sexta-feira, 31 de outubro de 2008

CR Vasco da Gama Campeão do Torneio Vasco da Gama de Handebol Juvenil Feminino de 2008

O Handebol Feminino Juvenil do Vasco foi Campeão do Torneio Vasco da Gama, cuja final aconteceu na última quarta-feira (29/10), em São Januário. A equipe cruzmaltina venceu na decisão a tradicional equipe carioca o colégio Mercúrio da Pavuna.

Elenco campeão: Rafaela, Viviane, Amandinha, Bárbara, Thairine Rosane, Beatriz, Nicolle, Monique, Ana Carolina, Carol, Karina e Alcilene. Comissão Técnica: Fábio William (Técnico) e Marcos Aurélio (Coordenador).

A Campanha:
1a Fase:
09 - 02 PM Porto Real
17 - 06 PM Belford Roxo
Final:
08 - 05 Mercúrio

Fluminense FC Campeão Estadual de 1969

O jogo do título para o Fluminense, 3 a 2 sobre o Flamengo na penúltima rodada, levou 171.599 pagantes ao Maraacnã. O Fluminense jogou com: Félix; Oliveira, Galhardo, Assis e Marco Antônio; Denilson e Lulinha (Samarone); Wilton, Flávio, Cláudio Garcia e Lula (Gilson Nunes). Técnico: Telê Santana.

Flávio (Fluminense) foi o artilheiro com 15 gols.

A Campanha:
1o Turno:

1-0 Portuguesa - f
6-1 Madureira - f
1-1 Botafogo - c
1-1 Bonsucesso - c
2-1 Olaria - f
3-0 São Cristóvão - f
2-1 Vasco da Gama - f
0-2 América - c
0-0 Flamengo - c
3-1 Campo Grande - c
3-1 Bangu - c
2o Turno:
2-0 Portuguesa - c
0-0 Vasco da Gama - c
2-1 América - f
3-0 Bangu - f
2-0 Bonsucesso - f
3-2 Flamengo - f
1-3 Botafogo - f

Classificação:
1) Fluminense
2) Flamengo
3) Vasco da Gama
4) Botafogo
5) Bonsucesso
6) América
7) Portuguesa
8) Bangu
9) Campo Grande
10) Olaria
11) São Cristóvão
12) Madureira

Fluminense FC Campeão da Taça Guanabara de 1969

O time-base campeão: Jorge Vitório; Oliveira, Galhardo, Assis e Marco Antônio; Denilson, Cláudio Garcia; Cafuringa, Flávio, Samarone (Silveira) e Gilson Nunes (Wilton). Técnico: Telê Santana.

A Campanha:
1a Fase:

2-0 Bangu - c
3-1 América - c
1-0 Bonsucesso - c
2-0 Campo Grande - c
0-0 Vasco da gama - c
1-2 Flamengo - f
1-0 Botafogo - c
2a Fase:
0-0 Flamengo - f
0-1 Botafogo - f
1-0 América - c

Classificação:
1) Fluminense
2) Botafogo
3) Flamengo
4) América
5) Bonsucesso
6) Vasco da Gama
7) Bangu
8) Campo Grande

CR Flamengo Bicampeão Estadual de Basquetebol Masculino de 2005 e 2006

Em 2006, oito clubes disputaram o Campeonato Estadual. O Flamengo ficou em primeiro lugar na 1a Fase com 100% de aproveitamento. Nas Semi-Finais e Finais, a dificuldade foi maior mas o Flamengo conquistou o título invicto.

O elenco bicampeão: Diguinho, Fred, Igor, Gustavo, Olivinha, Olívia, Gema, Coloneze, Colin e Léo. Técnico: Paulo Chupeta.

A Campanha:
1a Fase:

?
2a Fase:
100 - 81 Macaé Sports - f
101 - 83 Macaé Sports - c
Final:
93 - 74 Rio de Janeiro - f
95 - 89 Rio de Janeiro - c

Classificação:
1) Flamengo
2) Rio de Janeiro
3) Grajaú CC
4) Macaé Sports
5) Iguaçu BC
6) Vasco da Gama
7) CFCSN
8) ACF Campos

CR Flamengo Bicampeão Estadual de Basquetebol Masculino de 1951 e 1952

O Campeonato Estadual de 1952 foi disputado em turno único e o título só veio na última partida, contra o Fluminense.

Time-base: Zé Mário, Algodão, Alfredo, Gedeão, Artur, Mário Hermes, Tião Mendes, Raimundo, Guguta, Edson, José Francotti, Miltinho e Dobinha. Técnico: Kanela.

A Campanha:
73 - 19 Carioca - n
82 - 16 Mackenzie - n
66 - 36 Riachuelo - n
60 - 25 AA Grajaú - n
61 - 38 Grajaú CC - n
75 - 37 Tijuca TC - n
51 - 21 Botafogo - n
75 - 25 Vasco da Gama - n
78 - 27 América - n
48 - 33 Fluminense - n
42 - 25 Sírio Libanês - n

Classificação:
1) Flamengo
2) Fluminense
3) Grajaú CC
4) Botafogo
5) América
6) Tijuca TC
7) Riachuelo
8) Sírio Libanês
9) AA Grajaú
10) Carioca
11) Vasco da Gama
12) Mackenzie

Botafogo FR Bicampeão Estadual de 1967/1968

No dia 09 de Junho de 1968, 141.689 pessoas foram ao Maracanã assistir o Botafogo golear o Vasco da Gama por 4 a 0 e conquistar o bicampeonato estadual.

Na foto estão em pé Moreira, Cao, Zé Carlos, Leônidas, Carlos Roberto e Valtencir. Agachados: Rogério, Gérson, Roberto, Jairzinho e Paulo César.

O artilheiro foi Roberto (Botafogo) com 13 gols.

A Campanha:
1º Turno:

1-0 Madureira - f
3-1 Portuguesa - f
1-1 Fluminense - f
2-2 America - c
4-1 São Cristóvão - f
2-0 Olaria - f
5-0 Bonsucesso - c
1-0 Flamengo - f
3-1 Bangu - c
0-2 Vasco da Gama - f
1-0 Campo Grande - f
2º Turno:
2-0 Madureira - c
3-0 America - f
2-0 Bonsucesso - f
3-1 Fluminense - c
2-1 Bangu - f
1-0 Flamengo - c
4-0 Vasco da Gama - c

Classificação:
1º Botafogo - Campeão.
2º Vasco da Gama
3º Flamengo
4º America
5º Bangu
6º Fluminense
6º Bonsucesso
8º Madureira
9º Campo Grande
10º Olaria
11º Portuguesa
12º São Cristóvão

Botafogo FR Bicampeão da Taça Guanabara de 1967/1968

O Botafogo conquistou o bicampeonato da Taça Guanabara dem 1968.

O time-base do bi era composto por Cao (Wendell); Moreira, Zé Carlos, Leônidas (Dimas) e Waltencir; Carlos Roberto e Gérson; Zequinha, Roberto, Jairzinho e Paulo Cézar. Técnico: Zagallo.

A Campanha:
1ª Fase:

1-1 Vasco da Gama - f
1-1 America - c
2-1 Bangu - c
1-0 Fluminense - c
1-0 Bonsucesso - c
0-0 Flamengo - c
Final:
4-1 Flamengo - c

Festa para os Remadores Vascaínos

Antes da partida de ontem do futebol masculino vascaíno em São Januário ontem, os remadores do clube desfilaram pelo estádio de futebol e deram a volta olímpica para comemorar os títulos de Campeão Estadual de 2008 e de Bicampeão Brasileiro de Remo de 2007 e 2008.

A festa foi muito bonita e merecida.

quinta-feira, 30 de outubro de 2008

São Januário Será a Sede do Estadual de Tênis de Mesa de 2008

O Campeonato Estadual Inter-clubes de Tênis de Mesa já tem data e local para acontecer. A FTMERJ e os clubes acertaram que o dia 09 de Novembro será o da disputa mais aguardada da temporada.

O Ginásio do Vasco da Gama será a sede da competição. As partidas começam às 09:00.

O Campeonato Inter-Clubes será muito disputado e o título está em aberto. Fluminense, Municipal, Olaria e Vasco da Gama são os favoritos.

Buck

O C.R. Flamengo completou hoje 12 anos sem Guilherme Augusto do Eirado Silva (o Buck).

A data de hoje, 30 de outubro de 2008, é lembrada com muita saudade e tristeza para os que conviveram com ele. Hoje, 12 anos após sua morte, o remo do C.R.Flamengo está de luto.

A era de glórias do remo rubro-negro começou em 1962, com Buck assumindo o comando técnico da sede náutica e garantindo muitas vitórias estaduais e nacionais para o Flamengo.

De 1962 a 1996 venceu 30 Campeonatos Estaduais e conquistou nove títulos do Troféu Brasil. Pela seleção brasileira obteve cinco medalhas de ouro em Pan-Americanos, e ainda participou de sete Olimpíadas.

Além de técnico fervoroso do C.R.F, Buck comandou a equipe nacional em 10 Pan-Americanos, sete Olimpíadas e em 17 Mundiais.

Buck faleceu no dia 30 de outubro de 1996, aos 69 anos, vítima de um enfarte fulminante.

Fonte: Site oficial do CR Flamengo

Fluminense FC Campeão da Taça Guanabara de 1966

Com 5 vitórias e 2 empates, o Fluminense conquistou a Guanabara de forma invicta.

O time na foto é: Pedro Omar, Tuca, Mansor, Valtinho, Silveira e Castelo; agachados Wilton, Américo, Tiguta, Serginho e Taduche.

A Campanha:
1a Fase:

0-0 Botafogo - c
1-0 Bonsucesso - c
0-0 Bangu - c
2-2 Flamengo - f
3-0 Vasco da Gama - c
Final:
3-1 Flamengo

Classificação:
1) Fluminense
2) Flamengo
3) Botafogo
4) Bangu
5) Vasco da Gama
6) Bonsucesso

Botafogo FR Campeão da Taça Guanabara de 1967

O Botafogo praticamente não tinha adversários em 1967. Venceu 6 dos 7 clássicos da Taça Guanabara.

O time-base do campeão era formado por Manga; Moreira, Zé Carlos, Leônidas e Waltencir; Carlos Roberto e Gérson; Rogério, Roberto, Jairzinho e Paulo Cézar. Técnico: Zagallo.

A Campanha:
1ª Fase:

2-1 America - c
1-0 Flamengo - c
2-3 Vasco da Gama - f
2-0 Fluminense - c
3-1 Bangu - c
Final:
3-2 America - c

Classificação:
1º Botafogo - Campeão.
2º America
3º Vasco da Gama
4º Bangu
5º Flamengo
6º Fluminense

Botafogo FR Campeão Estadual de 1967

Em 1967, o Botafogo sobrou no Estadual. Foi vencedor dos dois turnos e foi campeão sem necessidade de disputar a finalíssima.

O artilheiro foi Paulo Borges (Bangu) com 13 gols.

Na foto estão em pé Moreira, Cao, Zé Carlos, Leônidas, Carlos Roberto e Valtencir. Agachados: Rogério, Gerson, Roberto, Jairzinho e Paulo César Caju.

A Campanha:
1º Turno:
1-0 Portuguesa - f
3-1 Olaria - f
1-0 Fluminense - f
3-1 Bangu - c
1-1 Campo Grande - f
1-0 Bonsucesso - c
2-0 Madureira - f
2-1 Flamengo - f
1-0 America - c
0-2 Vasco da Gama - f
2-1 São Cristóvão - f
2º Turno:
3-0 Campo Grande - c
2-1 America - f
1-0 Flamengo - c
1-0 Olaria - f
1-1 Fluminense - c
3-1 Vasco da Gama - c
2-1 Bangu - c

Classificação:
1º Botafogo - Campeão.
2º Bangu
3º Fluminense
4º Flamengo
4º America
6º Vasco da Gama
7º Olaria
7º Campo Grande
9º Bonsucesso
10º Madureira
11º Portuguesa
12º São Cristóvão

Tênis do Fluminense

Há algum tempo publicamos várias fotos e alguma parte da história do tênis do Fluminense FC. Publicamos agora a foto das atuais quadras de saibro do tricolor.

O clube ainda dispõe de uma quadra central mas esta é de cimento e também é utilizada para basquetebol, futsal e handebol.

EM Silveira Sampaio Campeã Estadual Pré-Mirim de Atletismo de 2008

A Escola Municipal Silveira Sampaio conquistou o Campeonato Estadual de Atletismo da categoria pré-mirim, disputado no Estádio Célio de Barros, disputado nos dias 18 e 19 de Outubro.

Classificação:
1) Escola Municipal Silveira Sampaio - 349 - Campeã

2) Escola Municipal Francisco Caldeira de Alvarenga - 244
3) Mangueira - 204
4) UPMRR - 102
5) Núcleo Esportivo Olímpico Arnaldo Oliveira - 102
6) Fluminense - 57
7) Vasco da Gama - 52
8) ACB - 26
9) Centro Esportivo Miécimo da Silva - 23
10) AAAR - 17
11) PMBR - 16

Os Campeões:
2008 - Escola Municipal Silveira Sampaio

Futsal Feminino: 7a Rodada

Após a interrupção por causa da Copa do Mundo de Futsal, tivemos mais uma rodada do Campeonato Estadual de Futsal Feminino. O atual campeão metropolitano, o Flamengo, se complicou ao ser goleado pelo Casa da España em casa. Faltam três rodadas para o fim da 1a Fase.

1a Fase:
7a Rodada:

24/10/08
Montanha 2-7 River
26/10/08
Flamengo 1-5 Casa de España
29/10/08
Vasco da Gama 2-2 Mackenzie

Classificação:
1) Casa de España - 17
2) Ríver - 14
3) Vasco da Gama - 10
4) Mackenzie - 8
4) Flamengo - 7
6) Montanha - 3

São Paulo Tem o Melhor Boxe Feminino do País

A Federação Paulista de Boxe conquistou o Campeonato Brasileiro Interfederativo de Boxe Feminino de 2008. Foram 4 medalhas de ouro para os paulistas, contra 3 da Bahia, 2 do Distrito Federal, 1 do Amapá e 1 do Pará.

O Rio de Janeiro foi muito mal e não disputou sequer uma final.

Há muitos anos que não temos um Campeonato Brasileiro Inter-clubes. Uma pena!

A foto é do pódio de Glauce Alves.

As Campeães:
Até 46kg: Érica Matos (BA)
48kg: Daniela Souza (SP)
50kg: Stela Soares (SP)
52kg: Loren Capecce (SP)
54kg: Clélia Costa (DF)
57kg: Taynna Cardoso (DF)
60kg: Adriana Araújo (BA)
63kg: Glauce Alves (PA)
66kg: Andréia Costa (BA)
70kg: Andréa Bandeira (SP)
75kg: Roseli Feitosa (AP)
80kg: ----
86kg: Maristela Souza (MT)

Fluminense FC Hexacampeão Estadual Infantil Feminino de Voleibol de 2003 a 2008

O Fluminense conquistou na noite de 3a Feira o 2o turno do Campeonato Estadual de Voleibol Feminino de 2008 de forma invicta. Como já conquistara o 1o turno no primeiro semestre (também invicto), foi proclamado campeão sem necessidade de uma finalíssia.

Final:
28/10/08
3-1 Tijuca TC (25/22, 22/25, 25/18 e 26/24)

O elenco hexacampeão de 2008: Mariana Richa, Júlia, Gabi, Letícia, Mariana Arruda, Isabela, Suzanny, Sacha, Mariana Roriz, Ísis, Rafaela e Gabriela Santos. Técnico: Guilherme Schmitz. Auxiliares: Didi e Paulinho.

A Campanha:
1o Turno:
1a Fase:

3-0 5 de Julho - c
3-0 AABB Tijuca - c
2-3 Tijuca TC - f
3-0 Niterói VC - c
3-0 Grajaú TC - f
3-0 Botafogo - c
3-0 Flamengo - c
2a Fase:
3-0 Grajaú TC - f
3-0 Grajaú TC - c
Final:
3-2 Tijuca TC - f
3-0 Tijuca TC - c
2o Turno:
1a Fase:
3-0 5 de Julho - c
3-1 Niterói VC - f
3-0 Flamengo - f
3-0 Grajaú TC - c
3-0 Botafogo - f
3-0 AABB Tijuca - f
3-0 Tijuca TC - c
2a Fase:
3-0 Grajaú TC - f
3-0 Grajaú TC - c
Final:
3-0 Tijuca TC - f
3-1 Tijuca TC - c

Os Campeões:
1963 - Flamengo
1964 - Flamengo
1965 - Fluminense
1966 - Fluminense
1967 - Botafogo
1968 - Botafogo
1969 - CIB
1970 - ----
1971 - Botafogo
1972 - Botafogo
1973 - Flamengo
1974 - Botafogo
1975 - Flamengo
1976 - Flamengo
1977 - Flamengo
1978 - Flamengo
1979 - Fluminense
1980 - Botafogo
1981 - Botafogo
1982 - Botafogo
1983 - Fluminense
1984 - Fluminense
1985 - Bradesco
1986 - Bradesco
1987 - Lufkin
1988 - Botafogo
1989 - Botafogo
1990 - Botafogo
1991 - Flamengo
1992 - Hebraica
1993 - Hebraica
1994 - Fluminense
1995 - Fluminense
1996 - Fluminense
1997 - Tijuca TC
1998 - Fluminense
1999 - Flamengo
2000 - Fluminense
2001 - Flamengo
2002 - Flamengo
2003 - Fluminense
2004 - Fluminense
2005 - Fluminense
2006 - Fluminense
2007 - Fluminense
2008 - Fluminense

Ranking:
1) Fluminense - 16
2) Botafogo - 11
2) Flamengo - 11
4) Bradesco - 2
4) Hebraica - 2
5) CIB - 1
5) Lufkin - 1
5) Tijuca TC - 1

quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Bangu AC Campeão Estadual de 1966

O Bangu quase foi campeão sem necessidade de disputar a Final. Além de ganhar o 2º Turno, perdeu o primeiro na rodada final. Jogava pelo empate mas perdeu para o Flamengo.

Na finalíssima, 143.978 pagantes assistiram à quebra de jejum banguense, que já durava 33 anos sem um título estadual.

Paulo Borges (Bangu) foi o artilheiro com 16 gols.

Na foto estão em pé: Mário Tito, Ubirajara, Luiz Alberto, Ari Clemente, Fidélis e Jaime. Agachados: Paulo Borges, Cabralzinho, Ladeira, Ocimar e Aladim.

A Campanha:
1º Turno:

5-0 Madureira - f
5-0 São Cristóvão - f
4-1 America - c
3-0 Campo Grande - c
5-0 Olaria - f
2-1 Portuguesa - c
1-0 Fluminense - f
0-0 Vasco da Gama - f
0-0 Botafogo - f
2-0 Bonsucesso - c
1-2 Flamengo - f
2º Turno:
4-0 Bonsucesso - f
3-1 Olaria - c
3-0 Botafogo - c
3-2 America - f
3-0 Vasco da Gama - c
3-0 Flamengo - c

Classificação:
1º Bangu - Campeão.
2º Flamengo
3º Fluminense
4º Botafogo
5º Vasco da Gama
6º América
7º Olaria
8º Bonsucesso
9º Portuguesa
10º Campo Grande
11º São Cristóvão
12º Madureira

Grêmio Náutico União (RS) Pentacampeão Brasileiro de Maratonas Aquáticas de 2004 a 2008

O Fluminense contratou Luiz Lima para as duas últimas etapas do Campeonato Brasileiro, ambas disputadas em Salvador (BA). Mas o título passou longe das Laranjeiras. O Grêmio Náutico União (RS), especialista nesta modalidade, levou o caneco com folga. No feminino, o título ficou com Maria da Cruz, atleta da Associação Recreativa e Esportiva dos Empregados e Aposentados do Grupo CVRD (ES).

Classificação Individual Feminina:
1) Maria da Cruz - AERT (ES) - 128 - Campeã.
2) Ana da Cunha - UNISANTA (SP) - 126
3) Pâmela Engel - ACEB (BA) - 123

Classificação Individual Masculina:
1) Luiz Lima - Fluminense (RJ) - 136 - Campeão.
2) Fábio Lima - Grêmio Náutico União (RS) - 1173
3) Allan do Carmo - ACEB (BA) - 114

Classificação de Clubes:
1) Grêmio Náutico União (RS) - 982 - Pentacampeão.
2) ACEB (BA) - 500
3) Potência Máxima (RJ) - 455
4) Competition Academia (SP) - 341
5) UNISANTA (SP) - 333

Os Campeões:
2001 – Grêmio Náutico Gaúcho (RS)
2002 – Grêmio Náutico Gaúcho (RS)
2003 – Paulistano (SP)
2004 – Grêmio Náutico União (RS)
2005 – Grêmio Náutico União (RS)
2006 – Grêmio Náutico União (RS)
2007 – Grêmio Náutico União (RS)
2008 - Grêmio Náutico União (RS)

Ranking:
1) Grêmio Náutico União - 5
2) Grêmio Náutico Gaúcho - 2
3) Paulistano - 1

Grêmio Náutico União (RS) Campeão do Torneio Nacional de Esgrima de 2008

Foi realizada em São Paulo, a quarta e última etapa do Torneio Nacional de Esgrima de 2008.

Galois e Pinheiros foram melhores que o Grêmio Náutico União nesta etapa mas o título não escapou das armas gaúchas.

O Rio de Janeiro, infelizmente, não conquistou sequer uma medalha.

A foto é de Manoel Constant Neto, ex-atleta, do Grêmio Náutico União.

Os atletas Campeões:
Espada Feminina: Cleia Guilhon (Galois/DF)
Espada Masculina: Ivan Baumargtner (Galois/DF)
Florete Masculino: João Souza (Grêmio Náutico União/RS)
Florete Feminino: Taís Rochel (Pinheiros/SP)
Sabre Feminino: Karina Lakerbai (Academia Paulista de Esgrima/SP)
Sabre Masculino: Luiz Somemr (Associação de Amigos Casarão da Várzea/RS)

Classificação por Medalhas (ouro, prata e bronze):
1) Grêmio Náutico União (RS) - 6 - 5 - 5 - Campeão.
2) Pinheiros (SP) - 5 - 7 - 5
3) Academia Paulista de Esgrima (SP) - 5 - 4 - 3
4) Galois (DF) - 3 - 1 - 1
5) Associação de Amigos Casarão da Várzea (RS) - 3 - 0 - 3
6) Sogipa (RS) - 1 - 2 - 3
7) BTC (MG) - 1 - 0 - 1
8) Paulistano (SP) - 0 - 2 - 1
9) Associação Paranaense dos Praticantes de Esgrima (PR) - 0 - 1 - 1
9) Círculo Militar do Paraná (PR) - 0 - 1 - 1
11) Curitibano (PR) - 0 - 1 - 0

Fluminense FC Campeão de Tênis dos Jogos da Primavera de 1958

Lúcia Maia, Vanda Gião e Angela Maria comandaram a equipe de tênis tricolor (foto) nos Jogos da Primavera de 1958.

Fonte: Jornal dos Sports.

AIBA e COI se Reunem: Boxe Feminino nos Jogos em Pauta

A Associação Internacional de Boxe Amador (AIBA) pedirá a inclusão da categoria feminina nos Jogos Olímpicos de Londres 2012, segundo a decisão de uma assembléia-geral extraordinária realizada em Pequim.

A solicitação será formalizada o mais breve possível ao Comitê Olímpico Internacional (COI), assinalou a entidade em um comunicado no qual informa sobre algumas mudanças nas regras atuais. "A Aiba anunciou seu apoio total à inclusão do boxe de mulheres nos Jogos Olímpicos de Londres e concordou em fazer uma proposta para apresentá-la ao COI nos próximos meses" destaca o comunicado da entidade.

A entidade admitiu o estabelecimento de 11 categorias para as lutas femininas similares às masculinas. Também decidiu que a partir do próximo 1º de janeiro os combates terão três assaltos de três minutos cada e não mais quatro de dois minutos e anunciou a instalação na cidade canadense Becancour da primeira academia da Aiba para a formação de pugilistas juízes e gerentes esportivos.

O Boxe e a Luta Greco-Romana são os únicos esportes olímpicos disputados exclusivamente por homens. Nado Sincronizado e Ginástica Rítmica são as únicas modalidades olímpicas disputadas apenas por mulheres.

Brasileiro de Boxe em Novembro

Na última semana, a CBBoxe Confederação Brasileira de Boxe realizou visita técnica, em Cuiabá, nas instalações que serão utilizadas no 63° Campeonato Brasileiro de Boxe e no 1° Campeonato Brasileiro de Boxe de Cadetes. A vista realizada por Antonio Bosco teve, entre outros, objetivos de observar alojamento, refeitório e local de competição.

Os campeonatos acontecerão num dos mais modernos locais de competição brasileiros, o Ginásio Poliesportivo Professor Aecim Tocantins. O ginásio tem capacidade para 11606 assistentes sentados e possui 18 salas de apoio, 4 camarins, vestiários para atletas, vestiários para portadores de necessidades especiais, vestiários para arbitros, alojamento com 220 leitos, refeitório para 132 pessoas simultaneamente, auditório para 73 pessoas além de 8 bares e lanchonetes e 11 cabines para rádio/TV. Foi neste local que recentemente foi realizada a Copa Mundial de Volei.

Os torneios serão efetivados de 23 a 30 de novembro.

3a Etapa do Torneio Nacional de Esgrima de 2008

Foi realizada em Porto Alegre (RS) a terceira etapa do Torneio Nacional de Esgrima de 2008. O Pinheiros perdeu a liderança da competição para o Grêmio Náutico União.

O Rio de Janeiro segue sem nenhuma medalha.

Os atletas Campeões:
Espada Feminina: Bianca Dantas (BTC/MG)
Espada Masculina: Lúcio Goldani (Grêmio Náutico União/RS)
Florete Masculino: João Souza (Grêmio Náutico União/RS)
Florete Feminino: Taís Rochel (Pinheiros/SP)
Sabre Feminino: Denise Fried (Academia Paulista de Esgrima/SP)
Sabre Masculino: William Zeytoulian (Academia Paulista de Esgrima/SP)

Classificação por Medalhas (ouro, prata e bronze):
1) Grêmio Náutico União (RS) - 5 - 4 - 4
2) Pinheiros (SP) - 4 - 4 - 4
3) Academia Paulista de Esgrima (SP) - 4 - 3 - 3
4) Associação de Amigos Casarão da Várzea (RS) - 2 - 0 - 1
5) Sogipa (RS) - 1 - 2 - 1
6) Galois (DF) - 1 - 1 - 1
7) BTC (MG) - 1 - 0 - 1
8) Paulistano (SP) - 0 - 2 - 1
9) Associação Paranaense dos Praticantes de Esgrima (PR) - 0 - 1 - 1
9) Círculo Militar do Paraná (PR) - 0 - 1 - 1

Ciça

Maria Cecília (42 anos) ou simplesmente Ciça para os amigos, tinha tudo para ser mais uma personagem de uma dessas histórias que povoam o noticiário policial de nossa cidade. Nascida em uma família humilde não conheceu o pai. Ela e mais seis irmãos (Marcelo, Ciça, Guilherme, Marcos, Celina, Eliza, que faleceu ainda bebê e Vânia) eram pobres, mas felizes. A mãe, dona Ângela, sustentava a casa com o dinheirinho minguado do salário de diarista que ganhava lavando, passando roupas e costurando para a vizinhança do Bairro de Fátima, centro do Rio, onde moravam.

Para mostrar que vale a pena sonhar, mesmo nas condições mais adversas, Maria Cecília acaba de voltar do Canadá trazendo a taça de campeã mundial de karatê (categoria única) disputada em Toronto (foto). Um sonho que começou a se desenhar quando a menininha pobre e separada do resto dos irmãos com apenas 7 anos de idade, se apaixonou pelo esporte aos 20, quando fez uma visita a academia de karatê ‘Kamikaze’, na rua do Bispo, Rio Comprido, centro do Rio.

Ali, pela primeira vez ouviu o grito característico dos praticantes da milenar arte marcial oriental e quis ver de perto do que se tratava. Foi amor à primeira vista. Naquele dia Ciça disse para si mesma: “É isso que eu quero para a minha vida”. De lá até nossos dias a menininha sem futuro e sem rumo passou a colecionar inúmeros troféus de campeonatos de karatê disputado ao redor do mundo (Argentina, Estados Unidos da América, Europa, África, Ásia e Oriente).

Fã do astro Bruce Lee, Maria Cecília fez do amor ao esporte sua profissão de fé. Mas até aqui, a jornada tem sido dura. A barra começou a pesar em 1973 quando os biscates da mãe dona Ângela foram escasseando e o dinheiro também. Com dificuldades para pagar o aluguel da casinha simples no Bairro de Fátima, centro do Rio, a família foi despejada e passou a morar na rua. Não fosse a solidariedade da vizinhança as coisas poderiam ganhar outro rumo.

Primeiro uma vizinha acolheu os irmãos, mas o Juizado de Menores (hoje Vara da Infância e Juventude) impediu a ‘adoção’ sob o argumento de que havia gente demais naquela casa. O resultado da ação é que separaram os irmãos. As meninas foram para o Educandário N.Sra. de Fátima, em Jacarepaguá (Zona Oeste) e os irmãos para a extinta Febem (em Quintino).

“Mas Deus tinha um plano em nossas vidas”, justifica Ciça que é evangélica e congrega na Igreja Presbiteriana Esperança em Vargem Grande, desde os 20 anos de idade. Sua sorte começou a mudar quando a dra. Maria Lúcia Barbosa Lima (advogada e comissária de menores ou anjo), levou a jovem para trabalhar em sua casa para cuidar do neto Bernardo de um ano e meio. Ali, permaneceu por três anos com casa, comida e roupa lavada além de estudar até concluir o 2º grau.

Foi então recomendada pela própria patroa para trabalhar na casa da dra. Ana Maria Xavier (também advogada) para cuidar do filho Fábio Augusto. Mas a juventude aliada a um vazio existencial levou Ciça a buscar resposta em várias relações amorosas que a decepcionaram e que culminaram no consumo exagerado de álcool e drogas ilícitas pela ainda menina, Ciça.

Então, com 19 anos, ela encontra trabalho no Centro Educacional Deofrildo Trotta. E escola é extinta e os professores resolvem tocar um projeto próprio que era o de criar uma academia de esportes. Aí, começa o envolvimento de Ciça com o karatê (amor à primeira vista). O primeiro treino foi com um quimono emprestado por um lutador muito maior que ela. Mas isso não foi problema porque a vontade era grande.

Entusiasmada pela filosofia empregada no karatê (conter a agressão, manter a calma em momentos tensos, dialogar sempre e respeitar o adversário) a jovem aspirante a campeã mergulhou de cabeça no esporte. Com oito anos de academia e faixa laranja na cintura, foi inscrita pelo inesquecível professor Eraldo Soares no Campeonato Carioca de Karatê nos anos 80 e ficou com o 3º lugar, derrotando outras campeãs de categorias superiores, inclusive faixas-pretas.

Logo em seguida foi selecionada para representar o Rio na Copa Brasil Manoel Tobino. Entusiasmada com a possibilidade de mudar o rumo da sua vida através do esporte e realizar o sonho de dar uma casa para a sua mãe dona Ângela, a jovem Ciça mergulhou nos treinos e os resultados começaram a acontecer. Foi selecionada para o Mundial do Egito em 88. Já chegou lá cantando marra e querendo enfrentar logo de cara a campeã japonesa. A falta de humildade lhe custou caro. Levou uma baita surra da nipônica, mas aprendeu a lição.

Daí em diante, colocou em prática tudo o que a filosofia da arte marcial milenar ensinara e os resultados foram aparecendo: tetracampeã sul-americana, pentacampeã sul-americana, 12 vezes campeã estadual, dez vezes campeã brasileira, tricampeã mundial no Japão, campeã no Open de Paris, África do Sul, Angola e agora o tri no Canadá. Tal proeza levou o nome de Maria Cecília para o Guiness-Book como a primeira latino-americana a conquistar títulos dentro do Japão, berço do karatê e no resto do mundo.

Casada com Fábio Maia (ex-goleiro do América a atualmente treinador de goleiros desempregado), Ciça tem três filhos que herdaram o talento da mãe para o esporte: Ana Carolina (13), faixa verde de karatê, Ana Bárbara (6) faixa vermelha e o caçula Allef (4) faixa branca.

A campeã entre um treino e outro encontra tempo para dar aulas em projetos sociais como o “Betânia Esporte”, em Realengo, que fica na comunidade carente de Nogueira de Sá e o “Suderj Informa no Fumacê”.

Uma história curiosa aconteceu com a atleta nos Jogos Pan-Americanos de 2007. Primeira colocada na classificatória acabou ficando de fora sem nenhuma explicação convincente da Comissão Técnica. Resultado: sua substituta apanhou feio durante a competição e não conquistou medalha. O fato provocou a ira da torcida que passou a gritar o seu nome no estádio: “Ciça! Ciça! Ciça!”. Era o reconhecimento definitivo à garra e determinação de uma menina pobre que mudou o seu destino ao acreditar que vale a pena sonhar.

Fonte: Site Oficial do CR Vasco da Gama

Manoel Tobias

O melhor jogador do mundo de Futsal jogou no Vasco da Gama durante toda a temporada de 2000 e parte da temporada de 2001. Aliás, nestes anos, o Vasco da Gama tinha uma verdadeira seleção brasileira de futsal, o público lotava os ginásio e aplaudia de pé as vitórias vascaínas.

Manoel Tobias conquistou cinco título pelo Vasco da Gama, sendo o mais importante deles o Campeonato Brasileiro (Liga Futsal) de 2000. Também foi campeão da Taça Brasil de 2000, Torneio Rio-São Paulo-Minas de 2000 e bicampeão Metropolitano de 2000 e 2001.

terça-feira, 28 de outubro de 2008

História do Campeonato Brasileiro de Tênis de Mesa

O Vasco da Gama já trouxe o título máximo do Tênis de Mesa para o Rio de Janeiro, tanto no feminino, quanto no masculino.

Em 2008, está previsto o Campeonato Brasileiro no final do ano.

Os Campeões Femininos:
2000 - Vasco da Gama (RJ)
2001 - ----
2002 - ----
2003 - Santos (SP)
2004 - Santos (SP)
2005 - Aldeota Sul (CE)
2006 - ----
2007 - Joinvillense TM (SC)

Os Campeões Masculinos:
2000 - Vasco da Gama (RJ)
2001 - ----
2002 - ----
2003 - Nilton Lins (AM)
2004 - AD Marília (SP)
2005 - Nilton Lins (AM)
2006 - ----
2007 - Nilton Lins (AM)

Tênis de Mesa do Flamengo de 1965

Foto rara do Tênis de Mesa rubro-negro. O clube voltou a praticar a modalidade em 2008, após décadas sem o esporte.

Aeromodelismo do CR Flamengo

Depois da descoberta do Aeromodelismo do Botafogo FR, eis que conseguimos um registro histórico de uma equipe de jovens rubro-negros dos anos 60.

Futebol de Praia: Times do Grupo A Eliminam os do B

No sábado foram disputadas as partidas das 4as de Final (2a Fase) do Campeonato Estadual de Futebol de Praia (de onze). Os times do Grupo A da 1a Fase venceram todos os quatro confrontos e avançaram para a 3a Fase. A maior surpresa foi a derrota do Racing para o São Clemente.

2a Fase:
25/10/08
Copaleme * 2-1 Paula Freitas
América do Lido 0-1 * Copacabana
Racing 1-2 * São Clemente
Colorado * 1-0 Areia

3a Fase:
São Clemente - Areia
Copaleme - Copacabana

CR Flamengo Campeão Estadual de 1965

Em 02 de Outubro de 1965 foi inaugurado o Estádio Luso-Brasileiro, na Ilha do Governador, sede da Associação Atlética Portugusa. Na partida inaugural, válida pelo Estadual, deu Vasco da Gama: 0 a 2.

O artilheiro foi Amoroso (Fluminense) com 10 gols.

Na foto de 19 de Dezembro de 1965 estão: Waldomiro, Ditão, Jaime Valente, Silva, Nelsinho, Neves, Carlinhos, Almir, Paulo Henrique, Rodrigues e Murilo.

A Campanha:
2-1 América - c
2-0 Portuguesa - c
0-0 Bangu - c
2-1 Vasco da Gama - c
3-0 Bonsucesso - c
0-0 Fluminense - f
2-0 Botafogo - c
2-1 América - f
1-0 Portuguesa - f
0-3 Bangu - f
1-0 Vasco da Gama - f
1-0 Bonsucesso - f
2-1 Fluminense - c
0-1 Botafogo - f

Classificação:
1) Flamengo
2) Bangu
3) Fluminense
3) Botafogo
5) Vasco da Gama
6) Bonsucesso
7) América
8) Portuguesa

CR Vasco da Gama Campeão da Taça Guanabara de 1965

O Vasco da Gama conquistou a primeira Taça Guanabara, disputada em 1965. A competição não valia para o Estadual.

O time-base do Vasco era formado por Gainete, Joel, Brito, Fontana e Oldair; Maranhão e Lorico; Luisinho, Célio, Mário e Zezinho. Técnico: Zezé Moreira.

A Campanha:
1a Fase:

5-0 Fluminense - c
1-1 Flamengo - c
1-0 América - c
3-1 Bangu - c
0-3 Botafogo - f
2a Fase:
2-0 Fluminense - c
1-0 Flamengo - c
2-0 Botafogo - c

Classificação:
1) Vasco da Gama
2) Botafogo
3) Flamengo
3) Fluminense
5) Bangu
6) América

São Cristóvão FR Campeão Estadual da 2ª Divisão de 1965

Os cinco clubes rebaixados de 1964 jogaram a 2ª Divisão de 1965. O Canto do Rio aparentemente não aceitou seudescenso e desfiliou-se da federação.

O São Cristóvão não deu chances para ninguém e foi campeão invicto.

O elenco campeão: Jorge Balbino, Paulo Carvalho Batista (Manga), Edson Furtado de Mendonça, Ailton Germano Rosa, Helton Rodrigues da Silva (Élton), Luís Paes Leme (Turcão), Eliseu Antônio Ferreira Vinagre de Godoy, Gilberto Marques, Jorge da Costa, Gilberto Fraga, Geraldo Teixeira (Aladin), Moisés Francisco de Oliveira, José Alves Calazães (Calazans). Técnico: Silas da Silva.

A Campanha:
2-1 Olaria - c
1-0 Madureira - f
2-1 Campo Grande - f
3-3 Olaria - f
3-1 Madureira - c
2-0 Campo Grande - c


Conteúdo Relacionado

Fluminense FC Campeão Estadual de 1964

Numa tentativa de melhorar o nível técnico do campeonato, a federação rebaixou cinco times: Campo Grande, São Cristóvão, Olaria, Madureira e Canto do Rio.

Na foto estão: Em pé: Carlos Alberto Torres, Procópio, Altair, Castilho, Oldair e Nonô. Agachados: Pai Santana, Amoroso, Ubiraci, Evaldo, Joaquinzinho e Edinho.

O artilheiro foi Amoroso (Fluminense) com 19 gols.

A Campanha:
Temporada Regular:
1-0 Campo Grande - c
2-1 Olaria - c
2-1 Madureira - f
5-1 Canto do Rio - c
1-0 Flamengo - c
0-0 Bangu - c
1-0 Bonsucesso - c
0-1 América - f
2-0 Portuguesa - c
2-0 Botafogo - c
0-1 Vasco da Gama - f
1-0 São Cristóvão - c
5-1 Campo Grande - f
4-0 Olaria - f
1-1 Madureira - c
4-1 Canto do Rio - f
3-3 Flamengo - f
1-2 Bangu - f
2-0 Bonsucesso - f
3-0 América - c
1-1 Portuguesa - f
0-1 Botafogo - f
1-1 Vasco da Gama - c
2-0 São Cristóvão - f
Final:
1-0 Bangu - c
3-1 Bangu - c

Classificação:
1) Fluminense
2) Bangu
3) Flamengo
3) Botafogo
5) América
6) Vasco da Gama
7) Bonsucesso
8) Portuguesa
9) Campo Grande
10) São Cristóvão
11) Olaria
12) Madureira
13) Canto do Rio

segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Fábio de Jesus Coelho

Fabio Coelho é atirador de carabina olímpica e começou no tiro em 1981, quando se filiou à Federação de Tiro do Estado do Rio de Janeiro. Foi atleta do Clube de Regatas do Flamengo de 1981 até 1994, do CCTN de 1995 a 1996, membro da Federação Paulista de Tiro de 1997 a 1999 e retornou em 2000, ao CCTN -Clube de Caça e Tiro de Niterói.

Recordes Brasileiros: (x) numero de vezes em que bateu o recorde.
carabina de ar com 592 pontos - Torneio Escola Naval, RJ, 2000. (2)
carabina Deitado com 593 pontos - Camp. Bras. Interclubes, 1998. (1)
carabina livre 3x40 com 1131 pontos - Camp. Bras. Interclubes, 1998. (3)
carabina livre em pé com 378 pontos - Munique GER 99.(5)

Títulos Regionais:
Várias vezes Campeão Carioca Individual nas provas de Carabina Olímpica e Mira Aberta.

Principais torneios Oficiais da CBT:
Torneio Escola Naval 2000 - Rio de Janeiro - Ouro individual.
Camp. Brasileiro de Armas de Ar 1999- Rio de Janeiro - Ouro individual.
Camp. Brasileiro de Armas de Ar 1998 - Brasilia DF - Prata individual.
Camp. Brasileiro Interclubes 1998 - 2 Ouros, ind. 2 Ouros, 1 Prata equipe.
Cinquentenário da CBT 1997 - 2 Ouros, 1 Prata ind.
Camp. Brasileiro Interclubes 1997 - 2 Ouros, individual.
Camp. Brasileiro de Clubes 1992 - 2 Ouros, individual.
Camp. Brasileiro de 1983, junior - 1 Ouro individual.
Diversos títulos individuais e por equipes nos Campeonatos Centro-Brasileiros.

Medalhas em competições Internacionais:
XVI Sulamericano, Lima PER 2000 - 1 Ouro, 1 Prata, 1 Bronze equipes, 1 Bronze individual.
VI Juegos Sudamericanos. Cuenca ECU 98 - 2 Prata e 1 Bronze p/ equipes
VII Campeonato das Américas. ARG 97 - 2 Bronze p/ equipes.
XIV Sulamericano CHI 1996 - 2 Prata p/ equipes.
Match Brasil X Argentina 1994 - 1 Ouro.
XII Sulamericano BRA 1993 - 1 Bronze.
Match Brasil X Argentina 1992 - 1 Ouro.
Match Brasil X Argentina 1991 - 1 Prata.
Match Brasil X Argentina 1990 - 1 Ouro
Match Brasil X Argentina 1989 - 1 Bronze.
Match Brasil X Argentina 1988 - 1 Ouro , 1 Bronze.

Principais torneios internacionais disputados:
Copas Mundias: Cuba 87; México 89, 90; Brasil 89,90,91; Atlanta EUA 98; Munique - GER 99; Sydney AUS 2000
Campeonato Mundial de Tiro Olímpico - Barcelona ESP 98.
Jogos Desportivos Panamericanos, Cuba 91 e Argentina 95;
VI Jogos Sulamericanos - Cuenca ECU 98.
Campeonato das Américas, EUA 85, Porto Rico 89; ARG 97.
Campeonatos Sulamericanos, Brasil 93, Chile 96, Peru 2000.
Match Brasil x Argentina 87, 88, 89, 90, 91, 93,94;

Prêmios Especiais:
Atirador do ano da CBTE - 2000
Placa de homenagem do CCTN, pelo recorde brasileiro estabelecido na Carabina de Ar, 2000.
Medalha de Mestre Atirador - Ouro, da FPTE, 1999.
Medalha de mérito do Comitê Olímpico Brasileiro, 1992.
Destaque do Ano da equipe do Clube de Regatas do Flamengo - 1986.
Atividades Relacionadas ao Esporte:

Modalidades Olímpicas em que participa:
Carabina de Ar Olímpica, 60 tiros.
Carabina Livre Deitado 60 tiros.
Carabina Livre em Três Posições, 120 tiros.
Modalidades do ISSF
International Shooting Sports Federation
Fuzil Standard 3X20 300m.
Fuzil Livre Deitado 300m.
Fuzil Livre em Três Posições 300m

Mira Aberta:
Carabina Mira Aberta de Ar comprimido.
Carabina Mira Aberta cal .22 3x20 (reg. FTRJ)
Carabina Mira Aberta cal .22 em pé (reg. FTRJ)
Carabina Mira Aberta cal .22 em pé (reg. FPT)
A foto é do atleta nos anos 80, ainda do Flamengo, defendendo a seleção brasileira.

Maria da Conceição Cypriano

Maria da Conceição Cypriano foi uma das representantes do Flamengo nas Olimpíadas do México de 1968, quando competiu no salto em altura. A atleta terminou em 11o lugar.

CR Flamengo Campeão Estadual de Basquetebol Masculino de 1951

A conquista de 1951 foi a primeira da seqüência que resultou no decacampeonato estadual.

O Flamengo tinha em seu elenco os seguintes jogadores: Alfredo, Tião Gimenez, Zé Mário, Mário Hermes, Algodão, Godinho, Raimundo, Tião Mendes, Odin, Evora, Morena e Edson. Técnico: Kanela.

A Campanha:
WO-0 Vasco da Gama (20-0)
63 - 33 América
55 - 36 Botafogo
51 - 24 Riachuelo
44 - 32 AA Grajaú
45 - 32 Grajaú CC
51 - 42 Fluminense
24 - 19 Tijuca TC
61 - 46 Mackenzie
47 - 31 Vasco da Gama
70 - 30 América
70 - 28 Botafogo
64 - 22 Riachuelo
73 - 31 AA Riachuelo
84 - 24 Grajaú CC
53 - 46 Fluminense
43 - 28 Tijuca TC
65 - 48 Mackenzie

Paraatleta do Flamengo Conquistou a Prata

Karla Cardoso conquistou a Medalha de Prata no Judô, na categoria até 48kg, nos Jogos Paralímpicos de 2008. A atleta venceu Y. Halinska (Ucrânia) e Miguel Gonzales (Cuba). Perdeu a final para H. Guo (China).

Tijuca TC Campeão Brasileiro Juvenil de Nado Sincronizado de 2008

Campeão Brasileiro Infantil deste ano, o Tijuca TC venceu também no juvenil. A competição foi realizada no Corinthians (SP), entre os dias 23 e 25 de Outubro. O time carioca conquistou medalhas de ouro no solo, no dueto e na prova por equipes.

No Nível B, espécie de 2ª Divisão, o título foi para a Universidade Tecnológica Federal do Paraná (PR), que não encontrou adversários à altura.

As provas foram todas disputadas no Juvenil A, Juvenil B e Juvenil Principiante.

Classificação Nível A:
1º Tijuca TC (RJ) - 466 - Campeão.
2º Paineiras (SP) - 449
3º Flamengo (RJ) - 339
4º BNB (CE) - 220
5º MESC (SP) - 195
6º Fluminense (RJ) - 112
7º VO Ronaldo Marinho (PB) - 73
8º Corinthians (SP) - 36
9º Remo (PA) - 30

Classificação Nível B:
1º Universidade Tecnológica Federal do Paraná (PR) - 513 - Campeã.
2º TC Santos (SP) - 46
3º Colégio Cenecista José Elias Moreira (SC) - 44

Os Campeões:
2007 - CA Paineiras (SP)
2008 - Tijuca TC (RJ)

domingo, 26 de outubro de 2008

Times do Rio Disputam 8a Taça Paraná de Vôlei

A idéia é descobrir novos talentos. Veja os times do Rio que vão participar desta grande festa em Curitiba. As competições são disputadas nas categorias mirim, infantil e juvenil.

Times do Distrito Federal, Espírito Santo, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e São Paulo disputam as competições.

Mirim Feminino: Flamengo, Fluminense, Macaé Sports e Niterói VC.
Mirim Masculino: Botafogo, Fluminense e Niterói VC.
Infantil Feminino: Flamengo, Fluminense, Grajaú TC e Niterói VC.
Infantil Masculino: Botafogo, Fluminense e Niterói VC.
Juvenil Feminino: Flamengo, Fluminense, Grajaú TC e Niterói VC.
Juvenil Masculino: Botafogo e Macaé Sports.

Mangueira Fecha o Turno em 8o

A Mangueira continua mal no Campeonato Brasileiro de Basquetebol Feminino. A 1a Fase chegou à metade e o time carioca conseguiu apenas duas vitórias em oito jogos. A classificação mostra um amplo domínio paulista na modalidade.

Os oito melhores garantem vaga na 2a Fase. Por enquanto, a Mangueira está dentro.

A foto é de Ivana, da equipe carioca.

Resultados (20 a 26 de Outubro):
72 - 84 Santo André (SP) - f
57 - 104 Americana (SP) - f
90 - 80 Sport (PE) - f

Classificação:
1) Americana (SP) - 16
2) Ourinhos (SP) - 15
3) Catanduva (SP) - 13
4) Santo André (SP) - 13
5) Metodista (SP) - 12
6) Sport (PE) - 10
7) São Caetano (SP) - 10
8) Mangueira (RJ) - 10
9) Clube Doze (SC) - 09

Títulos do Flamengo no Remo

O Flamengo, assim como Botafogo e Vasco da Gama, tem uma longa trajetória de títulos nas categorias de base do Remo. Abaixo, listo algumas conquistas rubro-negras.


As Categorias:
Infantil - 12 a 13 anos.
Infanto-Juvenil - 14 a 15 anos.
Estreante - 16 anos, mas que nunca participou de competições oficiais.
Júnior - 16 a 19 anos.
Sênior B - 19 anos a 22 anos.
Sênior A - 23 anos em diante.
Master - Acima de 27 anos, desde que tenha parado um ano.

Os Títulos:
Master:
Campeonato Estadual: 1999, 2000 e 2007.

Júnior:
Campeonato Estadual: 1976, 1992, 1999, 2000 e 2007.
Troféu Brasil: 1999 (foto) e 2000.
Copa Sul-Sudeste: 2000.

Infanto-Juvenil:
Campeonato Estadual: 1992 e 1993.

Infantil:
Campeonato Estadual: 2007.

Aspirantes (extinta):
Campeonato Estadual de 1976.

Novíssimos (extinta):
Campeão Estadual: 1953.

Antônio Vaghi é Campeão Brasileiro de Tiro Prático (ISPC) pelo Fluminense FC

O atirador do Fluminense, Antonio Vaghi, é o novo campeão brasileiro. Ele conquistou o XXI Campeonato Brasileiro de IPSC, categoria super sênior. A equipe tricolor, capitaneada por Vaghi, está em Bali, Indonésia, disputando o XV World Shoot.

Fonte: site do Fluminense FC.

Sesi (SP) Campeão Brasileiro Juvenil Masculino de Polo Aquático de 2008

O Sesi já havia conquistado a Taça Brasil da categoria no primeiro semestre. Repetiu a dose no Brasileiro, derrotando o campeão do Rio de Janeiro na grande final.

A Campanha:
1a Fase:
23 - 03 Hebrica (SP)
10 - 03 Botafogo (RJ)
2a Fase:
09 - 07 Tijuca TC (RJ)
3a Fase:
09 - 00 Paulistano (SP)
Final:
10 - 07 Fluminense (RJ)

Classificação:
1) Sesi (SP)
2) Fluminense (RJ)
3) Pinheiros (SP)
4) Paulistano (SP)
5) Flamengo (RJ)
6) Tijuca TC (RJ)
7) Paineiras (SP)
8) Botafogo (RJ)
9) Jundiaiense (SP)
10) Guanabara (RJ)
11) Hebraica (SP)
12) Internacional de Regatas (SP)

Os Campeões:
1979 - Botafogo (RJ)
2007 - Flamengo (RJ)
2008 - Sesi (SP)

sábado, 25 de outubro de 2008

CR Vasco da Gama Bicampeão do Troféu Brasil de Remo de 2007/2008

O Vasco da Gama deu mais espetáculo hoje na Raia Olímpica da USP, em São Paulo, e conquistou o Troféu Brasil de Remo com sobras. O Botafogo terminou em sexto lugar.

O Vasco da Gama, que tem o Remo como um de seus esportes prioritários, ao lado do futebol e do atletismo, brilhou em 2008. Além do Troféu Brasil, o clube da colina conquistou o Estadual e enviou dois atletas para os Jogos Olímpicos. O Remo compensou as suas outras duas modalidades prioritárias.

Outros tradicionais clubes de futebol conquistaram medalhas como Vitória, Corinthians e Tuna Luso.

O clube de remo que fez o maior papelão foi o Flamengo (RJ), que alegou problemas financeiros para não competir. Ridículo.
A foto é de Marquinho, Tiago e Rodrigo, campeões pelo Vasco. A delegação vascaína deve retornar ao Rio de Janeiro neste domingo.

Resultados:
Double Skiff Masculino: Grêmio Náutico União (RS)
Dois Sem Masculino: Grêmio Náutico União (RS)
Skiff Peso Leve Feminino: Paulistano (SP)
4 Sem Sub-23 Masculino: Vasco da Gama (RJ)
Skiff Sub-23 Masculino: Tuna Luso (PA)
8 Com Masculino: Vasco da Gama (RJ)
Four Skiff Júnior Masculino: Vasco da Gama (RJ)
Skiff Canoe Masculino: Bandeirante (SP)

Classificação (Ouro, Prata e Bronze):
1) Vasco da Gama (RJ) - 9 - 6 - 4 - Bicampeão
2) Grêmio Náutico União (RS) - 5 - 1 - 1
3) Paulistano (SP) - 4 - 3 - 2
4) Pinheiros (SP) - 2 - 3 - 1
5) Guaíba (RS) - 1 - 2 - 3
6) Botafogo (RJ) - 1 - 1 - 1
6) Projeto Próximo Passo (SP) - 1 - 1 - 1
6) Bandeirante (SP) - 1 - 1 - 1
9) São Salvador (BA) - 1 - 1 - 0
9) Tuna Luso (PA) - 1 - 1 - 0
11) Álvares Cabral (ES) - 0 - 2 - 0
12) Vitória (BA) - 0 - 1 - 2
13) Manauara (AM) - 0 - 1 - 0
13) CESEUSP (SP) - 0 - 1 - 0
15) Brasil (SP) - 0 - 0 - 5
16) Martinelli (SC) - 0 - 0 - 1
16) Iate Clube (PB) - 0 - 0 - 1
16) Corinthians (SP) - 0 - 0 - 1

Os Campeões:
2006 - Grêmio Náutico União (RS)
2007 - Vasco da Gama (RJ)
2008 - Vasco da Gama (RJ)

Rio de Janeiro VC Pentacampeão Estadual de Voleibol Feminino de 2004/2005/2006/2007/2008

O Rio de Janeiro VC manteve o título ao conquistar o pentacampeonato estadual adulto feminino de vôlei de 2008.

O Botafogo jogou como nunca. Perdeu como sempre. O time alvinegro chegou até a vencer o primeiro set mas não resistiu ao melhor voleibol do adversário nos outros três sets jogados hoje. Em 1 hora e 53 minutos, o time patrocinado pelo Rexona fechou o jogo e o campeonato por 3 a 1.

Quem foi ao ginásio do Tijuca TC viu ao melhor jogo do campeonato. No início parecia que a zebra poderia pintar. Fabi, líbero do Rexona, contundiu a mão e saiu do jogo. Tudo estava do lado do Botafogo. Mas realmente, a diferença técnica entre os dois times era muito grande e a zebra não resistiu.

O Rexona foi campeão com Dani Lins, Joycinha, Carol Gattaz, Fê Isis, Érika e Regiane e a líbero Fabi. Entraram: Amanda, Monique e Michele. Técnico: Bernardinho. O Botafogo jogou com Ana Maria, Marcilene, Mayhara, Juliana, Mariana, Flávia e a líbero Thaissa. Entraram: Fé Soares e Carol. Técnico: Janison Moraes. Infelizmente, as jogadoras do Botafogo vão embora. O time representa o Mackenzie (MG) e disputa o Brasileiro pelos mineiros.

Diferente do que a grande imprensa e o Rexona dizem por aí, o Rio de Janeiro VC é Pentacampeão e não hexa. Em 2003, o time disputou o Estadual do Rio como convidado, pois o Rexona era de Curitiba. Venceu na quadra mas a Federação de Voleibol do Estado do Rio de Janeiro declarou o ACF Campos campeão, pois o Rexona não era um time do estado.

Os Participantes:
Botafogo (Rio de Janeiro)
Fluminense (Rio de Janeiro)
Rio de Janeiro VC
Tijuca TC (Rio de Janeiro)
Universo (Niterói)

1ª Fase:
1ª Rodada:
09/10/08
Tijuca TC 0-3 Rio de Janeiro VC (08/25, 16/25 e 16/25)
Universo 0-3 Botafogo (17/25, 18/25 e 11/25)

2ª Rodada:
11/10/08
Fluminense 0-3 Rio de Janeiro VC (19/25, 10/25 e 21/25)
17/10/08
Tijuca TC 3-2 Universo (19/25, 25/20, 30/28, 21/25 e 18/16)

3ª Rodada:
14/10/08
Rio de Janeiro VC 3-0 Universo (25/21, 25/13 e 25/07)
Botafogo 3-0 Fluminense (25/17, 25/18 e 25/10)

4ª Rodada:
16/10/08
Botafogo 3-0 Tijuca TC (25/15, 25/19 e 25/18)
Universo 0-3 Fluminense (25/15, 25/18 e 25/18)

5ª Rodada:
18/10/08
Botafogo 0-3 Rio de Janeiro VC (24/26, 23/25 e 18/25)
Tijuca TC 1-3 Fluminense (21/25, 25/17, 23/25 e 18/25)

Classificação:
1º Rio de Janeiro VC - 8 - 2ª Fase.
2º Botafogo - 7 - 2ª Fase.
3º Fluminense - 6 - 2ª Fase.
4º Tijuca TC - 5 - 2ª Fase.
5º Universo - 4

2ª Fase:
20/10/08
Rio de Janeiro VC * 3-0 Tijuca TC (25/10, 25/11 e 25/15)
Botafogo * 3-0 Fluminense (25/18, 25/21 e 25/14)

Final 3º e 4º:
23/10/08
Fluminense * 3-0 Tijuca TC (25/16, 25/18 e 25/14)

Final:
Jogo 1:
23/10/08
Botafogo 0-3 Rio de Janeiro VC (15/25, 17/25 e 21/25)

Jogo 2:
25/10/08
Rio de Janeiro VC 3-1 Botafogo (21/25, 25/21, 25/16 e 25/19)

Classificação Final:
1º Rio de Janeiro VC - Campeão.
2º Botafogo
3º Fluminense
4º Tijuca TC
5º Universo

Fluminense FC Tricampeão Estadual Mirim Feminino de Voleibol de 2006/2007/2008

O Fluminense derrotou o Tijuca TC na noite de quinta-feira nas Laranjeiras e conquistou o tricampeonato estadual feminino. As parciais foram de (24/26, 25/14, 25/20 e 25/17). O resultado deu ao Fluminense a vitória no segundo turno e como já havia conquistado também o primeiro, foi campeão sem precisar disputar uma finalíssima.

As atletas campeães: Drussyla, Mariana, Suzanny, Rafaela, Mariana Arruda e Gabriela Santos. Entraram: Bruna, Lara, Gabriela Ferreira, Raphaella, Fernanda e Isabela.

A Campanha:
Temporada Regular:
1o Turno:
1a Fase:
3-0 ACM - c
3-0 AABB Tijuca - f
2-3 Tijuca TC - f
3-0 Botafogo - c
3-0 Niterói VC - f
3-0 Grajaú CC - c
3-0 Flamengo - c
2a Fase:
3-0 Niterói VC - f
3-0 Niterói VC - c
Final:
3-0 Tijuca TC - f
3-0 Tijuca TC - c
2o Turno:
1a Fase:
3-0 IBBN - c
3-0 ACM - f
3-0 Flamengo - f
3-1 Niterói VC - c
3-0 Botafogo - f
3-0 Grajaú CC - f
3-1 Tijuca TC - c
2a Fase:
3-0 Grajaú CC - f
3-0 Grajaú CC - c
Final:
3-0 Tijuca TC - f
3-1 Tijuca TC - c

Os Campeões:
1969 - Tijuca TC
1970 - ----
1971 - Botafogo
1972 - ----
1973 - Hebrica
1974 - Flamengo
1975 - Flamengo
1976 - AABB
1977 - Flamengo
1978 - Botafogo
1979 - ----
1980 - ----
1981 - Flamengo
1982 - Grajaú TC
1983 - Fluminense
1984 - Flamengo
1985 - Bradesco
1986 - Bradesco
1987 - Botafogo
1988 - ----
1989 - ----
1990 - ----
1991 - ----
1992 - CIB
1993 - Botafogo
1994 - Botafogo
1995 - Tijuca TC
1996 - Tijuca TC
1997 - Botafogo
1998 - Flamengo
1999 - Tijuca TC
2000 - Miraflores
2001 - Botafogo
2002 - Flamengo
2003 - ?
2004 - ?
2005 - ?
2006 - Fluminense
2007 - Fluminense
2008 - Fluminense

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Macaé Tenta Preparar Estádio a Tempo

O Macaé Esporte Clube corre contra o tempo para poder jogar em casa no Campeonato Estadual da 1a Divisão de 2009. Os dirigentes do clube não sabem se as reformas do Estádio cláudio Moacyr ficarão prontas a tempo.

Até o final da 1a Divisão de 2008, o presidente da FERJ, Rubens Lopes, disse que até aquele momento apenas os estádios do Maracanã (Flamengo e Fluminense), São Januário (Vasco da Gama), Engenhão (Botafogo) e Raulino de Oliveira (Volta Redonda) teriam condições de receber jogos da 1a Divisão. O estádio do América também tem, mas o clube acabou rebaixado.

O Macaé está tomando providencias (foto) mas não sabemos se o estádio poderá receber os jogos de 2009. Talvez só em 2010.

CR Flamengo Campeão Estadual de 1963

O título de 1963 não é muito lembrado pela torcida e dirigentes rubro-negros. O elenco só tinha Dida de grande craque.

Porém, no dia 15 de dezembro, Flamengo e Fluminense duelaram pela última rodada da competição no Maracanã. A partida terminou 0 a 0. O fato marcante foi a presença de público: 194.603 pessoas presenciaram a partida. Destes, 177.020 pagaram ingresso.

Na foto estão em pé: Nilton, Marcial, Bolero, Ananias, Nelson e Silas. Agachados: Juarez, Carlos Alberto, Foguete, Dida e Alfredinho.

O artilheiro foi Bianchini (Bangu) com 18 gols.

A Campanha:
2-0 Canto do Rio - f
2-1 Portuguesa - c
3-1 Botafogo - c
5-0 Campo Grande - c
5-0 Madureira - f
1-0 Bonsucesso - c
1-3 América - c
0-0 Vasco da Gama - c
1-2 Bangu - f
2-1 São Cristóvão - c
2-0 Olaria - c
0-0 Fluminense - c
3-2 Canto do Rio - c
1-0 Portuguesa - c
0-0 Botafogo - f
4-1 Campo Grande - f
0-0 Madureira - c
1-0 Bonsucesso - f
2-0 América - f
4-3 Vasco da Gama - f
3-1 Bangu - c
2-1 São Cristóvão - f
2-1 Olaria - f
0-0 Fluminense - f

Classificação:
1) Flamengo
2) Fluminense
3) Bangu
4) Botafogo
5) América
6) Vasco da Gama
7) São Cristóvão
7) Campo Grande
9) Olaria
10) Portuguesa
11) Bonsucesso
12) Canto do Rio
13) Madureira

Voleibol Masculino: 11a e 12a Rodadas

O Flamengo virou freguês no Voleibol Masculino. Esta semana a equipe rubro-negra perdeu duas vezes, para Tijuca TC e Botafogo e encerra sua participação no Estadual contra o Metrô Rio. O Flamengo não tem mais chances de se classificar.

1a Fase:
11a Rodada:

21/10/08
Tijuca TC 3-2 Flamengo (25/20, 20/25, 14/25, 28/26 e 15/04)

12a Rodada:
23/10/08
Botafogo 3-1 Flamengo (25/22, 15/25, 25/22 e 25x19)

Classificação:
1) Tijuca TC - 10
2) Vidacor Seguros - 9
2) UNIPLI - 9
2) Botafogo - 9
5) Vasco da Gama - 6
5) Flamengo - 6
7) Metrô Rio - 4

quinta-feira, 23 de outubro de 2008

S Germânia Campeã Estadual Mirim Feminino de Basquetebol de 2008

O time da Germânia fez 10 jogos na 1a Fase. Venceu 8 e perdeu 2 (para Botafogo e Mangueira). Apesar de empatar com Botafogo e Mangueira em pontos, ficou em terceiro no saldo de cestas.

Na 2a Fase, eliminou o Jequiá.

Na 3a Fase, passou pelo time da Mangueira.

Na decisão, encarou o tradicional Botafogo, não tremeu, venceu e conquistou o título.

As campeães: Analice Mendes, Beatriz Couto, Bianca Couto, Bruna Guimarães, Camila Costa, Daniela Santos, Elizandra Nascimento, Hellen Amorim, Ingrid Silva, Isadora Santos e Maria Helena Lobo. Técnico: Raphael Zaremba.

Classificação:
1) Germânia
2) Botafogo
3) Mangueira
4) Tijuca TC
5) Iguaçu BC
6) Jequiá

JCI Reação Bicampeão Estadual de Judô de 2007/2008

No Ginásio de Caio Martins, em Niterói, nos dias 18 e 19 de Outubro, o Instituto Reação conquistou o Bicampeonato Estadual. A equipe do Reação conseguiu 21 ouros 18 pratas e 14 bronzes.

Em Segundo Lugar ficou o Flamengo com 20 ouros 17 pratas e 6 bronzes e na terceira posição ficou a Universidade Gama Filho, com 19 ouros, 9 pratas e 11 bronzes.

Em quarto lugar ficou o Projeto Solução de Nova Friburgo, com 6 ouros, 8 pratas e 7 bronzes, conquistando assim, o título de Campeão do Interior. Na Quinta Colocação ficou o Jequiá com 6 ouros, 5 pratas e 10 bronzes.

A disputa foi muito acirrada, entre Reação, Flamengo e Gama Filho. Dois ouros separaram o primeiro do terceiro colocados.

Classificação (Ouro, Prata e Bronze):
1) Reação - 21 - 18 - 14 - Bicampeão.
2) Flamengo - 20 - 17 - 06
3) Gama Filho - 19 - 09 - 11
4) Projeto Solução - 06 - 08 - 07
5) Jequiá - 06 - 05 - 10

Os Campeões:
2007 - Reação
2008 - Reação

Vasco Próximo do Bicampeonato Brasileiro de Remo

Após quatro dias de disputas em São Paulo, dificilmente o título do Troféu Brasil vai escapar das embarcações vascaínas. Na manhã de hoje, na Raia Olímpica da USP, o Vasco venceu mais quatro provas e abriu boa vantagem para o segundo colocado.

O Botafogo caiu para a 6a posição na classificação.

O Troféu Brasil termina no sábado. Nesta 6a teremos as eliminatórias para as finais de sábado.

Resultados:
Sfiff Júnior Masculino:
Vasco da Gama (RJ)
Dois Sem Sub-23 Masculino: Paulistano (SP)
4 Sem Júnior Masculino: Vasco da Gama (RJ)
Skiff Feminino: Vasco da Gama (RJ)
Double Skiff Feminino Peso Leve: Paulistano (SP)
Skiff Masculino: Grêmio Náutico União (RS)
Double Skiff Júnior Masculino: Guaíba (RS)
4 Sem Homem: Pinheiros (SP)
Double Skiff Masculino Peso Leve: Vasco da Gama (RJ)
Canoe Skiff Feminino: Projeto Próximo Passo (SP)

Classificação (Ouro, Prata e Bronze):
1) Vasco da Gama (RJ) - 6 - 4 - 4
2) Grêmio Náutico União (RS) - 3 - 1 - 1
2) Paulistano (SP) - 3 - 1 - 1
4) Pinheiros (SP) - 2 - 2 - 0
5) Guaíba (RS) - 1 - 1 - 1
6) Botafogo (RJ) - 1 - 1 - 0
6) São Salvador (BA) - 1 - 1 - 0
8) Projeto Próximo Passo (SP) - 1 - 0 - 0
9) Vitória (BA) - 0 - 1 - 2
10) Bandeirante (SP) - 0 - 1 - 1
11) Álvares Cabral (ES) - 0 - 1 - 0
11) Manauara (AM) - 0 - 1 - 0
11) Tuna Luso (PA) - 0 - 1 - 0
11) CESEUSP (SP) - 0 - 1 - 0
15) Brasil (SP) - 0 - 0 - 4
16) Martinelli (SC) - 0 - 0 - 1
16) Iate Clube (PB) - 0 - 0 - 1

José Pereira da Silva Filho (o Pereira)

Pereira foi um dos melhores atiradores da história do Flamengo e ajudou o clube a levantar inúmeras taças. Nasceu em João Pessoa (PB) e começou a atirar aos doze anos de idade. Em 1970, chegou ao Flamengo mas só se federou no início dos anos 80.

Atleta com índice olímpico, foram inúmeros os diplomas concedidos pelo clube e pela Federação de Tiro do Estado do Rio de Janeiro. Suas provas prediletas foram a Carabina de Ar Comprimido, Carabina de Ar Comprimido com Silhueta Metálica, Silhueta Metálica com Calibre 22, Tiro Mexicano, Carabina de Ar Comprimido deitado, Carabina deitado com alvo UIT, Carabina 3x20, Tiro Mexicano Calibre 22, Carabina com Mira Aberta de Ar Comprimido e Carabina com Mira Aberta 3x20.

Em várias das provas acima Pereira foi recordista estadual e co-recordista estadual por equipes.

quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Vasco da Gama Lidera Troféu Brasil de Remo

Após três dias de disputas, o Vasco da Gama rema forte em busca do bicampeonato do Troféu Brasil. Com duas medalhas de ouro, três de prata e duas de bronze, o clube carioca lidera o quadro de medalhas. Quem também está fazendo bonito é o Botafogo, que está em terceiro lugar.

Resultados:
Dois Sem Júnior Masculino: Paulistano (SP)
Skiff Peso Leve Masculino: Grêmio Náutico União (RS)
Skiff Júnior Feminino: Pinheiros (SP)
Dois Sem Júnior Masculino: Vasco da Gama (RJ)
Four Skiff Masculino: Grêmio Náutico União (RS)
Skiff Júnior Masculino: São Salvador (BA)
Dois Sem Peso Leve Masculino: Botafogo (RJ)
Double Skiff Sub-23 Masculino: Vasco da Gama (RJ)

Classificação (Ouro, Prata e Bronze):
1) Vasco da Gama (RJ) - 2 - 3 - 2
2) Grêmio Náutico União (RS) - 2 - 0 - 0
3) Pinheiros (SP) - 1 - 1 - 0
3) Botafogo (RJ) - 1 - 1 - 0
5) Paulistano (SP) - 1 - 0 - 0
5) São Salvador (BA) - 1 - 0 - 0
7) Guaíba (RS) - 0 - 1 - 1
8) Álvares Cabral (ES) - 0 - 1 - 0
9) Brasil (SP) - 0 - 0 - 2
10) Martinelli (SC) - 0 - 0 - 1
10) Vitória (BA) - 0 - 0 - 1

Liga Nacional de Polo Aquático Masculino: 3a Rodada

Ontem começou a fase paulista da Liga Nacional. O Pinheiros venceu o Paulistano na piscina adversária por 6 a 5.

1a Fase:
3a Rodada:

21/10/08
Paulistano 5-6 Pinheiros

Classificação:
1) Fluminense - 4
2) Flamengo - 3
3) Pinheiros - 2
4) Tijuca TC - 1
5) Guanabara - 0
5) Botafogo - 0
5) Paulistano - 0
5) Paineiras - 0

terça-feira, 21 de outubro de 2008

Minas TC (MG) e Colégio Militar (RJ) Campeões Brasileiros Elite e Júnior de Trampolim Acrobático de 2008

A Confederação Brasileira de Ginástica organizou o Campeonato Brasileiro da modalidade em Ouro Preto (MG). O Minas TC, campeão brasileiro adulto feminino, conquistou o título da categoria elite. Já o Colégio Militar, campeão brasileiro adulto masculino, conquistou o título da categoria júnior.

Classificação:
Elite:
1) Minas TC (MG) - 4 - 3 - 2
2) Colégio Alfa Cem (RJ) - 1 - 0 - 0
3) Academia do Comércio (MG) - 0 - 0 - 1

Júnior:
1) Colégio Militar (RJ) - 3 - 0 - 0
2) Bolsa Esporte (MG) - 2 - 0 - 0
3) Minas TC (MG) - 1 - 2 - 1
4) Colégio Alfa Cem (RJ) - 0 - 2 - 2
5) Paulistano (SP) - 0 - 1 - 0
6) NGO Tatiana Figueiredo (RJ) - 0 - 0 - 1

Os Campeões:
Elite:
2008 - Minas TC (MG)

Júnior:
2008 - Colégio Militar (RJ)

Sadia (PR) Campeão Brasileira de Ginástica Rítmica Infanto-Juvenil de 2008

Treze clubes disputaram o Campeonato Brasileiro de Ginástica Rítmica Infanto-Juvenil. Jogando em casa, os paraenses conqusitaram o título e o vice. O Rio não foi representado.

Classificação:
1) Sadia (PR) - 142,125
2) UNOPAR (PR) - 132,500
3) Clube dos Oficiais (ES) - 115,925

Os Campeões:
2008 - Sadia (PR)

História do Campeonato Estadual Infanto-Juvenil de Voleibol

A primeira edição da competição foi em 1972. Não temos os campeões de 2004, 2005 e 2006.

Os Campeões Feminino:
1972 - Botafogo
1973 - Botafogo
1974 - Flamengo
1975 - Flamengo
1976 - Flamengo
1977 - Tijuca TC
1978 - Flamengo
1979 - Flamengo
1980 - Fluminense
1981 - Monte Sinai
1982 - Botafogo
1983 - Botafogo
1984 - Atlântica
1985 - Bradesco
1986 - Supergasbrás
1987 - Lufkin
1988 - Botafogo
1989 - Botafogo
1990 - Lufkin
1991 - CIB
1992 - Fluminense
1993 - Hebraica
1994 - Botafogo
1995 - Fluminense
1996 - Fluminense
1997 - Flamengo
1998 - Flamengo
1999 - Flamengo
2000 - Flamengo
2001 - Fluminense
2002 - Flamengo
2003 - Fluminense
2004 - ?
2005 - ?
2006 - ?
2007 - Fluminense

Os Campeões Masculinos:
1972 - Fluminense
1973 - Fluminense
1974 - CIB
1975 - CIB
1976 - Fluminense
1977 - Botafogo
1978 - AABB
1979 - Botafogo
1980 - AABB
1981 - Botafogo
1982 - Fluminense
1983 - América
1984 - Atlântica
1985 - Bradesco
1986 - Bradesco
1987 - Flamengo
1988 - Flamengo
1989 - Flamengo
1990 - CIB
1991 - Botafogo
1992 - Vasco da Gama
1993 - Fluminense
1994 - Flamengo
1995 - Flamengo
1996 - Flamengo
1997 - Tijuca TC
1998 - Flamengo
1999 - Olympikus
2000 - Flamengo
2001 - Fluminense
2002 - Fluminense
2003 - Flamengo
2004 - ?
2005 - ?
2006 - ?
2007 - Flamengo

Olaria AC Campeão dos Jogos da Primavera de 1958 no Basquetebol Feminino Estreante

O forte time do Olaria derrotou o Flamengo na grande decisão dos Jogos da Primavera de Basquetebol Feminino da categoria estreante.

Ao lado, duas fotos da partida publicadas no Jornal dos Sports de 21 de Outubro de 1958.

Futebol de Praia: Copaleme Tem a Melhor Campanha

O Campeonato Estadual do verdadeiro futebol de praia encerrou sua 1a Fase neste fim de semana. Os times se enfrentaram em turno único dentro dos grupos e os quatro melhores de cada disputam a partir do próximo fim de semana o mata-mata que vai determinar o campeão de 2008.

O Futebol de Praia, tradicional do Rio de Janeiro, não tem nada a ver com o Beach Soccer, inventado pela Rede Globo e homologado pela FIFA. Neste esporte, temos onze contra onze e as regras são parecidas com as de futebol de campo.
A foto é de Júnior, do eliminado Juventus.
Fonte da foto: Jornal dos Sports.

Classificação:
Grupo 1:
1) Copaleme - 19 - 2a Fase.
2) Colorado - 13 - 2a Fase.
3) Copacabana - 13 - 2a Fase.
4) São Clemente - 11 - 2a Fase.

5) Guaíba - 8
6) Força e Saúde - 7
7) Balança - 3
8) Liverpool - 3

Grupo 2:
1) Racing - 17 - 2a Fase.
2) América do Lido - 13 - 2a Fase.
3) Areia - 11 - 2a Fase.
4) Paula Freitas - 11 - 2a Fase.

5) Embalo - 8
6) Juventus - 7
7) Bairro Peixoto - 6
8) Dínamo - 3

CR Vasco da Gama Campeão Brasileiro de Tae kwon Do de 2008

O Vasco participou, nos dias 11 e 12 de Outubro de 2008 do 13º Brasil Open e 8º Campeonato Brasileiro Interclubes de Taekwondo que foi realizado no ginásio de esportes Moringão em Londrina (PR).

A competição teve participação de vários clubes como: Santos Futebol Clube, São Caetano, XV De Piracicaba, São José Esporte Clube, Paraná Esporte Clube, São Bernardo , Palmeiras e C.R. Vasco da Gama e mais de mil atletas, inclusive de países como Inglaterra, Argentina, Colômbia e Uruguai.

O Vasco sagrou-se campeão brasileira de taekwondo com a presença de atletas das categorias infantil, juvenil, adulto e master, no masculino e no feminino.

Os Medalhistas de Ouro Vascaínos:
Leandro Rodrigues- Medalha de ouro (categoria master) e ouro (Poomse -Forma)
Alexandre Américo- Medalha de ouro (categoria master)
Fábio Magalhães- Medalha de ouro (categoria juvenil)
Gabriel Tappler- Medalha de ouro (categoria juvenil)
Natália Machado - Medalha de ouro (categoria juvenil)

Higor Santana Lessa- Medalha de ouro (categoria infantil)
Coordenador Técnico: Ms. Rodney de Souza
Técnico: Alexandre Américo

O Vasco da Gama somou ao todo 7 medalhas de ouro, 6 de prata e 6 de bronze.
Fonte: Site Oficial do CR Vasco da Gama.

Os Campeões:
2008 - Vasco da Gama (RJ)