6-3 Vasco da Gama

            2ª Rodada

            12/04/1970
            • Flamengo 0-5 Vasco da Gama
            • Grajaú CC 4-2 Mackenzie
            • Grajaú TC 4-2 Hebraica
            • America 3-0 Maxwell
            • Vila Isabel 7-3 Piedade TC
            • São Cristóvão 3-1 Monte Sinai
            • Fluminense 5-2 Bonsucesso

            3ª Rodada

            19/04/1970
            • Vasco da Gama 5-1 Bonsucesso
            • Grajaú CC 4-2 Jacarepaguá TC
            • Grajaú TC 3-0 Maxwell
            • America 2-1 Piedade TC
            • Hebraica 5-1 Flamengo
            • Mackenzie 1-0 São Cristóvão
            • Fluminense 4-3 Monte Sinai

            4ª Rodada

            • ?

            5ª Rodada

            10/05/1970
            • Vila Isabel 2-1 America
            • Grajaú CC 1-1 Fluminense
            • Vasco da Gama 4-1 Mackenzie
            • Bonsucesso 4-0 Maxwell
            • Hebraica 3-1 Monte Sinai
            • São Cristóvao 3-1 Jacarepaguá TC
            • Flamengo 3-1 Piedade TC

            6ª Rodada

            16/05/1970
            • Vila Isabel 1-1 Grajaú TC
            • Vasco da Gama 4-3 Grajaú CC
            • Fluminense 4-1 São Cristóvão
            • America 5-3 Jacarepaguá TC
            • Maxwell 0-2 Monte Sinai
            • Hebraica 5-1 Mackenzie
            • Piedade TC 0-7 Bonsucesso

            7ª Rodada

            24/05/1970
            • Vila Isabel 5-0 Flamengo
            • São Cristóvão 0-3 Vasco da Gama
            • America 1-2 Fluminense
            • Grajaú TC 5-1 Jacarepaguá TC
            • Mackenzie 3-0 Maxwell
            • Piedade TC 1-0 Monte Sinai
            • Hebraica 4-3 Grajaú CC

            8ª Rodada

            • ?

            9ª Rodada

            06/06/1970
            • Vila Isabel 9-0 Monte Sinai
            • Vasco da Gama 1-0 Fluminense
            • Maxwell 4-4 Piedade TC
            • Bonsucesso 5-1 Jacarepaguá TC
            • São Cristóvão 0-0 Hebraica
            • America 1-1 Flamengo

            10ª Rodada

            05/07/1970
            • Vasco da Gama 4-1 Maxwell
            • Flamengo 0-1 Mackenzie
            • Grajaú TC 2-1 Bonsucesso
            • America 6-2 Grajaú CC
            • Piedade TC 0-2 Hebraica
            • Monte Sinai 2-1 Jacarepaguá TC

            12ª Rodada

            19/07/1970
            • Vila Isabel 6-4 Mackenzie
            • Bonsucesso 1-1 America
            • Monte Sinai 2-2 Grajaú CC
            • Flamengo 2-1 Jacarepaguá TC
            • São Cristóvão 1-0 Grajaú TC
            • Fluminense 0-0 Piedade TC

            13ª Rodada

            09/08/1970
            • Mackenzie 6-1 Jacarepaguá TC
            • America 3-1 São Cristóvão
            • Bonsucesso 8-2 Monte Sinai
            • Fluminense 3-1 Hebraica
            • Flamengo 2-0 Grajaú TC

            14ª Rodada

            15/08/1970
            • Bonsucesso 2-1 Vila Isabel
            • Piedade TC 3-2 Vasco da Gama
            • Grajaú TC 5-1 Monte Sanai
            • Mackenzie 7-1 America
            • São Cristóvão 2-2 Maxwell
            • Hebraica 13-1 Jacarepaguá TC
            • Flamengo 5-1 Grajaú CC

            15ª Rodada

            • ?

            16ª Rodada

            • ?

            17ª Rodada

            06/09/1970
            • Vila Isabel 1-1 Vasco da Gama

            18ª Rodada

            • ?

            19ª Rodada

            27/09/1970
            • Vasco da Gama 10-2 Hebraica
            • Piedade TC 2-1 America
            • Bonsucesso 4-0 Mackenzie
            • Vila Isabel 4-2 Grajaú TC
            • Fluminense 3-1 Flamengo


            Fase Final

            1ª Rodada

            • ?

            2ª Rodada

            • ?

            3ª Rodada

            • ?

            4ª Rodada

            • ?

            5ª Rodada

            • ?

            6ª Rodada

            13/12/1970
            • Vasco da Gama 5-2 Grajaú TC

            7ª Rodada

            • ?

            8ª Rodada

            22/11/1970
            • Fluminense 3-2 Vasco da Gama
            • Vila Isabel 4-2 Bonsucesso
            • America 6-3 Mackenzie
            • Grajaú TC 4-3 Flamengo

            9ª Rodada

            • ?


            Classificação (por pontos perdidos)

            • 1º Vasco da Gama - 8 - Campeão.
            • 2º Fluminense - 9
            • 3º Vila Isabel - 11
            • 4º Grajaú TC - 15
            • 5º Bonsucesso - 17
            • 6º America - 19
            • 7º Piedade TC - 22
            • 8º Hebraica - 23
            • 9º Flamengo - 24
            • 10º Mackenzie - 26

            sexta-feira, 23 de fevereiro de 2024

            Saiu a Tabela da Copa do Brasil de 2024

            Saiu a tabela da Copa do Brasil de 2024.

            Audax, Portuguesa, Nova Iguaçu, Olaria, Vasco da Gama e Volta Redonda já sabem quando, onde e contra quem vão jogar.


            1ª Fase

            21/02/2024

            • Audax 0-0 * Portuguesa

            27/02/2024

            • (MG) Athletic - Volta Redonda
            • (SC) Marcílio Dias - Vasco da Gama

            28/02/2024

            • Olaria - São Bernardo (SP)
            • (BA) Itabuna - Nova Iguaçu


            Os Confrontos da 1ª Fase

            Série A x Série D
            • (GO) Atlético - União de Rondonópolis (MT) ----> Atlético.
            • (BA) Bahia - Moto Club (MA)
            • (SP) Corinthians - Cianorte (PR) ----> Corinthians.
            • (MG) Cruzeiro Sousa (PB) ----> Sousa.
            • (MT) Cuiabá - Real Noroeste (ES) ----> Cuiabá.
            • (CE) Fortaleza - Fluminense (PI)
            • (RS) Internacional - ASA (AL)
            • (RS) Juventude - Iguatu (CE)
            Série A x Estadual
            • (SC) Criciúma - Operário de Várzea Grande (MT)
            • Vasco da Gama - Marcílio Dias (SC)
            Série B x Série D
            • (MG) América - Maringá (PR)
            • (PR) Coritiba - Águia de Marabá (PA) ----> Águia de Marabá.
            • (AL) CRB - Rio Branco (AC) ----> CRB.
            • (PE) Sport - Trem (AP)

            Série B x Estadual

            • (AM) Amazonas - Independente (AP) ----> Amazonas.
            • (SP) Botafogo - Petrolina (PE) ----> Botafogo.
            • (SC) Brusque - GAS (RR)
            • (SP) Ituano - São Luiz (RS) ----> São Luiz.
            • (PR) Operário - Operário (MS)
            • (PA) Paysandu - Ji-Paraná (RO)

            Série C x Série C
            • (MG) Athletic - Volta Redonda
            Série C x Série D
            • (RN) ABC - Treze (PB) ----> ABC (RN).
            • (GO) Aparecidense - Villa Nova (MG)
            • (CE) Ferroviário - Maranhão (MA)
            • (PA) Remo - Porto Velho (RO) ----> Porto Velho.
            • (MA) Sampaio Corrêa - Humaitá (AC) ---->
            • (MG) Tombense - Anápolis (GO) ----> Anápolis.
            • (RS) Ypiranga - River (PI) ----> Ypiranga.

              Série C x Estadual
              • (RS) Caxias - Portuguesa Santista (SP)
              • (SE) Confiança - Murici (AL)
              • (SP) São Bernardo - Olaria
              Série D x Série D
              • (SP) Água Santa - Jacuipense (BA)
              • (RN) América - Costa Rica (MS) ----> América.
              • Audax Rio - Portuguesa ----> Portuguesa.
              • (DF) Brasiliense - Itabaiana (SE) ----> Brasiliense.
              • (TO) Capital - Tocantinópolis (TO) ----> Capital.
              • (PR) FC Cascavel - Petrolina (PE)
              • (BA) Itabuna - Nova Iguaçu
              • (AM) Manauara - Retrô (PE) ----> Retrô.
              • (DF) Real Brasília - São Raimundo (RR) ----> Real Brasília.

              As Participações do Rio na Copa do Brasil

              Confira o histórico de todas as participações do Rio de Janeiro na Copa do Brasil e na Taça Brasil.

              Audax, Botafogo, Flamengo, Fluminense, Nova Iguaçu, Olaria, Portuguesa, Vasco da Gama e Volta Redonda representam o Rio de Janeiro na Copa do Brasil em 2024.

              Em relação a 2023, o Resende FC deixou o torneio mas o Rio ganhou Audax, Olaria e Portuguesa. Audax e Olaria são estreantes no torneio e a Portuguesa o disputou somente em 2022.


              Todas as Participações do Rio de Janeiro na Copa do Brasil

              America (4 participações)

              • 1961: 0-0 e 3-0 Fonseca (RJ)
              • 1961: 2-1 e 1-1 Cruzeiro (MG)
              • 1961: 1-1 e 2-1 Palmeiras (SP)
              • 1961: 2-6 e 1-0 Santos (SP)
              • 2004: 0-1 e 0-1 Londrina (PR)
              • 2005: 0-1 e 2-1 Figueirense (SC)
              • 2007: 1-1 e 3-1 Coruripe (AL)
              • 2007: 1-1 e 1-2 Atlético (MG)

              Americano (10 participações)

              • 1966: 2-2 e 3-0 Desportiva (ES)
              • 1966: 0-2 e 2-1 Anápolis (GO)
              • 2000: 1-1 e 1-2 Paraná (PR)
              • 2001: 2-6 Goiás (GO)
              • 2002: 3-0 e 1-3 Joinville (SC)
              • 2002: 2-6 Corinthians (SP)
              • 2003: 2-1 e 2-4 Figueirense (SC)
              • 2004: 4-1 Sergipe (SE)
              • 2004: 2-1 e 0-0 Sport (PE)
              • 2004: 1-2 e 2-3 15 de Novembro (RS)
              • 2005: 0-2 e 2-2 Ipatinga (MG)
              • 2006: 1-3 e 4-2 Mineiros (GO)
              • 2009: 2-0 e 4-2 Santa Cruz (PE)
              • 2009: 2-1 e 1-2 (5-4) Botafogo (RJ)
              • 2009: 0-0 e 1-2 Ponte Preta (SP)
              • 2019: 1-2 Londrina (PR)

              Audax Rio (1 participação)

              • 2024: 0-0 Portuguesa (RJ)

              Bangu (5 participações)

              • 2003: 2-1 e 0-2 Gama (DF)
              • 2004: 2-2 e 0-1 Tupi (MG)
              • 2011: 3-1 e 0-1 Portuguesa (SP)
              • 2011: 0-2 Náutico (PE)
              • 2013: 1-2 e 0-1 Betim (MG)
              • 2020: 1-1 Oeste (SP)

              Boavista (8 participações)

              • 2012: 0-0 e 1-2 América (MG)
              • 2014: 1-2 e 0-2 América (RN)
              • 2015: 0-1 e 0-2 ABC (RN)
              • 2017: 1-0 Ceará (CE)
              • 2017: 2-0 Portuguesa (SP)
              • 2017: 0-3 e 0-1 Sport (PE)
              • 2018: 1-1 Internacional (RS)
              • 2019: 1-2 Figueirense (SC)
              • 2020: 0-2 Chapecoense (SC)
              • 2021: 3-1 Goiás (GO)
              • 2021: 1-0 Picos (PI)
              • 2021: 0-1 e 1-1 Vasco da Gama (RJ)

              Botafogo (34 participações)

              • 1962: 2-2, 2-2 e 2-0 Internacional (RS)
              • 1962: 3-4, 3-1 e 0-5 Santos (SP)
              • 1963: 0-1 e 0-0 Bahia (BA)
              • 1967: 3-2, 0-1 e 1-1 Atlético (MG)
              • 1968: 6-1, 0-1 e WO-0 Metropol (SC)
              • 1968: 1-0 e 1-1 Cruzeiro (MG)
              • 1968: 2-2 e 4-0 Fortaleza (CE)
              • 1990: 1-1 e 2-1 Desportiva (ES)
              • 1990: 0-1 e 1-1 Bahia (BA)
              • 1991: 2-1 e 3-1 Sampaio Corrêa (MA)
              • 1991: 1-0 e 3-0 Santa Cruz (PE)
              • 1991: 0-3 e 1-1 Coritiba (PR)
              • 1996: 0-1 e 3-0 Cori-Sabbá (PI)
              • 1996: 0-0 e 0-0 Paraná (PR) (2-4)
              • 1997: 3-1 Ji-Paraná (RO)
              • 1997: 0-3 Vitória (BA)
              • 1998: 1-0 e 4-0 São Raimundo (AM)
              • 1998: 2-1 e 0-1 Palmeiras (SP)
              • 1999: 3-2 e 2-2 Paysandu (PA)
              • 1999: 1-2 e 2-0 Criciúma (SC)
              • 1999: 1-1 e 3-1 São Paulo (SP)
              • 1999: 2-1 e 1-2 Atlético (PR) (4-1)
              • 1999: 1-1 e 1-1 Palmeiras (SP) (4-2)
              • 1999: 1-2 e 0-0 Juventude (RS)
              • 2000: 1-1 e 5-0 Rio Branco (ES)
              • 2000: 2-2 e 1-1 Internacional (RS)
              • 2000: 1-0 e 2-1 Corinthians (SP)
              • 2000: 2-3 e 0-0 Cruzeiro (MG)
              • 2001: 3-2 e 2-1 Sergipe (SE)
              • 2001: 1-2 e 1-2 Remo (PA)
              • 2002: 1-2 e 4-1 Alegrense (ES)
              • 2002: 2-1 e 3-1 Fortaleza (CE)
              • 2002: 1-3 e 1-1 Paraná (PR)
              • 2003: 2-0 CENE (MS)
              • 2003: 2-1 e 2-0 São Caetano (SP)
              • 2003: 1-2 e 2-3 Goiás (GO)
              • 2004: 5-0 Maranhão (MA)
              • 2004: 4-4 e 2-3 Gama (DF)
              • 2005: 4-1 São Raimundo (RR)
              • 2005: 1-1 e 2-2 Paulista (SP)
              • 2006: 2-1 e 5-1 Operário (MS)
              • 2006: 0-3 e 1-3 Ipatinga (MG)
              • 2007: 1-1 e 5-2 CSA (AL)
              • 2007: 2-1 e 2-0 Ceará (CE)
              • 2007: 1-0 e 3-3 Coritiba (PR)
              • 2007: 0-0 e 2-1 Atlético (MG)
              • 2007: 0-2 e 3-1 Figueirense (SC)
              • 2008: 3-1 Rio Branco (AC)
              • 2008: 1-2 e 2-0 Ríver (PI)
              • 2008: 1-1 e 2-1 Portuguesa (SP)
              • 2008: 0-0 e 2-0 Atlético (MG)
              • 2008: 2-1 e 1-2 Corinthians (SP) (4-5)
              • 2009: 2-0 Dom Pedro II (DF)
              • 2009: 1-2 e 2-1 (4-5) Americano (RJ)
              • 2010: 0-1 e 4-3 São Raimundo (PA)
              • 2010: 1-0 e 2-3 Santa Cruz (PE)
              • 2011: 0-1 e 1-0 (4-1) River Plate (SE)
              • 2011: 2-1 e 3-0 Paraná (PR)
              • 2011: 2-2 e 1-1 Avaí (SC)
              • 2012: 1-1 e 1-1 (3-2) Treze (PB)
              • 2012: 2-1 e 0-0 Guarani (SP)
              • 2012: 1-1 e 1-2 Vitória (BA)
              • 2013: 0-0 e 2-0 Sobradinho (DF)
              • 2013: 0-0 e 3-0 CRB (AL)
              • 2013: 1-0 e 0-1 (5-4) Figueirense (SC)
              • 2013: 4-2 e 2-2 Atlético (MG)
              • 2013: 1-1 e 0-4 Flamengo (RJ)
              • 2014: 1-2 e 4-3 Ceará (CE)
              • 2014: 2-3 e 0-5 Santos (SP)
              • 2015: 2-2 e 4-2 Botafogo (PB)
              • 2015: 2-1 e 3-0 Capivariano (SP)
              • 2015: 2-2 e 0-1 Figueirense (SC)
              • 2016: 1-0 e 1-1 Coruripe (AL)
              • 2016: 2-1 e 1-0 Juazeirense (BA)
              • 2016: 2-2 e 1-0 Bragantino (SP)
              • 2016: 2-5 e 0-1 Cruzeiro (MG)
              • 2017: 2-1 e 1-1 Sport (PE)
              • 2017: 0-1 e 3-1 Atlético (MG)
              • 2017: 0-0 e 0-1 Flamengo (RJ)
              • 2018: 1-2 Aparecidense (GO)
              • 2019: 2-0 Campinense (PB)
              • 2019: 3-0 Cuiabá (MT)
              • 2019: 1-1 e 1-2 Juventude (RS)
              • 2020: 1-1 Caxias (RS)
              • 2020: 1-1 Náutico (PE) (-) (4-3)
              • 2020: 1-0 e 2-1 Paraná (PR)
              • 2020: 1-0 e 0-0 Vasco da Gama (RJ)
              • 2020: 0-1 e 0-0 Cuiabá (MT)
              • 2021: 5-0 Moto Club (MA)
              • 2021: 1-1 ABC (RN) (-) (1-4)
              • 2022: 3-0 e 3-0 Ceilândia (DF)
              • 2022: 0-3 e 0-2 América (MG)
              • 2023: 1-1 Sergipe (SE)
              • 2023: 7-1 Brasiliense (DF)
              • 2023: 2-0 e 2-0 Ypiranga (RS)
              • 2023: 2-3 e 1-0 Athletico (PR) (2-4)

              Cabofriense (2 participações)

              • 2006: 1-1 e 1-4 São Caetano (SP)
              • 2015: 1-1 e 0-1 Luverdense (MT)

              Duque de Caxias (1 participação)

              • 2014: 0-2 e 2-2 Caldense (MG)

              Eletrovapo (1 participação)

              • 1965: 1-1 e 2-2 Desportiva (ES)

              Flamengo (26 participações)

              • 1964: 2-1 e 3-1 Ceará (CE)
              • 1964: 1-4 e 0-0 Santos (SP)
              • 1989: 2-0 e 2-1 Paysandu (PA)
              • 1989: 3-1 e 3-1 Blumenau (SC)
              • 1989: 2-0 e 2-4 Corinthians (SP)
              • 1989: 2-2 e 1-6 Grêmio (RS)
              • 1990: 5-1 e 4-0 Capelense (AL)
              • 1990: 2-0 e 1-1 Taguatinga (DF)
              • 1990: 1-1 e 1-0 Bahia (BA)
              • 1990: 3-0 e 2-2 Náutico (PE)
              • 1990: 1-0 e 0-0 Goiás (GO)
              • 1993: 2-2 e 4-0 América (RN)
              • 1993: 2-3 e 3-0 Paysandu (PA)
              • 1993: 1-0 e 1-1 Londrina (PR)
              • 1993: 4-3 e 0-1 Grêmio (RS)
              • 1995: 1-0 e 1-0 Sousa (PB)
              • 1995: 2-1 e 3-0 Gama (DF)
              • 1995: 1-0 e 8-0 Kaburé (TO)
              • 1995: 1-0 e 1-1 Cruzeiro (MG)
              • 1995: 2-1 e 0-1 Grêmio (RS)
              • 1996: 1-0 e 4-1 Linhares (ES)
              • 1996: 2-1 e 0-0 Coritiba (PR)
              • 1996: 2-3 e 3-1 Internacional (RS)
              • 1996: 1-1 e 0-0 Cruzeiro (MG)
              • 1997: 6-2 Nacional (AM)
              • 1997: 1-1 e 1-0 Internacional (RS)
              • 1997: 2-0 e 1-0 Palmeiras (SP)
              • 1997: 0-0 e 2-2 Grêmio (RS)
              • 1998: 0-0 e 4-0 Operário (MS)
              • 1998: 4-2 Gama (DF)
              • 1998: 0-5 e 5-2 Vitória (BA)
              • 1999: 3-3 e 2-1 Botafogo (PB)
              • 1999: 1-0 e 3-0 Ponte Preta (SP)
              • 1999: 2-1 e 2-2 Grêmio (RS)
              • 1999: 2-1 e 2-4 Palmeiras (SP)
              • 2000: 1-1 e 1-0 Ríver (PI)
              • 2000: 2-0 e 3-3 Guarani (SP)
              • 2000: 3-1 e 1-1 Bahia (BA)
              • 2000: 0-4 e 2-4 Santos (SP)
              • 2001: 2-0 Ríver (PI)
              • 2001: 3-1 ABC (RN)
              • 2001: 2-1 e 1-2 Juventude (RS) (3-2)
              • 2001: 2-3 e 1-1 Coritiba (PR)
              • 2003: 4-1 Botafogo (PB)
              • 2003: 0-1 e 1-0 Ceará (CE) (4-3)
              • 2003: 4-0 e 3-2 Remo (PA)
              • 2003: 2-1 e 1-1 Vitória (BA)
              • 2003: 1-0 e 0-0 Sport (PE)
              • 2003: 1-1 e 1-3 Cruzeiro (MG)
              • 2004: 4-4 e 3-1 CRB (AL)
              • 2004: 3-2 e 4-0 Tupi (MG)
              • 2004: 1-0 e 1-0 Santa Cruz (PE)
              • 2004: 1-0 e 0-0 Grêmio (RS)
              • 2004: 1-0 e 2-0 Vitória (BA)
              • 2004: 2-2 e 0-2 Santo André (SP)
              • 2005: 1-1 e 3-1 Ríver (PI)
              • 2005: 2-0 Ypiranga (AP)
              • 2005: 0-2 e 1-1 Ceará (CE)
              • 2006: 1-1 e 2-1 ASA (AL)
              • 2006: 1-0 e 4-0 ABC (RN)
              • 2006: 5-1 e 0-1 Guarani (SP)
              • 2006: 4-1 e 0-0 Atlético (MG)
              • 2006: 1-1 e 2-1 Ipatinga (MG)
              • 2006: 2-0 e 1-0 Vasco da Gama (RJ)
              • 2009: 5-0 Ivinhema (MS)
              • 2009: 2-0 Remo (PA)
              • 2009: 0-0 e 3-0 Fortaleza (CE)
              • 2009: 0-0 e 1-2 Internacional (RS)
              • 2011: 3-0 Murici (AL)
              • 2011: 3-0 Fortaleza (CE)
              • 2011: 1-1 e 3-0 Horizonte (CE)
              • 2011: 1-2 e 2-2 Ceará (CE)
              • 2013: 1-0 e 3-0 Remo (PA)
              • 2013: 2-1 e 2-1 Campinense (PB)
              • 2013: 2-0 e 2-1 ASA (AL)
              • 2013: 1-2 e 1-0 Cruzeiro (MG)
              • 2013: 1-1 e 4-0 Botafogo (RJ)
              • 2013: 2-1 e 2-1 Goiás (GO)
              • 2013: 1-1 e 2-0 Atlético (PR)
              • 2014: 0-3 e 3-0 Coritiba (PR) (3-2)
              • 2014: 1-0 e 1-0 América (RN)
              • 2014: 2-0 e 1-4 Atlético (MG)
              • 2015: 2-1 e 2-0 Brasil Pelotas (RS)
              • 2015: 2-0 Salgueiro (PE)
              • 2015: 1-1 e 2-0 Náutico (PE)
              • 2015: 0-1 e 1-1 Vasco da Gama (RJ)
              • 2016: 0-1 e 3-0 Confiança (SE)
              • 2016: 1-2 e 1-2 Fortaleza (CE)
              • 2017: 0-0 e 2-1 Atlético (GO)
              • 2017: 2-0 e 2-4 Santos (SP)
              • 2017: 0-0 e 1-0 Botafogo (RJ)
              • 2017: 1-1 e 0-0 (3-5) Cruzeiro (MG)
              • 2018: 1-0 e 0-0 Ponte Preta (SP)
              • 2018: 1-1 e 1-0 Grêmio (RS)
              • 2018: 0-0 e 1-2 Corinthians (SP)
              • 2019: 1-0 e 1-0 Corinthians (SP)
              • 2019: 1-1 e 1-1 Athletico (PR) (-) (1-3)
              • 2020: 1-0 e 3-2 Athletico (PR)
              • 2020: 1-2 e 0-3 São Paulo (SP)
              • 2021: 1-0 e 2-0 Coritiba (PR)
              • 2021: 6-0 e 1-0 ABC (RN)
              • 2021: 4-0 e 2-0 Grêmio (RS)
              • 2021: 2-2 e 0-3 Athletico (PR)
              • 2022: 2-1 e 2-0 Altos (PI)
              • 2022: 1-2 e 2-0 Atlético (MG)
              • 2022: 0-0 e 1-0 Athletico (PR)
              • 2022: 3-1 e 1-0 São Paulo (SP)
              • 2022: 0-0 e 1-1 Corinthians (SP) (-) (6-5)
              • 2023: 0-2 e 8-2 Maringá (PR)
              • 2023: 0-0 e 1-0 Fluminense (RJ)
              • 2023: 2-1 e 2-0 Athletico (PR)
              • 2023: 2-0 e 1-0 Grêmio (RS)
              • 2023: 0-1 e 1-1 São Paulo (SP)

              Fluminense (28 participações)

              • 1960: 3-0 e 8-0 Fonseca (RJ)
              • 1960: 1-1 e 4-1 Cruzeiro (MG)
              • 1960: 0-1, 4-2 e 1-1 Grêmio (RS)
              • 1960: 0-0 e 0-1 Palmeiras (SP)
              • 1966: 0-1 e 1-3 Cruzeiro (MG)
              • 1992: 4-2 e 2-1 Picos (PI)
              • 1992: 1-0 e 2-2 Sergipe (SE)
              • 1992: 2-1 e 3-0 Criciúma (SC)
              • 1992: 2-1 e 1-1 Sport (PE)
              • 1992: 2-1 e 0-1 Internacional (RS)
              • 1994: 2-2 e 1-1 Linhares (ES)
              • 1996: 4-1 CRB (AL)
              • 1996: 2-1 e 1-3 Criciúma (SC)
              • 1997: 4-0 Santa Cruz (PB)
              • 1997: 0-1 e 0-0 Ceará (CE)
              • 1998: 4-1 ABC (RN)
              • 1998: 0-2 Paraná (PR)
              • 1999: 1-0 e 2-1 Lagartense (SE)
              • 1999: 3-1 e 0-6 Juventude (RS)
              • 2000: 1-1 e 2-0 URT (MG)
              • 2000: 1-1 e 3-2 Santa Cruz (PE)
              • 2000: 1-1 e 6-0 Maranhão (MA)
              • 2000: 1-1 e 2-2 Vasco da Gama (RJ)
              • 2000: 3-3 e 2-2 Atlético (MG)
              • 2001: 1-0 e 2-1 Cachoeiro (ES)
              • 2001: 1-4 e 3-0 Juventude (MT)
              • 2001: 0-1 e 0-0 Grêmio (RS)
              • 2002: 1-2 e 5-1 Sampaio Corrêa (MA)
              • 2002: 2-1 e 2-0 Paysandu (PA)
              • 2002: 1-1 e 2-1 Juventude (RS)
              • 2002: 0-1 e 0-1 Brasiliense (DF)
              • 2003: 1-1 e 4-0 Fluminense (BA)
              • 2003: 2-1 e 2-0 Flamengo (PI)
              • 2003: 0-1 e 1-2 Sport (PE)
              • 2004: 3-1 Caxias (SC)
              • 2004: 2-2 e 2-1 Juventude (RS)
              • 2004: 2-2 e 1-4 Grêmio (RS)
              • 2005: 0-1 e 3-1 Campinense (PB)
              • 2005: 2-1 e 1-0 Esportivo (RS)
              • 2005: 3-0 e 1-0 Grêmio (RS)
              • 2005: 1-0 e 0-1 Treze (PB) (9-8)
              • 2005: 2-2 e 4-1 Ceará (CE)
              • 2005: 0-2 e 0-0 Paulista (SP)
              • 2006: 3-2 e 3-1 Operário (MT)
              • 2006: 5-3 CENE (MS)
              • 2006: 2-2 e 4-0 Vila Nova (GO)
              • 2006: 3-2 e 1-0 Cruzeiro (MG)
              • 2006: 0-1 e 1-1 Vasco da Gama (RJ)
              • 2007: 2-1 e 6-0 Adesg (AC)
              • 2007: 2-1 e 0-1 América (RN)
              • 2007: 1-1 e 2-2 Bahia (BA)
              • 2007: 1-1 e 1-0 Atlético (PR)
              • 2007: 4-2 e 1-1 Brasiliense (DF)
              • 2007: 1-1 e 1-0 Figueirense (SC)
              • 2009: 1-0 e 3-0 Nacional (PB)
              • 2009: 1-2 e 3-0 Águia Marabá (PA)
              • 2009: 2-2 e 1-1 Goiás (GO)
              • 2009: 0-1 e 2-2 Corinthians (SP)
              • 2010: 1-1 e 2-0 Confiança (SE)
              • 2010: 2-0 Uberaba (MG)
              • 2010: 1-0 e 3-2 Portuguesa (SP)
              • 2010: 2-3 e 0-2 Grêmio (RS)
              • 2013: 1-0 e 0-2 Goiás (GO)
              • 2014: 1-3 e 5-0 Horizonte (CE)
              • 2014: 3-0 Tupi (MG)
              • 2014: 3-0 e 2-5 América (RN)
              • 2015: 2-1 e 2-1 Paysandu (PA)
              • 2015: 0-0 e 1-1 Grêmio (RS)
              • 2015: 2-1 e 1-2 Palmeiras (SP) (-) (1-4)
              • 2016: 3-0 Tombense (MG)
              • 2016: 3-3 e 3-0 Ferroviária (SP)
              • 2016: 1-1 e 2-0 Ypiranga (RS)
              • 2016: 1-1 e 0-1 Corinthians (SP)
              • 2017: 5-2 Globo (RN)
              • 2017: 3-1 Sinop (MT)
              • 2017: 1-1 e 3-2 Criciúma (SC)
              • 2017: 1-2 e 3-0 Goiás (GO)
              • 2017: 1-3 e 0-2 Grêmio (RS)
              • 2018: 1-0 Caldense (MG)
              • 2018: 5-0 Salgueiro (PE)
              • 2018: 1-2 e 0-1 Avaí (SC)
              • 2019: 5-0 River (PI)
              • 2019: 3-0 Ypiranga (RS)
              • 2019: 0-0 e 2-0 Luverdense (MT)
              • 2019: 2-0 e 0-2 Santa Cruz (PE) (-) (3-2)
              • 2019: 1-1 e 2-2 Cruzeiro (MG) (-) (1-3)
              • 2020: 4-2 Moto Club (MA)
              • 2020: 2-0 Botafogo (PB)
              • 2020: 0-1 e 3-0 Figueirense (SC)
              • 2020: 1-0 e 1-3 Atlético (GO)
              • 2021: 2-0 e 1-2 Bragantino (SP)
              • 2021: 1-2 e 3-0 Criciúma (SC)
              • 2021: 1-2 e 0-1 Atlético (MG)
              • 2022: 3-2 e 2-0 Vila Nova (GO)
              • 2022: 2-1 e 3-0 Cruzeiro (MG)
              • 2022: 1-0 e 2-2 Fortaleza (CE)
              • 2022: 2-2 e 0-3 Corinthians (SP)
              • 2023: 3-0 e 3-0 Paysandu (PA)
              • 2023: 0-0 e 0-1 Flamengo (RJ)

              Fonseca (3 participações)

              • 1960: 0-3 e 0-8 Fluminense (RJ)
              • 1961: 0-0 e 0-3 America (RJ)
              • 1963: 1-0 e 0-3 Rio Branco (ES)

              Friburguense (2 participações)

              • 2005: 4-1 e 1-2 Caldense (MG)
              • 2005: 1-1 e 0-4 Internacional (RS)
              • 2017: 0-1 Oeste (SP)

              Goytacaz (3 participações)

              • 1964: 1-1 e 0-3 Rio Branco (ES)
              • 1967: 1-0 e 1-5 Rio Branco (ES)
              • 1967: 3-0 e 3-1 Rabello (DF)
              • 1967: 2-2 e 0-0 Goiás (GO)
              • 1967: 1-2 e 1-5 Atlético (MG)
              • 1968: 0-0 e 2-1 Desportiva (ES)
              • 1968: 2-0, 1-2 e 0-2 Atlético (GO)

              Madureira (6 participações)

              • 2007: 2-3 e 0-2 Figueirense (SC)
              • 2008: 1-1 e 1-1 ABC (RN) (4-3)
              • 2008: 0-3 Juventude (RS)
              • 2012: 0-2 Criciúma (SC)
              • 2015: 0-2 e 3-1 Maringá (PR)
              • 2018: 0-1 São Paulo (SP)
              • 2021: 0-1 Paysandu (PA)

              Manufatora (1 participação)

              • 1959: 0-3 e 0-1 Rio Branco (ES)

              Maricá (1 participação)

              • 2022: 0-1 Guarani (SP)

              Nova Iguaçu (3 participações)

              • 2018: 1-1 Bragantino (SP)
              • 2022: 0-0 Criciúma (SC)
              • 2023: 2-0 Vitória (BA)
              • 2023: 5-2 Nova Mutum (MT)
              • 2023: 1-2 e 0-5 América (MG)

              Portuguesa (2 participações)

              • 2022: 1-0 CRB (AL)
              • 2022: 2-0 Sampaio Corrêa (MA)
              • 2022: 1-1 e 0-2 Corinthians (SP)
              • 2024: 0-0 Audax Rio (RJ)

              Resende FC (4 participações)

              • 2013: 2-1 e 0-0 Caxias (RS)
              • 2013: 1-2 e 0-4 Cruzeiro (MG)
              • 2014: 0-0 e 0-1 Vasco da Gama (RJ)
              • 2016: 2-2 e 1-1 Ceará (CE)
              • 2023: 1-2 Ferroviário (CE)

              Rio Branco (1 participação)

              • 1962: 1-1 e 2-1 Santo Antônio (ES)
              • 1962: 1-1 e 0-1 Cruzeiro (MG)

              Tigres (1 participação)

              • 2010: 2-2 e 2-3 Fortaleza (CE)

              Vasco da Gama (35 participações)

              • 1959: 0-1, 2-1 e 0-1 Bahia (BA)
              • 1965: 2-2 e 1-0 Náutico (PE)
              • 1965: 1-5 e 0-1 Santos (SP)
              • 1989: 1-1 e 2-1 Rio Negro (AM)
              • 1989: 0-0 e 1-2 Vitória (BA)
              • 1991: 1-1 e 5-0 Rio Negro (AM)
              • 1991: 0-0 e 1-1 Grêmio (RS)
              • 1992: 1-1 e 5-0 Nacional (AM)
              • 1992: 3-3 e 0-1 CSA (AL)
              • 1993: 3-0 e 2-1 Sampaio Corrêa (MA)
              • 1993: 0-0 e 4-0 Remo (PA)
              • 1993: 2-1 e 2-0 Ceará (CE)
              • 1993: 1-3 e 1-1 Cruzeiro (MG)
              • 1994: 2-0 e 1-1 ABC (RN)
              • 1994: 0-1 e 3-1 Santa Cruz (PE)
              • 1994: 3-1 e 4-3 Atlético (MG)
              • 1994: 0-0 e 1-2 Grêmio (RS)
              • 1995: 2-1 e 4-1 Flamengo (PI)
              • 1995: 2-0 e 4-1 Nacional (AM)
              • 1995: 0-1 e 1-0 Atlético (MG) (4-1)
              • 1995: 0-1 e 0-5 Corinthians (SP)
              • 1996: 2-0 Santa Cruz (PB)
              • 1996: 2-6 e 1-1 Cruzeiro (MG)
              • 1997: 5-3 Sergipe (SE)
              • 1997: 1-3 e 4-3 Atlético (PR)
              • 1998: 1-1 e 8-0 Picos (PI)
              • 1998: 2-0 e 0-0 Vila Nova (GO)
              • 1998: 1-1 e 4-3 São Paulo (SP)
              • 1998: 0-2 e 0-0 Cruzeiro (MG)
              • 1999: 4-2 Ji-Paraná (RO)
              • 1999: 1-0 e 2-0 América (RN)
              • 1999: 2-4 e 2-1 Goiás (GO)
              • 2000: 3-1 Botafogo (PB)
              • 2000: 1-1 e 1-0 Ponte Preta (SP)
              • 2000: 1-1 e 2-2 Fluminense (RJ)
              • 2002: 1-1 e 2-1 Sergipe (SE)
              • 2002: 2-1 e 3-3 Santa Cruz (PE)
              • 2002: 1-2 e 4-0 CSA (AL)
              • 2002: 1-0 e 0-4 São Paulo (SP)
              • 2003: 1-0 e 4-0 Itabaiana (SE)
              • 2003: 2-0 Moto Club (MA)
              • 2003: 1-2 e 1-0 Bahia (BA)
              • 2003: 1-2 e 1-1 Cruzeiro (MG)
              • 2004: 1-0 e 5-0 Flamengo (PI)
              • 2004: 1-1 e 0-3 15 de Novembro (RS)
              • 2005: 2-2 e 2-0 União (MT)
              • 2005: 2-1 e 6-0 Moto Club (MA)
              • 2005: 2-2 e 0-3 Baraúnas (RN)
              • 2005: 1-1 e 7-0 Botafogo (PB)
              • 2006: 2-2 e 5-1 Iraty (PR)
              • 2006: 2-1 e 1-0 Criciúma (SC)
              • 2006: 0-0 e 2-1 Volta Redonda (RJ)
              • 2006: 1-0 e 1-1 Fluminense (RJ)
              • 2006: 0-2 e 0-1 Flamengo (RJ)
              • 2007: 2-1 e 6-0 Fast (AM)
              • 2007: 2-2 e 1-2 Gama (DF)
              • 2008: 1-0 e 3-2 Itabaiana (SE)
              • 2008: 2-2 e 2-1 Bragantino (SP)
              • 2008: 1-0 e 2-2 Criciúma (SC)
              • 2008: 5-1 e 3-1 Corinthians (AL)
              • 2008: 0-2 e 0-2 Sport (PE)
              • 2009: 4-1 Flamengo (PI)
              • 2009: 3-0 Central (CE)
              • 2009: 1-1 e 4-1 ICASA (CE)
              • 2009: 4-0 e 1-1 Vitória (BA)
              • 2009: 1-1 e 0-0 Corinthians (SP)
              • 2010: 2-1 e 0-0 Sousa (PB)
              • 2010: 1-1 e 3-1 ASA (AL)
              • 2010: 1-0 e 2-1 Corinthians (PR)
              • 2010: 0-2 e 3-1 Vitória (BA)
              • 2011: 6-1 Comercial (MS)
              • 2011: 0-0 e 2-1 ABC (RN)
              • 2011: 3-0 e 0-0 Náutico (PE)
              • 2011: 2-2 e 1-1 Atlético (PR)
              • 2011: 1-1 e 2-0 Avaí (SC)
              • 2011: 1-0 e 2-3 Coritiba (PR)
              • 2013: 2-0 e 2-1 Nacional (AM)
              • 2013: 1-2 e 3-2 Goiás (GO)
              • 2014: 0-0 e 1-0 Resende FC (RJ)
              • 2014: 2-1 e 1-1 Treze (PB)
              • 2014: 2-0 e 2-1 Ponte Preta (SP)
              • 2014: 1-1 e 1-2 ABC (RN)
              • 2015: 2-1 e 3-2 Rio Branco (AC)
              • 2015: 1-1 e 0-0 Cuiabá (MT)
              • 2015: 3-1 e 3-2 América (RN)
              • 2015: 1-0 e 1-1 Flamengo (RJ)
              • 2015: 0-3 e 1-1 São Paulo (SP)
              • 2016: 1-0 e 2-1 Remo (PA)
              • 2016: 1-0 e 1-1 CRB (AL)
              • 2016: 1-1 e 3-2 Santa Cruz (PE)
              • 2016: 1-3 e 2-2 Santos (SP)
              • 2017: 2-0 Santos (AP)
              • 2017: 2-1 Vila Nova (GO)
              • 2017: 1-1 e 0-1 Vitória (BA)
              • 2018: 0-3 e 2-0 Bahia (BA)
              • 2019: 2-2 Juazeirense (BA)
              • 2019: 2-0 Serra (ES)
              • 2019: 3-2 e 1-0 Avaí (SC)
              • 2019: 0-2 e 2-1 Santos (SP)
              • 2020: 1-1 Altos (PI)
              • 2020: 1-0 ABC (RN)
              • 2020: 0-1 e 2-1 Goiás (GO) (-) (3-2)
              • 2020: 0-1 e 0-0 Botafogo (RJ)
              • 2021: 1-1 Caldense (MG)
              • 2021: 2-1 Tombense (MG)
              • 2021: 1-0 e 1-1 Boavista (RJ)
              • 2021: 0-2 e 1-2 São Paulo (SP)
              • 2022: 1-0 Ferroviária (SP)
              • 2022: 1-1 Juazeirense (BA) (-) (2-4)
              • 2023: 4-0 Trem (AP)
              • 2023: 0-0 ABC (RN) (-) (5-6)

              Volta Redonda (9 participações)

              • 1995: 0-0 e 0-0 Bahia (BA) (6-7)
              • 2006: 2-1 e 1-2 América (MG) (7-6)
              • 2006: 2-1 e 0-0 Atlético (PR)
              • 2006: 1-0 e 1-2 15 de Novembro (RS)
              • 2006: 0-0 e 1-2 Vasco da Gama (RJ)
              • 2008: 2-0 Roma Apucarana (PR)
              • 2008: 0-0 e 0-2 Portuguesa (SP)
              • 2013: 1-0 e 1-4 Avaí (SC)
              • 2017: 1-2 Cruzeiro (MG)
              • 2020: 0-1 Lagarto (SE)
              • 2021: 3-0 Castanhal (PA)
              • 2021: 3-3 Juazeirense (BA) (-) (2-4)
              • 2022: 2-4 Tuntum (MA)
              • 2023: 3-1 Falcon (SE)
              • 2023: 1-1 Atlético (GO) (-) (5-4)
              • 2023: 1-2 e 0-4 Bahia (BA)


              Leitura Complementar

              Histórico do Botafogo FR na Taça Libertadores da América

              Histórico do Botafogo Taça Libertadores da AméricaO Botafogo ainda não conquistou uma Taça Libertadores da América, apesar de ser um gigante do futebol sul-americano.

              O Glorioso ainda não conquistou o título da Libertadores, apesar de tantas histórias que o alvinegro possui em território nacional e internacional.

              A foto é do gol de Túlio Maravilha, de calcanhar, contra a Universidad Católica (Chile) em 1996.


              Todos os Jogos do Botafogo na Libertadores

              Taça Libertadores de 1963

              • 30/06/1963 - (Peru) Alianza 0-1 Botafogo - Em Lima, Peru.
              • 07/07/1963 - (Colômbia) Millonários 0-2 Botafogo - Em Bogotá, Colômbia.
              • 24/07/1963 - Botafogo WO-0 Millonários (Colômbia) - No Rio de Janeiro, Brasil.
              • 31/07/1963 - Botafogo 2-1 Alianza (Peru) - No Rio de Janeiro, Brasil.
              • 22/08/1963 - (Brasil) Santos 1-1 Botafogo - Em Sâo Paulo, Brasil.
              • 28/08/1963 - Botafogo 0-4 Santos (Brasil) - No Rio de Janeiro, Brasil.

              Taça Libertadores de 1973

              • 17/02/1973 - (Brasil) Palmeiras 3-2 Botafogo - Em São Paulo, Brasil.
              • 24/02/1973 - Botafogo 3-2 Nacional (Uruguai) - No Rio de Janeiro, Brasil.
              • 01/03/1973 - Botafogo 4-1 Peñarol (Uruguai) - No Rio de Janeiro, Brasil.
              • 12/03/1973 - Botafogo 2-0 Palmeiras (Brasil) - No Rio de Janeiro, Brasil.
              • 14/03/1973 - (Uruguai) Peñarol 2-2 Botafogo - Em Montevidéu, Uruguai.
              • 17/03/1973 - (Uruguai) Nacional 1-2 Botafogo - Em Montevidéu, Uruguai.
              • 06/04/1973 - Botafogo 1-2 Colo-Colo (Chile) - No Rio de Janeiro.
              • 26/04/1973 - (Paraguai) Cerro Porteño 3-2 Botafogo - No Rio de Janeiro.
              • 08/05/1973 - (Chile) Colo-Colo 3-3 Botafogo - Em Santiago, Chile.
              • 15/05/1973 - Botafogo 2-0 Cerro Porteño (Paraguai) - No Rio de Janeiro, Brasil.

              Taça Libertadores de 1996

              • 13/03/1996 - (Brasil) Corinthians 3-0 Botafogo - Em São Paulo, Brasil.
              • 26/03/1996 - Botafogo 4-1 Universidad Católica (Chile) - No Rio de Janeiro, Brasil.
              • 03/04/1996 - Botafogo 1-1 Corinthians (Brasil) - No Rio de Janeiro, Brasil.
              • 09/04/1996 - (Chile) Universidad Católica 2-1 Botafogo - Em Santiago, Chile.
              • 12/04/1996 - (Chile) Universidad de Chile 2-1 Botafogo - Em Santiago, Chile.
              • 19/04/1996 - Botafogo 3-1 Universidad de Chile (Chile) - No Rio de Janeiro, Brasil.
              • 30/04/1996 - Botafogo 1-1 Grêmio (Brasil) - No Rio de Janeiro, Brasil.
              • 08/05/1996 - (Brasil) Grêmio 2-0 Botafogo - Em Porto Alegre, Brasil.

              Taça Libertadores de 2014

              • 29/01/2014 - (Equador) Deportivo Quito 1-0 Botafogo - Em Quito, Equador.
              • 05/02/2014 - Botafogo 4-0 Deportivo Quito (Equador) - No Rio de Janeiro, Brasil.
              • 11/02/2014 - Botafogo 2-0 San Lorenzo (Argentina) - No Rio de Janeir, Brasil.
              • 26/02/2014 - (Chile) Unión Española 1-1 Botafogo - Em Santiago, Chile.
              • 12/03/2014 - (Equador) Independiente José Terán 2-1 Botafogo - Em Sangolquí, Equador.
              • 18/03/2014 - Botafogo 1-0 Independiente José Terán (Equador) - No Rio de Janeiro, Brasil.
              • 02/04/2014 - Botafogo 0-1 Unión Española (Chile) - No Rio de Janeiro, Brasil.
              • 09/04/2014 - (Argentina) San Lorenzo 3-0 Botafogo - Em Buenos Aires, Argentina.

              Taça Libertadores de 2017

              • 01/02/2017 - Botafogo 2-1 Colo Colo (Chile) - No Rio de Janeiro, Brasil.
              • 08/02/2017 - (Chile) Colo Colo 1-1 Botafogo - Em Santiago, Chile.
              • 15/02/2017 - Botafogo 1-0 Olimpia (Paraguai) - No Rio de Janeiro, Brasil.
              • 22/02/2017 - (Paraguai) Olimpia 1-0 Botafogo (-) (1-3) - Em Assunção, Paraguai.
              • 14/03/2017 - Botafogo 2-1 Estudiantes (Argentina) - No Rio de Janeiro, Brasil.
              • 13/04/2017 - (Colômbia) Nacional 0-2 Botafogo - Em Medellín, Colômbia.
              • 20/04/2017 - (Equador) Barcelona 1-1 Botafogo - Em Guaiaquil, Equador.
              • 02/05/2017 - Botafogo 0-2 Barcelona (Equador) - No Rio de Janeiro, Brasil.
              • 18/05/2017 - Botafogo 1-0 Nacional (Colômbia) - No Rio de Janerio, Brasil.
              • 25/05/2017 - (Argentina) Estudiantes 1-0 Botafogo - Em La Plata, Argentina.
              • 06/07/2017 - (Uruguai) Nacional 0-1 Botafogo - Em Montevidéu, Uruguai.
              • 10/08/2017 - Botafogo 2-0 Nacional (Uruguai) - No Rio de Janeiro, Brasil.
              • 13/09/2017 - Botafogo 0-0 Grêmio (Brasil) - No Rio de Janeiro, Brasil.
              • 20/09/2017 - (Brasil) Grêmio 1-0 Botafogo - Em Porto Alegre, Brasil.

              Taça Libertadores de 2024

              • 21/02/2024 - (Bolívia) Aurora 1-1 Botafogo - Em Cochabamba, Bolívia.


              Resumo das Participações do Botafogo na Libertadores

              • 1963: 3º entre 9 participantes.
              • 1973: 5º entre 21 participantes.
              • 1996: 14º entre 21 participantes.
              • 2014: 26º entre 38 participantes.
              • 2017: 5º entre 47 participantes.


              Confrontos Diretos do Botafogo na Libertadores

              Botafogo x Argentinos

              • 4 jogos, 2 vitórias, 0 empates e 2 derrotas.

              Botafogo x Bolivianos

              • 1 jogo, 1 empate.

              Botafogo x Brasileiros

              • 10 jogos, 1 vitória, 4 empates e 5 derrotas.

              Botafogo x Chilenos

              • 10 jogos, 3 vitórias, 3 empates e 4 derrotas.

              Botafogo x Colombianos

              • 4 jogos, 4 vitórias.

              Botafogo x Equatorianos

              • 6 jogos, 2 vitórias, 1 empate e 3 derrotas.

              Botafogo x Mexicanos

              • O Botafogo jamais enfrentou mexicanos na competição.

              Botafogo x Paraguaios

              • 4 jogos, 2 vitórias e 2 derrotas.

              Botafogo x Peruanos

              • 2 jogos, 2 vitórias.

              Botafogo x Uruguaios

              • 6 jogos, 5 vitórias e 1 empate.

              Botafogo x Venezuelanos

              • O Botafogo jamais enfrentou venezuelanos na competição.

              Botafogo Estreia na Taça Libertadores da América de 2024 Contra o Aurora (Bolívia)

              A Taça Libertadores da América de 2024 já foi sorteada. A primeira fase começou sem equipes do Rio de Janeiro.

              O Botafogo estreia na segunda fase diante do Aurora (Bolívia).


              1ª Fase

              Jogos de Ida

              06/02/2024

              • (Venezuela) Academia Puerto Caballo 3-2 Defensor (Uruguai)

              07/02/2024

              • (Bolívia) Aurora 1-0 Melgar (Peru)

              08/02/2024

              • (Equador) Aucas 1-0 Nacional (Paraguai)

              Jogos de Volta

              13/02/2024

              • (Uruguai) Defensor 1-0 * Academia Puerto Caballo (Venezuela) (-) (2-4)

              14/02/2024

              • (Peru) Melgar 1-1 * Aurora (Bolívia)

              15/02/2024

              • (Paraguai) Nacional * 3-0 Aucas (Equador)


              2ª Fase

              Jogos de Ida

              20/02/2024
              • (Colômbia) Águilas Doradas 0-0 Bragantino (Brasil)
              • (Bolívia) Always Ready 6-1 Sporting Cristal (Peru)
              • (Venezuela) Portuguesa 1-2 Palestino (Chile)
              21/02/2024
              • (Paraguai) Nacional 1-0 Nacional (Colômbia)
              • (Venezuela) Academia Puerto Cabello 0-2 Nacional (Uruguai)
              • (Bolívia) Aurora 1-1 Botafogo
              22/02/2024
              • (Argentina) Godoy Cruz 0-1 Colo-Colo (Chile)
              • (Paraguai) Sportivo Trinidense 1-1 Nacional (Equador)

              Jogos de Volta

              27/02/2024
              • (Brasil) Bragantino - Águilas Doradas (Colômbia)
              • (Peru) Sporting Cristal - Always Ready (Bolívia)
              • (Chile) Palestino - Portuguesa (Venezuela)
              28/02/2024
              • (Colômbia) Nacional - Nacional (Paraguai)
              • (Uruguai) Nacional - Academia Puerto Cabello (Venezuela)
              • Botafogo - Aurora (Bolívia)
              29/02/2024
              • (Chile) Colo-Colo - Godoy Cruz (Argentina)
              • (Equador) Sportivo Trinidense - Nacional (Equador)

              quinta-feira, 22 de fevereiro de 2024

              CR Flamengo Bicampeão dos Jogos da Primavera de 1969/1970

              O Flamengo se sagrou bicampeão dos Jogos da Primavera de 1969/1970.

              Flamengo e Vasco da Gama terminaram empatados em pontos. O Urubu ficou com o título nos critérios de desempate. As atletas de vermelho e preto obtiveram mais medalhas de ouro que as vascaínas.


              Resultados

              Desfile

              • 1º Vasco da Gama - 82 - Campeão.
              • 2º Flamengo - 80

              Porta-Bandeira

              • 1º Esther de Barros Garcia Lopes (Vasco da Gama) - 10 - Campeão.
              • 2º Cláudia Lúcia Trindade Deda (Flamengo) - 9

              Baliza

              • 1º Silina Machado Braga (Vasco da Gama) - 20 - Campeão.
              • 2º Luzia Lipes Pessoa (Flamengo) - 16,66

              Garbo

              • 1º Vasco da Gama - 16 - Campeão.
              • 1º Flamengo - 16

              Conjunto

              • 1º Vasco da Gama - 20 - Campeão.
              • 2º Flamengo - 18

              Porta-Bandeira

              • 1º Vasco da Gama - 12 - Campeão.
              • 1º Flamengo - 12 - Campeão.

              Atletismo

              • 1º Botafogo - 181 - Campeão.
              • 2º Vasco da Gama - 174
              • 3º Flamengo - 106

              Basquete

              • 1º Flamengo - Campeão.
              • 2º Vasco da Gama

              Ciclismo

              • 1º Vasco da Gama - Campeão.
              • 2º Flamengo

              Ginastica

              • 1º Vasco da Gama - Campeão.
              • 2º Flamengo

              Esgrima

              • 1º Flamengo - Campeão.
              • 2º Vasco da Gama
              • 3º CIB

              Natação

              • 1º Flamengo - 289 - Campeão.
              • 2º Vasco da Gama - 174

              • 3º Guanabara - 88

              Rainha

              • 1º Tânia Aparecida Rennó (CIB) - Campeã.
              • 2º Lêda Faulhaber Martina (Vasco da Gama)
              • 3º Ana Luísa Groth (AABB)

              Tênis

              • 1º Flamengo - 39 - Campeão.
              • 2º Vasco da Gama - 8

              Tênis de Mesa - Principiantes

              • 1º Municipal - Campeão.
              • 2º Flamengo

              Tênis de Mesa - Geral

              • 1º Municipal - Campeão.
              • 2º Vasco da Gama

              Tiro

              • 1º Vasco da Gama - 511 - Campeão.
              • 2º Municipal - 217
              • 3º Flamengo - 123
              • 4º CIB - 7

              Tiro com Arco

              • 1º Vasco da Gama - 752 - Campeão.
              • 2º Municipal - 582
              • 3º Flamengo 350
              • 4º CIB - 36

              Voleibol Principiantes

              • 1º Tijuca TC - Campeão.
              • 2º CIB
              • 3º Botafogo

              Voleibol Geral

              • 1º Flamengo - Campeão.
              • 2º AABB
              • 3º Vasco da Gama

              Xadrez

              • 1º Flamengo - Campeão.
              • 2º Vasco da Gama
              • 3º CIB


              Classificação final

              • 1º Flamengo - 172 - Bicampeão.
              • 2º Vasco da Gama - 172
              • 3º CIB - 57
              • 4º Municipal - 49
              • 5º EC Mallet - 20
              • 6º Tijuca TC - 17
              • 7º AABB - 16
              • 8º Botafogo - 15
              • 9º Guanabara - 6
              • 10º Clube Naval - 2