sábado, 29 de junho de 2013

Fluminense FC Campeão Estadual Juvenil de Inverno de Natação de 2013.1

O Fluminense se sagrou campeão estadual juvenil de inverno de natação de 2013 ao ganhar do Flamengo por cerca de 400 pontos.

Classificação: 
1º Fluminense - 3.277 - Campeão.
2º Flamengo - 2.882
3º Botafogo - 2.047
4º Tijuca TC - 821
5º Marina BC - 450

sexta-feira, 28 de junho de 2013

Fluminense FC Heptacampeão Estadual Infantil de Inverno de Natação de 2013.1

O Fluminense se sagrou campeão estadual infantil de inverno de natação superando O Flamengo por quase dois mil pontos.

Classificação:
1º Fluminense - 4.757 - Campeão.
2º Flamengo - 2.771
3º Tijuca TC - 1.999
4º Botafogo - 1.604
5º Marina BC - 385

EC Pinheiros (SP) Campeão Brasileiro Cadete Feminino de Handebol de 2013

Depois de conquistar o Brasileiro Cadete Masculino, clube paulista conquista também o Cadete Feminino.

A Campanha:
1a Fase:
30-15 BGH (MA)
20-25 APCEF (PB)
28-17 ASHb (MT)
2a Fase:
?-? Clube Português Recife (PE)
Final:
23-20 APCEF (PB)

Os Campeões:
2008 - Cianorte (PR)
2009 - APCEF Motiva (PB)
2010 - EC Pinheiros (SP)
2011 - ACES (ES)
2012 - ACES (ES)
2013 - EC Pinheiros (SP)

Clube Guaicurus (MS) Campeão da Taça Brasil de Boliche de 2013

Competição é equivalente à 3a Divisão.

Classificação:
1) Clube Guaicurus (MS) - 804 - Campeão.

2) EC Bahia (BA) - 594
3) Clube Asses (DF) - 552

Os Campeões:
2007 - Nikkei Bowling Team (SP)
2008 - ABC Boliche (SP)
2009 - ?
2010 - Bahia (BA)
2011 - BH Boliche (MG)
2012 - Associação Paraense (PA)
2013 - Clube Guaicurus (MS) 

quinta-feira, 27 de junho de 2013

CR Flamengo Bicampeão da Taça Brasil Infanto-Juvenil Masculina de Pólo Aquático de 2012/2013

Na decisão, o Flamengo passou pelo SESI (SP) por 13 a 3.

ABDA (SP), Bauru (SP), Botafogo, Fluminense, Pinheiros (SP) e Tijuca TC.
 
Os Campeões:
Campeonato Brasileiro:
2008 - Fluminense FC (RJ)
2009 - C Paineiras M (SP)
2010 - CR Flamengo (RJ)
Copa Brasil:
2011 - C Paineiras M (SP)
2012 - CR Flamengo (RJ)
Taça Brasil:
2013 -  CR Flamengo (RJ)

Ribeirão Bowling (SP) Campeão Brasileiro da 2a Divisão de Boliche de 2013

Parabéns à equipe paulista.

Classificação:
1) Ribeirão Bowling (SP) - 2.141 - Campeão.

2) Dourados (MS) - 1.546
3) Friends (SP) - 1.421
4) Marapendi (RJ) - 878
5) União Central (RJ) - 797
6) Botafogo (RJ) - 472

Os Campeões:
2011 - Barra Bowling (RJ)
2012 - Dourados (MS)
2013 - Ribeirão Bowling (SP)

quarta-feira, 26 de junho de 2013

Copa dos Campeões da CONCACAF de 2013/14

Vinte e quatro times de onze países vão disputar a Copa dos Campeões da CONCACAF de 2013/14 que vai valer ao campeão uma vaga no Mundial Interclubes de 2014.

Após turno e returno dentro dos grupos, o vencedor de cada chave disputará as 4as de Final.

Os Participantes: 
Canadá: Montreal Impact.
Costa Rica:
Alajuelense, Cartaginés e Herediano.
El Salvador:
Isidro Metapán e Luis Ángel Firpo.
Estados Unidos:
Houston Dynamo, Los Angeles Galaxy, San José Earthquakes e Sporting Kansas City.
Guatemala:
Comunicaciones e Heredia.
Haiti: Valencia.
Honduras:
Olimpia e Victoria.
México:
América, Cruz Azul, Tijuana e Toluca.
Nicarágua:
Real Estelí.
Panamá:
Árabe Unido e Sporting San Miguelito.
Trinidad & Tobago:
Caledonia e West Connection.

Os Grupos da 1a Fase: 

Grupo 1: Árabe Unido, Houston Dynamo e West Connection.
Grupo 2:
Olimpia, Sporting Kansas City e Real Estelí.
Grupo 3:
Cruz Azul, Herediano e Valencia.
Grupo 4:
Alajuelense, América e Sporting San Miguelito.
Grupo 5:
Heredia, Montreal Impact e San José Earthquakes.
Grupo 6:
Caledonia, Comunicaciones e Toluca.
Grupo 7:
Luis Ángel Firpo, Tijuana e Victoria.
Grupo 8:
Cartaginés, Isidro Metapán e Los Angeles Galaxy.

Os Campeões:
1962 - CD Guadalajara (México)
1963 - Racing Club Haïtien (Haiti)
1967 - Alianza FC (El Salvador)
1968 - D Toluca FC (México)
1969 - CDSC Cruz Azul (México)
1970 - CDSC Cruz Azul (México)
1971 - CDSC Cruz Azul (México)
1972 - CD Olimpia (Honduras)
1973 - SV Transvaal (Suriname)
1974 - CSD Municipal (Guatemala)
1975 - Atlético Español FC (México)
1976 - CD Águila (El Salvador)
1977 - C América (México)
1978 - C Universidad Guadalajara (México) / CSD Comunicaciones (Guatemala) / Defence Force FC (Trinidad & Tobago)
1979 - CD FAS (El Salvador)
1980 - C UNAM (México)
1981 - SV Transvaal (Suriname)
1982 - C UNAM (México)
1983 - Atlante FC (México)
1984 - Violette AC (Haiti)
1985 - Defence Force FC (Trinidad & Tobago)
1986 - LD Alajuelense (Costa Rica)
1987 - C América (México)
1988 - CD Olimpia (Honduras)
1989 - C UNAM (México)
1990 - C América (México)
1991 - Puebla FC (México)
1992 - C América (México)
1993 - CD Saprissa (Costa Rica)
1994 - CS Cartaginés (Costa Rica)
1995 - CD Saprissa (Costa Rica)
1996 - CDSC Cruz Azul (México)
1997 - CDSC Cruz Azul (México)
1998 - Washington DC United (Estados Unidos)
1999 - C Necaxa (México)
2000 - Los Angeles Galaxy (Estados Unidos)
2002 - CF Pachuca (México)
2002/03 - D Toluca FC (México)
2003/04 - LD Alajuelense (Costa Rica)
2004/05 - CD Saprissa (Costa Rica)
2005/06 - C América (México)
2006/07 - CF Pachuca (México)
2007/08 - CF Pachuca (México)
2008/09 - Atlante FC (México)
2009/10 - CF Pachuca (México)
2010/11 - CF Monterrey (México)
2011/12 - CF Monterrey (México)
2012/13 - CF Monterrey (México)

Ranking:
1) C América - 5
1) CDSC Cruz Azul - 5
3) CF Pachuca - 4
4) CF Monterrey - 3
4) CD Saprissa - 3
4) C UNAM - 3
7) Atlante FC - 2
7) LD Alajuelense - 2
7) Defence Force FC - 2
7) CD Olimpia - 2
7) D Toluca FC - 2
7) SV Transvaal - 2
13) CD Águila - 1
13) Alianza FC - 1
13) Atlético Español FC - 1
13) CS Cartaginés - 1
13) CSD Comunicaciones - 1
13) CD FAS - 1
13) CD Guadalajara - 1
13) Los Angeles Galaxy - 1
13) CSD Municipal - 1
13) C Necaxa - 1
13) Puebla FC - 1
13) Racing Club Haïtien - 1
13) C Universidad Guadalajara - 1
13) Violette AC - 1
13) Washington DC United - 1

Ranking por País:
1) México - 28
2) Costa Rica - 6
3) El Salvador - 3
4) Estados Unidos - 2
4) Guatemala - 2
4) Haiti - 2
4) Honduras - 2
4) Suriname - 2
4) Trinidad & Tobago - 2

EC Tigres B Campeão da Taça Corcovado de Juniores de 2013

O Tigres empatou com a Portuguesa, conquistou a Taça Corcovado e se classificou para o triangular final que terá também Serra Macaense e CA Barra da Tijuca.

A foto é de Paulo Roberto Rodrigues, do Papo Esportivo.

1a Fase:               
2o Turno:
Final:
22/06/13
Tigres ** 0-0 Portuguesa

A Campanha:
1a Fase:

2-1 Barra Mansa - c
2-0 América-TR - f
1-0 CA Barra da Tijuca - c
1-0 Mesquita - f
0-0 Serra Macaense - c
1-4 Cabofriense - c
1-0 Ceres - f
2-1 Americano - c
0-0 Bonsucesso - f
2a Fase:
2-0 Angra dos Reis - f
Final:
0-0 Portuguesa - c

Os Campeões:
2013 - EC Tigres B 

Começou o Circuito de Katas de Judô

Flamengo lidera a competição.

Classificação:
1) Flamengo - 4 - 2 - 2
2) Reação - 4 - 1 - 1
3) Fluminense - 2 - 1 - 1
4) JC Ren-Sei-Kan - 1 - 1 - 2
5) A Matsuda J - 1 - 0 - 1

CM Aymoré (MG) Campeão da Taça Brasil de Malha de 2013

Parabéns aos mineiros que igualaram o Rio de Janeiro no total de títulos conquistados. A edição 2013 foi disputada em Campo Grande (MS).

Os Participantes:
MG: CM Aymoré e CM Comercial.
MS: Campo Grande MC.
PR: CM Nova Esperança.
RJ: Retiro MC.
SP: CM ASSEM.

Os Campeões:
Troféu Brasil:
1969 - Leopoldina (MG)
1970 - GRU Piquerí (SP)
1971 - GRU Piquerí (SP)
1972 - GRU Piquerí (SP)
1973 - Leopoldina (MG)
1974 - Bom Pastor (SP)
1975 - GR Ramos (RJ)
1976 - Moema (SP)
1977 - CM Comercial (MG)
1978 - CE Mauá (RJ)
1979 - Amizade (SP)
1980 - Unidos da Moóca (SP)
1981 - Jacarepaguá TC (RJ)
1982 - Polícia Militar (SP)
1983 - Polícia Militar (SP)
1984 - CE Mauá (RJ)
1985 - Polícia Militar (SP)
1986 - CM Comercial (MG)
1987 - Progresso Paulista (SP)
1988 - Progresso Paulista (SP)
1989 - ----
1990 - CE Mauá (RJ)
1991 - Progresso Paulista (SP)
1992 - Progresso Paulista (SP)
1993 - Jacarepaguá TC (RJ)
1994 - Progresso Paulista (SP)
1995 - Progresso Paulista (SP)
1996 - Portuguesa (SP)
1997 - Jacarepaguá TC (RJ)
1998 - São Caetano (SP)
1999 - AER Usipa (MG)
2000 - ASSEM (SP)
2001 - ASSEM (SP)
2002 - ADC Embraer (SP)
2003 - AER Usipa (MG)
Taça Brasil de Clubes Campeões:
2004 - Vila Baeta Neves (SP)
2005 - Vila Baeta Neves (SP)
2006 - Vila Baeta Neves (SP)
2007 - Vila Baeta Neves (SP)
2008 - ASSEM (SP)
2009 - ASSEM (SP)
2010 - ASSEM (SP)
2011 - CM Suzano (SP)
2012 - São Sebastião (SP)
2013 - CM Aymoré (MG)

Ranking:
1) Progresso Paulista - 5
2) ASSEM - 4
2) Vila Baeta Neves - 4
4) Jacarepaguá TC - 3
4) CE Mauá - 3
4) Piquerí - 3
4) Polícia Militar - 3
8) CM Comercial - 2
8) Leopoldina - 2
8) USIPA - 2
11) Amizade - 1
11) CM Aymoré - 1
11) Bom Pastor - 1
11) Embraer - 1
11) Moema - 1
11) Portuguesa - 1
11) Ramos - 1
11) São Caetano - 1
11) São Sebastião - 1
11) CM Suzano - 1
11) Unidos da Móoca - 1

Ranking por Estado:
1) SP - 29
2) MG - 7
2) RJ - 7

Monte Cristo (GO) Campeão da Supercopa Masculina de Voleibol de 2013

O Monte Cristo (GO) conquistou a Supercopa Masculina, uma espécie de "Copa do Brasil" do futebol, que não contou com as principais forças do país (foto CBV).

O time goiano vem de uma seqüência de conquistas importantes que contou com o Campeonato Brasileiro da 2ª Divisão de 2012/13

O representante do Rio foi o Botafogo, que terminou com a medalha de bronze derrotando o Vitória (BA).

Agora os clubes aguardam a Confederação Brasileira de Voleibol divulgar a tabela da 3ª Divisão do Campeonato Brasileiro, chamada de "Liga Nacional".

1ª Fase:
24/05/13
Botafogo 3-0 Rio Branco (SP)
26/05/13
(MG) Uberlândia TC 1-3 Botafogo

Fase Final:
1ª Rodada:
19/06/13
(CE) UNIFOR 3-2 ESMAC (PA)
(BA) Vitória 1-3 Chapecó (SC)

2ª Rodada:
20/06/13
Botafogo 3-0 ESMAC (PA)
(GO) Monte Cristo 1-3 Vitória (BA)

3ª Rodada:
21/06/13
(CE) UNIFOR 3-1 Botafogo
(GO) Monte Cristo 3-1 Chapecó (SC)

Classificação:
Grupo A:
1º UNIFOR - 5 - Semifinal.
2º Botafogo - 3 - Semifinal.
3º ESMAC - 1

Grupo B:
1º Monte Cristo - 3 - Semifinal.
2º Vitória - 3 - Semifinal.
3º Chapecó - 3 (0,994)

2ª Fase:
22/06/13
(CE) UNIFOR * 3-1 Vitória (BA)
(GO) Monte Cristo * 3-0 Botafogo

Final 3º e 4º:
23/06/13
(BA) Vitória 1-3 * Botafogo 

Final:
23/06/13
(CE) UNIFOR 0-3 ** Monte Cristo (GO) 

A Campanha:
1ª Fase: 
3-0 Lucas do Rio Verde (MT)
3-0 Palmas EC (TO)
3-0 Dom Bosco (MS)
3-0 UPIS (DF)
Fase Final:
1-3 Vitória (BA)
3-1 Chapecó (SC)
Semifinal:
3-0 Botafogo (RJ)
Final:
3-0 UNIFOR (CE)

Os Campeões:
2013 - Monte Cristo (GO)

EC Pinheiros (SP) Bicampeão Brasileiro de Boliche de 2012/2013

Competição foi realizada no Norte Bowling, no Rio de Janeiro.

Classificação:
1) Pinheiros (SP) - 2.172 - Bicampeão.

2) Vasco da Gama (RJ) - 1.226
3) Ribeirão Bowling (SP) - 1.141
4) UAI Bowling Team (MG) - 1.042
5) BH Bowling (MG) - 920
6) Portuguesa (RJ) - 436
7) Vitória (BA) - 359
8) América (RJ) - 232
9) Del Rey (MG) - 149
10) Clube Coat (DF) - 132
11) AABB Cuiabá (MT) - 102

Os Campeões:
1986 - Soreal (SP)
1987 - Barra Bowling (RJ)
1988 - Barra Bowling (RJ)
1989 - Morumbi (SP)
1990 - Barra Bowling (RJ)
1991 - Barra Bowling (RJ)
1992 - Morumbi (SP)
1993 - Cruzeiro EC (MG)
1994 - Barra Bowling (RJ)
1995 - Morumbi (SP)
1996 - Morumbi (SP)
1997 - Rio de Janeiro (RJ)
1998 - Morumbi (SP)
1999 - Barra Bowling (RJ)
2000 - CR Vasco da Gama (RJ)
2001 - CR Vasco da Gama (RJ)
2002 - Cruzeiro EC (MG)
2003 - Cruzeiro EC (MG)
2004 - CR Vasco da Gama (RJ)
2005 - ALCICLA (MG)
2006 - BH Boliche (MG)
2007 - BH Boliche (MG)
2008 - CR Vasco da Gama (RJ)
2009 - Norte Bowling (RJ)
2010 - EC Pinheiros (SP)
2011 - BH Boliche (MG)
2012 - EC Pinheiros (SP)
2013 - EC Pinheiros (SP)

Ranking:
1) Barra Bowling - 6
2) Morumbi - 5
3) CR Vasco da Gama - 4
4) Cruzeiro EC - 3
4) BH Boliche - 3
6) EC Pinheiros - 3
7) Soreal - 1
7) Rio de Janeiro - 1
7) ALCICLA - 1
7) Norte Bowling - 1

Ranking por Estado:
1) RJ - 12
2) SP - 9
3) MG - 7

Campeões Cariocas de Boxe

Após 4 rodadas, Federação de Boxe do Estado do Rio de Janeiro divulgou os campeões:

Os Campeões:
Cadete até 48kg: Alecsandro Mendes (Celeiro do Boxe).
Até 57kg: Wanderson Oliveira (Luta pela Paz).
Meio Médio: Michel Willians (Luta pela Paz).
Médio: Izac Bello (Celeiro do Boxe).
Meio Pesado: Gabriel Santos (Dudhal).
Super Pesado: Wallace Faria (Berkerk).

EC Pinheiros (SP) Bicampeão da Taça Brasil Feminina de Polo Aquático de 2012/2013

O Pinheiros (SP) conquistou a Taça Brasil Feminina de Pólo Aquática de 2013. O time paulista superou o Flamengo no confronto direto.

1a Fase:
1a Rodada:
20/06/13
Flamengo 8-7 Pinheiros (SP)

2a Rodada:
21/06/13
Botafogo 5-15 Pinheiros (SP)

3a Rodada:
21/06/13
Flamengo 21-3 Botafogo

4a Rodada:
22/06/13
Botafogo 3-13 Flamengo

5a Rodada:
22/06/13
(SP) Pinheiros 16-2 Botafogo

6a Rodada:
23/06/13
(SP) Pinheiros ** 12-10 Flamengo 

Classificação:
1) Pinheiros - 6 (confronto direto) - Bicampeão.
2) Flamengo - 6 (confronto direto)
3) Botafogo - 0
 
Os Campeões:
Troféu Brasil:

2002 - EC Pinheiros (SP)
2003 - C Paineiras M (SP)
2004 - EC Pinheiros (SP)
2005 - EC Pinheiros (SP)
2006 – EC Pinheiros (SP)
2007 - EC Pinheiros (SP)
2008 - EC Pinheiros (SP)
Taça Brasil:
2009 - EC Pinheiros (SP)
2010 - EC Pinheiros (SP)
2011 - CR Flamengo (RJ)
2012 - EC Pinheiros (SP)
2013 - EC Pinheiros (SP)

UNITAÚ (Brasil) Campeão Pan-Americano Masculino de Handebol de 2013

  A UNITAÚ (Brasil) surpreendeu o Pinheiros (Brasil) e conquistou o Campeonato Pan-Americano Masculino de 2013. O resultado também classificou a equipe de Taubaté (SP) para o Mundial Interclubes.

O Mundial Interclubes será realizado em Doha (Qatar) de 25 a 30 de Agosto. Atlético Madrid (Espanha), Al Sadd (Qatar), Al Rayyan (Qatar), Étoile Sportive du Sahel (Tunísia), Hamburgo (Alemanha) e Sydney University (Austrália), além da UNITAÚ já se garantiram na competição que ainda terá uma equipe convidada.

Os Participantes:
Argentina: Ballester e River Plate.
Brasil: Metodista, Pinheiros e UNITAÚ.
Chile: Santiago Stell.
Paraguai: Universidad Americana.
Uruguai: Colégio Alemán.

1a Fase:
1a Rodada:
19/06/13
(Chile) Santiago Stell 27-31 Ballester (Argentina)
(Argentina) River Plate 22-22 Colégio Alemán (Uruguai)
(Brasil) Metodista 39-13 Universidad Americana (Paraguai)
(Brasil) Pinheiros 29-26 UNITAÚ (Brasil)

2a Rodada:
20/06/13
(Argentina) River Plate 31-13 Universidad Americana (Paraguai)
(Brasil) Pinheiros 40-16 Santiago Stell (Chile)
(Brasil) Metodista 42-7 Colégio Alemán (Uruguai)
(Argentina) Ballester 25-30 UNITAÚ (Brasil)

3a Rodada:
21/06/13
(Paraguai) Universidad Americana 21-22 Colégio Alemán (Uruguai)
(Brasil) Metodista 25-21 River Plate (Argentina)
(Brasil) Pinheiros 35-32 Ballester (Argentina)
(Brasil) UNITAÚ 29-17 Santiago Stell (Chile)

Classificação:
Grupo A:
1) Metodista - 6 - 2a Fase.
2) River Plate - 3 (saldo de +14) - 2a Fase.
3) Colégio Alemán - 3 (saldo de -34)
4) Universidad Americana - 0

Grupo B:
1) Pinheiros - 6 - 2a Fase.
2) UNITAÚ - 4 - 2a Fase.
2) Ballester - 2
4) Santiago Stell - 0

Disputa do 5o Lugar:
22/06/13 
(Argentina) Ballester * 29-16 Universidad Americana (Paraguai)
(Uruguai) Colégio Alemán 22-28 * Santiago Stell (Chile) 

2a Fase:
22/06/13
(Brasil) Pinheiros * 25-20 River Plate (Argentina)
(Brasil) Metodista 26-32 * UNITAÚ (Brasil) 

Final 7o e 8o:
23/06/13
(Paraguai) Universidad Americana - Colégio Alemán (Uruguai)

Final 5o e 6o:
23/06/13
(Argentina) Ballester - Santiago Stell (Chile)

Final 3o e 4o:
23/06/13 
(Argentina) River Plate 23-28 * Metodista (Brasil)

Final:
23/06/13
(Brasil) Pinheiros 23-25 ** UNITAÚ (Brasil)

Os Campeões:
2007 - U Metodista (Brasil)
2008 - U Metodista (Brasil)
2009 - UNOPAR (Brasil)
2010 - ----
2011 - EC Pinheiros (Brasil)
2012 - U Metodista (Brasil)
2013 - UNITAÚ (Brasil)

Beisebol, Softbol, Squash e Luta Adiante

O Comitê Executivo do Comitê Olímpico Internacional recomendou que Beisebol & Softbol; Squash e Luta façam parte da votação de possível inclusão destes esportes nos Jogos Olímpicos de 2020.

Alpinismo, Karatê, Patinação (que inclui Patinação Artística, Patinação de Velocidade e Hóquei sobre Patins), Wakeboard e Wushu foram eliminados.

A votação final acontecerá em Buenos Aires (Argentina), de 07 a 10 de Setembro.

domingo, 23 de junho de 2013

Entrevista com Ricardo Cabral, Supevisor de Pólo Aquático da CBDA

Ricardo Cabral é o responsável pelo Pólo Aquático dentro da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos. Confira o que ele nos contou sobre o Pólo Aquático nacional.

ER: Ricardo, pode nos contar um pouco de sua trajetória até chegar a diretor de Pólo Aquático da CBDA?
RC : Fui nadador e jogador de pólo aquático. Fui técnico de pólo aquático do C.R.Guanabara e do Fluminense.F.C, e em 1997 ingressei na CBDA a convite do Dr. Coaracy. Não sou Diretor, sou Supervisor Geral de Polo Aquatico e divido meu tempo com a UERJ onde sou professor há 32 anos. Tenho Graduação em EF, Mestrado em EF e MB em Gestão Esportiva pelo COI/COB.

ER: Como você traça o panorama do pólo aquático no Brasil hoje?
RC: Vejo o polo avançando em algumas frentes e, ainda aquém do que poderíamos realizar em outras. Por exemplo, hoje, temos competições nas categorais de base (duas vezes ao ano cada categoria) competições no Adulto, incluindo a Liga Nacional e temos, hoje, a hegemonia na categoria Júnior no Masculino, no continente Americano). Por outro lado, os resultados internacionais continuam a desejar e não conseguimos implantar uma cultura esportiva para a modalidade.  No feminino a situação se agrava por termos um contingente ainda menor.

ER: Visando os Jogos de 2016, os Governos (Federal, Estadual e Municipal) têm dado algum incentivo para desenvolver o Pólo Aquático brasileiro?
RC: Bastante, basta fazer o dever de casa (apresentar os projetos) e nisso a CBDA é especialista. Temos recursos aplicados no pólo dos Correios, nosso patrocinado master, da Lei de Incentivo ao Esporte, através do repasse do Bradesco, do SICONV e da Lei Piva ( COB). Isso, hoje, nos confere uma maior tranqüilidade para planejar nossas ações estratégicas para 2016.

ER: Você acredita em medalhas em 2016?
RC: Estaria sendo muito otimista se disser que sim, e não estaria sendo um esportista se dissesse que não. Na verdade, acho muito difícil se levarmos em consideração que hoje existem 5 ou 6 equipes consideradas quase imbatíveis (Croácia, Sérvia, Montenegro, Hungria, Itália e Espanha) e outras que sempre brigam por um lugar ao sol (Estados Unidos, Austrália, Alemanha, Romênia e Canadá). Posso assegurar que o Brasil vai fazer o dever de casa. Nossa meta ( pode parecer modesta mas já seria um grande salto) é ficar entre os 08 primeiros. Quem sabe entre os seis e quem sabe uma medalha. Para isso temos que nos preparar muito e implantar algumas ações importantes, como a repatriação de alguns jogadores e treinar muito a seleção na Europa.

ER: Como você vê a demolição do Parque Aquático Júlio Delamare?
RC: Vejo com tristeza, pois fui Professor da SUDERJ (coordenava as escolinhas de natação e pólo), por onde passaram milhares de crianças, jovens e adultos. Organizei lá vários eventos de pólo, entre eles Ligas Mundiais e Pan2007. Infelizmente, o discurso de uma política pública esportiva para o Estado, está muito longe da prática e está perdendo de goleada para os interesses de mercado para o que chamamos de Esporte Espetáculo. Acho que cabem perfeitamente as duas coisas: Atender o esporte como formação e investimento no se humano e aos interesses de Mercado (Indústria Esportiva).

ER: Por que o Pólo Aquático não é tão popular no Brasil quanto em países como Espanha, Itália, Estados Unidos, Sérvia, etc?
RC: Faço uma diferença entre popularizar o esporte (tornar conhecido) e a massificação esportiva (oportunidade de prática). Em alguns países o Pólo Aquático é popular e é massificado, como na antiga Iugoslávia (agora Croácia, Sérvia e Montenegro), na Hungria e, talvez, na Itália. Outros são fortes, conseguiram popularizar mas não, ainda, massificar como os Estados Unidos (concentra mais na Califórnia) e Espanha ( na verdade Catalunha), mas são historicamente muito fortes, principalmente a Espanha. Na Europa (nesses países), o pólo aquático é profissional o que os coloca num patamar técnico muito alto. Lá o pólo faz parte de uma cultura esportiva, onde se joga, até na praia. No Brasil, ainda que neguem, vivemos uma monocultura esportiva ( futebol), com exposições pontuais de outras modalidades, principalmente as vencedoras e de maior apelo. Acredito, também, que o pólo aquático precisa se reciclar para se tornar mais midiático, sem perder as características do jogo. Existe um outro detalhe.

ER: Fora do eixo Rio-São Paulo, apesar de existirem inúmeros clubes com piscinas, há muito poucos com Pólo Aquático, sobretudo no interior dos estados. Como massificar o esporte?
RC: Para começar ter piscina não significa que ela tenha condição de prática. Isso não quer dizer que a modalidade não possa ser apresentada (introduzida) em piscina mais rasa (acho que até deve) mas em determinado ponto começa a existir a necessidade de piscina mais profunda. Outra coisa é a falta de informação e formação de profissionais para o esporte. Não existe nas universidades. Para massificar (que considero quase uma utopia) precisaríamos de projetos integrados com Escolas de Natação, Clubes e outras instituições. O SESI-SP mostrou que é possível com um projeto muito bom que aliou recursos financeiros, vontade política, capacitação profissional. Em São Paulo temos a Oficina do Esporte e em Bauru o Projeto Futuro. Todos com excelentes resultados. No Rio temos o Projeto da Rocinha, com o professor Solon dos Santos que já encaminhou meninos e meninas para o Flamengo. Em todos os Projetos já existem atletas nas seleções de base.

ER: O interesse das mulheres pelo Pólo Aquático tem crescido? Há ainda menos clubes com escolinhas femininas...
RC: O pólo aquático feminino tem sido um desafio. Além de não crescer, em alguns momentos, diminui e volta a crescer novamente. O contingente de praticantes é muito pequeno e, ainda, está muito elitizado.

ER: Você está satisfeito com as duas principais competições de Pólo Aquático do país - a Liga Nacional e a Taça Brasil? Quando teremos uma Liga Nacional feminina?
RC: São duas competições com formatos bem distintos e é óbvio com objetivos diferentes. Uma de curta duração, o Troféu Brasil e outra de longa duração ( 3 meses), a Liga Nacional, realizada em duas divisões com recursos da Lei de Icentivo ao Esportes.

ER: Quanto custa aproximadamente disputar estas competições e a CBDA consegue patrocinadores suficientes para custeá-las?
RC: Os gastos com os clubes no Troféu Brasil são com despesas de viagem e pagamentos de atletas e uma taxa simbólica de 400,00. Na Liga as equipes só pagam se quiserem , pois toda a competição é custada com recurso da Lei de Incentivo ao Esporte.

ER: Há algum projeto para o Sul-Americano de clubes voltar a exisitr?
RC: Acho muito difícil, mas isso é da responsabilidade da CONSANAT.

ER: Minas Gerais é um estado muito próximo de Rio e São Paulo, fortíssimo na Natação, mas que não tem Pólo Aquático. Por que? Como mudar isso?
RC: Já teve. Temos tentado, mas existe uma resistência muito grande por parte dos clubes, principalmente, o Minas Tenis Clube, que é a maior referência no Estado. E uma pena pois trata-se de uma potência olímpica. O aspecto financeiro, a demora em apresentar resultados, são algumas ameaças aos projetos. 

ER: Como trazer de volta para o esporte clubes tradicionais como América FC (RJ), SC Corinthians P (SP), Academia Fórmula (SP, CR Guanabara (RJ), CR Vasco da Gama, Universidade Gama Filho (RJ), etc?
RC: Vejo mais facilidade em resgatar a modalidade no Guanabara e Tijuca T.C, ambos se desinteressaram da modalidade pelos custos e pela evasão de seus atletas para outros clubes. Nos outros locais acho que a questão financeira seria o maior impedimento. Hoje temos uma segunda divisão nacional a 0800, como se diz popularmente e o Guanabara participou ano passado. Parece que esse ano o Tijuca vai brigar por uma vaga. Vamos torcer. É necessário também que se resgate a base  e nisso, ambos os clubes sempre foram craques. Clube de Futebol não entra em competição para levar goleada. Essa cultura é difícil de modificar.

ER: Deseja deixar um recado final?
RC: Acredito que consigamos subir alguns degraus até 2016 caminhando paralelamente o pólo nacional e o internacional (seleções). Temos uma seleção forte Júnior 96 que em 2014 tentará uma boa colocação no Mundial da categoria. Precisamos trabalhar mais forte na Seleção para 2016 e algumas adequações (ajustes) terão ainda que ser feitas. Não podemos pensar em 2016 e abandonar nossas metas parciais. Hoje, tivemos um dia muito ruim que não deve ser esquecido e aproveitar para reavaliar e realinhar algumas ações.  

sábado, 22 de junho de 2013

Flamengo Venceu 3a Regata mas Botafogo Abriu Vantagem

Após a 2a Regata do Campeonato Estadual, o Flamengo demitiu o técnico Marcos Amorim, o Marcão e segue em crise institucional, cortando custos e demitindo atletas e técnicos vencedores. Mesmo assim, na o rubro-negro venceu a 3a Regata do Estadual de Remo.

O Flamengo venceu o Double Skiff Aspirante Feminino, o Double Skiff Júnior A Feminino, o Four Skiff Júnior A e o Double Skiff Sub-23 Feminino.

O Botafogo venceu o 2 Sem Peso Leve Sub-23, o 4 Sem Peso Leve Sub-23, o 4 Com Júnior A e o 8 Com Júnior A

O Vasco da Gama vencue o Four Skiff Aspirante Masculino, o Single Skiff Infantil, o Single Skiff Sub-23 e o Four Skiff Master.

Classificação da 3a Regata:
1) Flamengo - 79 - Vencedor

2) Botafogo - 77
3) Vasco da Gama - 55
4) Loureiro - 10
5) Escola Naval - 8
6) ANNFR Campos dos Goytacazes - 6
7) Piraquê - 3

Classificação Geral:
1) Botafogo - 245
2) Flamengo - 206
3) Vasco da Gama - 89
4) Escola Naval - 25
5) Loureiro - 17
6) ANNFR Campos dos Goytacazes - 13
7) Piraquê - 9
8) Guanabara - 4

quinta-feira, 20 de junho de 2013

Botafogo FR Bicampeão Metropolitano Júnior Masculino de Futsal de 2012/2013

Com apenas cinco times na disputa, o Metropolitano Júnior ficou esvaziado. Mesmo assim, não tira os méritos da conquista do Botafogo.

A Campanha:
1ª Fase:

4-2 America - c
5-1 Flamengo - f
4-2 Vasco da Gama - c
4-0 Drogaria do Povo - f
5-7 America - f
4-6 Flamengo - c
3-4 Vasco da Gama - f
1-1 Drogaria do Povo - c
2ª Fase:
1-2 América - f
2-1 América - c (2-2)
Final:
4-3 Vasco da Gama - c
3-3 Vasco da Gama - f

Os Campeões:
2003 - Tio Sam EC
2004 - Tio Sam EC
2005 - Grajaú CC
2006 - CR Vasco da Gama
2007 - Macaé Sports
2008 - CR Flamengo
2009 - Colégio Pentágono
2010 - ----
2011 - CR Vasco da Gama
2012 - Botafogo FR
2013 - Botafogo FR

Botafogo FR Campeão Estadual Sênior de Inverno de Natação de 2013

Com a decadência do Flamengo, apenas três clubes disputaram a competição. O Botafogo foi o melhor deles e conquistou o Campeonato Estadual Sênior de Inverno de Natação.

Classificação:
1º Botafogo - 2.217,50 - Campeão.

2º Fluminense - 2.023,50
3º Tijuca TC - 143

Os Campeões:
2007 – CR Flamengo
2008.1 - Botafogo FR
2008.2 - CR Flamengo
2009.1 - Botafogo FR
2009.2 - Fluminense FC
2010.1 - CR Flamengo
2010.2 - CR Flamengo
2011.1 - CR Flamengo
2011.2 - CR Flamengo
2012.1 - CR Flamengo
2012.2 - CR Flamengo
2013.1 - Botafogo FR

II Torneio Nacional de Ginástica Artística de 2013

Parabéns aos campeões.

Os Campeões:
Feminino:
2012 - Yashi (SP)
2013 - FUNESP (MS)

Masculino:
2012 - Apam Setor Leste (DF)
2013 - Academia Egos (SP)

Fluminense FC Campeão Estadual Júnior de Inverno de Natação de 2013

Há três anos que o Tricolor não era campeão nesta categoria. Finalmente, o Fluminense se sagrou campeão estadual júnior de inverno de natação de 2013, superando o Botafogo por mais de 500 pontos.

Classificação:
1º Fluminense - 2.748 - Campeão. 
2º Botafogo - 2.243,50
3º Flamengo - 2.114
4º Tijuca TC - 247,50
5º CFCSN - 141
6º Vasco da Gama - 18

2a Divisão de Juniores: Portuguesa e Tigres na Final

Portuguesa e Tigres venceram suas partidas semi-finais e vão decidir a Taça Corcovado de Juniores. O vencedor vai se classificar para o Triangular Final, que já tem Serra Macaense e CA Barra da Tijuca.

1a Fase:              
2o Turno:
2a Fase:  
15/06/13
CA Barra da Tijuca 0-1 * Portuguesa
Angra dos Reis 0-2 * Tigres

quarta-feira, 19 de junho de 2013

Copa das Confederações de 2017 Será Jogada em 4 Estádios

A Fase Final da Copa do Mundo de 2018 será jogada em doze estádios da Rússia. Um ano antes, teremos a Copa das Confederações, que será disputada em apenas quatro sedes.

A Rússia escolheu São Petersburgo (Arena Gazprom com capacidade para 69,500 torcedores), Moscou (Arena Aberta para 44 mil pessoas); Kazan (Arena Kazan para 45.015 pessoas) e Socchi (Estádio Olímpico Fisht com uma capacidade de 47.659 pessoas - foto).

A Rússia, como país-sede, vai disputar a competição. Os outros participantes serão o Campeão da Copa do Mundo de 2014; o Campeão Asiático de 2015; o Campeão da Copa América de 2015; o Campeão da Oceania de 2016; o Campeão da Eurocopa de 2016; o Campeão Africano de 2017; e o vencedor de uma disputa entre o Campeão da CONCACAF de 2013 e o Campeão da CONCACAF de 2015.

domingo, 16 de junho de 2013

AD Cabofriense Campeã do Torneio Extra do Interior da 2a Divisão de Juniores de 2013

Estrutura da Cabofriense é uma das melhores da 2a Divisão. Time de Cabo Frio foi o melhor da fase principal da 2a Divisão entre os clubes do interior.

A Campanha:
2-1 São João da Barra - f
1-1 Goytacaz - f
3-0 Paduano - c
3-1 Sampaio Corrêa - f
0-0 Angra dos Reis - c
2-1 Serra Macaense - f
4-0 América-TR - c
1-0 Americano - c
1-2 Barra Mansa - f

Classificação:
1) Cabofriense - 20 - Campeão.

2) Serra Macaense - 19
3) Angra dos Reis - 18
4) Goytacaz - 12
4) Sampaio Corrêa - 12
6) Barra Mansa - 11
6) Americano - 11
8) São João da Barra - 9
9) Paduano - 8
10) América-TR - 6

sábado, 15 de junho de 2013

SE Palmeiras (SP) Campeã Brasileira Masculina de Hóquei em Linha de 2013

Parabéns ao Palmeiras (SP)! (foto CBHP).

Os Campeões:
Campeonato Brasileiro:
1996 - AABB (SP)
1997 - AABB (SP)
1998 - AABB (SP)
1999 - AA Ponte Preta (SP) / AABB (SP)
2000 - AA Ponte Preta (SP) / São Paulo FC (SP)
2001 - São Paulo FC (SP) / São Paulo FC (SP)
2002 - SE Palmeiras (SP) / Paulínia No Limits (SP)
2003 - Hípica Campinas (SP) / A Portuguesa D (SP)
2004 - Paulinense (SP)
2005 - AABB São Paulo (SP)
2006 - Paulinense (SP)
2007 - Paulinense (SP)
2008 - Hípica Campinas (SP)
2009 - SE Palmeiras (SP)
2010 - AA Hockey Amparo (SP)
2011 - Hípica Campinas (SP)
2012 - Amparo No Limits (SP)
Campeonato Nacional:
2013 - SE Palmeiras (SP)

EC Tigres do Brasil Campeão do Torneio Extra da Capital da 2a Divisão de Juniores de 2013

Tigres foi o melhor entre os times da capital na fase principal do Estadual da 2a Divisão e foi reconhecido pela federação.

A Campanha:
WO-0 Tigres - f (3-0)
3-2 Portuguesa - c
2-1 Artsul - c
2-2 América - f
1-0 CA Barra da Tijuca - c
1-0 Mesquita - f
1-0 Ceres - f
0-0 Bonsucesso - f

Classificação:
1) Tigres - 19 - Campeão.

2) América - 18
3) CA Barra da Tijuca - 16
4) Portuguesa - 14
5) Artsul - 10
6) Mesquita - 8
7) Bonsucesso - 5
8) Ceres - 4
9) Juventus - 0

Rio de Janeiro Sharks Campeão do Carioca Bowl Masculino de 2013

Parabéns ao Rio de Janeiro Sharks pelo título inédito e invicto do Carioca Bowl Masculino de 2013. A decisão foi uma verdadeira aula tática e técnica sobre o Rio de Janeiro Islanders.

Com a decisão do Carioca Bowl Masculino, os atletas vão para os times de grama disputar o Campeonato Brasileiro e o Torneio Touchdown.

Aguardamos a FEFARJ se posicionar se teremos ou não o Carioca Bowl Feminino este ano.

Os Participantes:
Botafogo FR Mamutes (Rio de Janeiro)
Botafogo Reptiles (Rio de Janeiro)
Copacabana Titãs (Rio de Janeiro)
Falcões (Rio de Janeiro)
Ilha Avalanche (Rio de Janeiro)
Ipanema Tatuís (Rio de Janeiro)
Piratas de Copacabana (Rio de Janeiro)
Rio de Janeiro Islanders (Rio de Janeiro)
Rio de Janeiro Sharks (Rio deJaneiro)

1ª Fase:
23/02/13
Botafogo Reptiles 33-7 Piratas de Copacabana
24/02/13
Ilha Avalanche 22-0 Botafogo FR Mamutes
Rio de Janeiro Islanders 10-0 Ipanema Tatuís
02/03/13
Rio de Janeiro Sharks 26-9 Falcões
03/03/13
Piaratas de Copacabana 11-3 Copacabana Titãs
Ilha Avalanche 13-16 Botafogo Reptiles
16/03/13
Copacabna Titãs 19-23 Falcões
17/03/13
Rio de Janeiro Islanders 6-12 Botafogo FR Mamutes
Ipanema Tatuís 2-14 Rio de Janeiro Sharks
23/03/13
Botafogo FR Mamutes 7-28 Ipanema Tatuís
24/03/13
Botafogo Reptiles 10-7 Ilha Avalanche
Rio de Janeiro Islanders 7-14 Piratas de Copacabana
07/04/13
Falcões 12-0 Copacabana Titãs
Rio de Janeiro Islanders 6-9 Botafogo Reptiles
14/04/13
Rio de Janeiro Islanders 0-14 Ipanema Tatuís
28/04/13
Falcões 6-14 Ilha Avalanche
Piratas de Copacabana 10-7 Botafogo Reptiles
Rio de Janeiro Sharks 27-9 Copacabana Titãs
05/05/13
Piratas de Copacabana 3-15 Ilha Avalanche
Falcões 3-31 Rio de Janeiro Sharks
Botafogo Reptiles 10-3 Ipanema Tatuís
12/05/13
Copacabana Titãs 0-31 Rio Islanders
Ipanema Tatuís 23-10 Botafogo FR Mamutes

Classificação:
Grupo A:
1º Botafogo Reptiles - 5 - Playoffs.
2º Piratas de Copacabana - 3 - Playoffs.
3º Ilha Avalanche - 3 - Playoffs.

Grupo B: 
1º Ipanema Tatuís - 3*
2º Rio de Janeiro Islanders - 2 - Playoffs.
3º Botafogo FR Mamutes - 1
Obs: O Ipanema Tatúis foi desclassificado por não ter fornecido árbitros durante a competição.

Grupo C:
1º Rio de Janeiro Sharks - 4 - Playoffs. 
2º Falcões - 2 - Playoffs.
3º Copacabana Titãs - 0

2ª Fase:
18/05/13
Rio de Janeiro Islanders * 18-0 Falcões
Piratas de Copacabana * 6-0 Ilha Avalanche

3ª Fase:
25/05/13
Botafogo Reptiles 7-10 * Rio de Janeiro Islanders
26/05/13
Rio de Janeiro Sharks * 14-13 Piratas de Copacabana

Final:
09/06/13
Rio de Janeiro Sharks ** 17-0 Rio de Janeiro Islanders

A Campanha:
1
ª Fase:
26-9 Falcões - c
14-2 Ipanema Tatuís - f
27-9 Copacabana Titãs - c
31-3 Falcões - f
2ª Fase:
Isento.
3ª Fase:
14-13 Piratas de Copacabana - c
Final:
17-0 Rio de Janeiro Islanders - n

Os Campeões:

2000 - Rio Guardians
2001 - Copacabana Eagles
2002 - Botafogo Reptiles
2003 - Botafogo Reptiles
2004 - Botafogo Reptiles
2005 - Botafogo Reptiles
2006 - Titãs de Copacabana
2007 - Titãs de Copacabana
2008 - Botafogo Reptiles
2009 - America FC Red Lions
2010 - America FC Red Lions
2011 - Botafogo Reptiles
2012 - Botafogo Reptiles
2013 - Rio de Janeiro Sharks

Ranking:
1º Botafogo Reptiles - 7
2º America FC Red Lions - 2
2º Titãs de Copacabana - 2
4º Rio Guardians - 1
4º Copacabana Eagles - 1
4º Rio de Janeiro Sharks - 1

sexta-feira, 14 de junho de 2013

AD Cabofriense Campeã do Torneio Extra do Interior da 2a Divisão de 2013

Apenas as partidas da 1a Fase contra equipes do interior foram consideradas neste troféu.

A Campanha:
0-0 São João da Barra - f
0-0 Goytacaz - f
4-1 Paduano - c
2-2 Sampaio Corrêa - f
5-2 Angra dos Reis - c
1-1 Serra Macaense - f
3-1 América-TR - c
3-2 Americano - c
3-0 Barra Mansa - f

Classificação:
1) Cabofriense - 19 - Campeão.
2) Goytacaz - 17
3) Sampaio Corrêa - 14
4) São João da Barra - 12
4) América-TR - 12
6) Barra Mansa - 11
7) Serra Macaense - 10
8) Angra dos Reis - 8
9) Americano - 7
10) Paduano - 3

Os Campeões:
2013 - AD Cabofriense 

BM&F (SP) Undecacampeão do Troféu Brasil de Atletismo de 2013

O Troféu Brasil de Atletismo de 2013 foi disputado em São Paulo (SP) e mais uma vez a equipe da BM&F (SP) patrocinada pela Bovespa faturou o título.

Uma pena que uma empresa supere clubes tradicionais como Botafogo, Grêmio (RS), Fluminense, Flamengo, Vasco da Gama, Pinheiros (SP), São Paulo (SP), SOGIPA (RS), etc.

A foto é de Carlos Chinin que quebrou o récorde sul-americano no Decatlo (foto Wagner Carmo/CBAt).

Os Vencedores:
100m Rasos Feminino:
Ana Cláudia Silva (BM&F/SP).
100m Rasos Masculino:
José Moreira (Londrina/PR).
100m com Barreiras Feminino:
Fabiana Moraes (Rezende/SP).
110m com Barreiras Masculino:
Matheus Inocêncio (Atletismo Kaikan/SP).
200m Rasos Feminino:
Franciela Krasucki (Pinheiros/SP).
200m Rasos Masculino:
Bruno Barros (FUNDACTE/SP).
400m com Barreiras Feminino:
Liliane Fernandes (BM&F/SP).
400m com Barreiras Masculino:
Mahau Suguimati (ORCAMPI/SP).
400m Rasos Feminino:
Joelma Sousa (BM&F/SP).
400m Rasos Masculino:
Ânderson Henriques (SOGIPA/RS).
800m Rasos Feminino:
Flávia Lima (FECAM/PR).
800m Rasos Masculino:
Diego Gomes (Brasil FC/SP).
1.500m Rasos Feminino:
Christiane Santos (Pinheiros/SP).
1.500m Rasos Masculino:
Lutimar Paes (Pinheiros/SP).
3.000m com Obstáculos Feminino:
Sabine Heitling (UNISC/SC).
3.000m com Obstáculos Masculino:
Gládson Barbosa (Pinheiros/SP).
5.000m Rasos Feminino:
Adriana Silva (Pinheiros/SP).
5.000m Rasos Masculino:
Ederson Pereira (ASSEM/SP).
10.000m Rasos Feminino:
Cruz Silva (BM&F/SP).
10.000m Rasos Masculino:
Marílson Santos (BM&F/SP).
20km Marcha Atlética Feminina:
Érica Sena (ORCAMPI/SP).
20km Marcha Atlética Masculina:
Caio Bonfim (CA Sobradinho/DF).
Arremesso de Peso Feminino:
Geisa Arcanjo (Pinheiros/SP).
Arremesso de Peso Masculino:
Darlan Romani (ORCAMPI/SP).
Decatlo Masculino:
Carlos Chinin (BM&F/SP).
Heptatlo Feminino:
Tamara Sousa (Brasil Vale Ouro/RJ).
Lançamento de Dardo Feminino:
Jucilene Lima (BM&F/SP).
Lançamento de Dardo Masculino:
Paulo Silva (Pinheiros/SP).
Lançamento de Disco Feminino:
Andressa Morais (Pinheiros/SP).
Lançamento de Disco Masculino:
Ronald Julião (BM&F/SP).
Lançamento de Martelo Feminino:
Carla Michel (BM&F/SP).
Lançamento de Martelo Masculino:
Wágner Domingos (BM&F/SP).
Revezamento 4x100m Rasos Feminino:
Pinheiros (SP).
Revezamento 4x100m Rasos Masculino:
BM&F (SP).
Revezamento 4x400m Rasos Feminino:
BM&F (SP).
Revezamento 4x400m Rasos Masculino:
ORCAMPI (SP).
Salto com Vara Feminino:
Fabiana Murer (BM&F/SP).
Salto com Vara Masculino:
Augusto Oliveira (BM&F/SP).
Salto em Altura Feminino:
Aline Santos (BM&F/SP).
Salto em Altura Masculino:
Guilherme Cobbo (Pinheiros/SP).
Salto em Distância Feminino:
Keila Costa (BM&F/SP).
Salto em Distância Masculino:
Mauro Silva (BM&F/SP).
Salto Triplo Feminino:
Keila Costa (BM&F/SP).
Salto Triplo Masculino:
Jefferson Sabino (ORCAMPI/SP).

Classificação Final:
1) BM&F (SP) - 564  - Undecacampeão.

2) Pinheiros (SP) - 385,50
3) ORCAMPI (SP) - 264
4) Instituto Lançar-se para o Futuro (RJ) - 88
5) FUNDACTE (SP) - 72
...
13) Brasil Vale Ouro (RJ) - 26
49) Pé de Vento (RJ) - 3
46) Arnaldo Oliveira (RJ) - 2
69) Mangueira (RJ) - 1
69) Insituto Ideal Brasil (RJ) - 1

Os Campeões:
Troféu Ademar de Barros:

1940 a 1942 - Fluminense FC (RJ)
Troféu Brasil:
1945 a 1951 - São Paulo FC (SP)
1952 a 1954 - CR Vasco da Gama (RJ)
1955 a 1961 - CR Flamengo (RJ)
1962 a 1965 - CR Flamengo (RJ)
1966 a 1970 - EC Pinheiros (SP)
1971 a 1980 - Universidade Gama Filho (RJ)
1981 a 1983 - Universidade Gama Filho (RJ)
1984 a 1989 - SESI Santo André (SP)
1990 - SESI São Caetano do Sul (SP)
1991 - SESI São Caetano do Sul (SP)
1992 - SESI São Caetano do Sul (SP)
1993 - Funilense (SP)
1994 - Funilense (SP)
1995 - Funilense (SP)
1996 - Funilense (SP)
1997 - Funilense (SP)
1998 - Funilense (SP)
1999 - Funilense (SP)
2000 - Funilense (SP)
2001 - Funilense (SP)
2002 - Funilense (SP)
2003 - BM&F (SP)
2004 - BM&F (SP)
2005 - BM&F (SP)
2006 - BM&F (SP)
2007 - BM&F (SP)
2008 - BM&F (SP)
2009 - BM&F (SP)
2010 - BM&F (SP)
2011 - BM&F (SP)
2012 - BM&F (SP)
2013 - BM&F (SP)

Ranking:
1) BM&F - 11
2) Funilense - 10
3) SESI São Caetano do Sul - 3
4) CR Flamengo - 2
4) Universidade Gama Filho - 2
6) Fluminense FC - 1
6) São Paulo FC - 1
6) CR Vasco da Gama - 1
6) EC Pinheiros - 1
6) SESI Santo André - 1

Ranking por Estado:
1) SP - 27
2) RJ - 6

Tijuca TC Campeão do Torneio Petiz de Natação de 2013

Parabéns ao Tijuca TC, campeão do Torneio Petiz de 2013!

Classificação:
1º Tijuca TC - 1.794 - Campeão.
2º Flamengo - 1.294,50
3º Fluminense - 1.163,50
4º Marina BC - 1.028
5º Botafogo - 366

Os Campeões:
2013 - Tijuca TC 

4a Rodada do Estadual Dadinho

Confira os resultados da rodada.

4a Rodada:
08/06/13
Drogaria do Povo 8-36 River
09/06/13
Tijuca TC 29-13 Portuguesa
Clube dos 500 15-25 Flamengo
Fluminense 29-13 América
 
Classificação:
1) Flamengo - 12
1) Fluminense - 12
3) América - 9
3) Tijuca TC - 9
5) River - 6
6) Portuguesa - 0
6) Drogaria do Povo - 0
6) Clube dos 500 - 0

quinta-feira, 13 de junho de 2013

America FC Campeão do Torneio Extra da Capital da 2ª Divisão de 2013

Entre os times da capital, America foi o melhor e conquistou o título do Torneio Extra da Capital da 2ª Divisão de 2013.

A Campanha:
1-0 Mesquita - c
3-1 Bonsucesso - c
5-0 CA Barra da Tijuca - f
2-1 Ceres - c
2-1 Tigres - c
3-0 Artsul - f
2-1 Portuguesa - c
WO-0 Juventus - c (3-0)

Classificação:
1º America - 21 - Campeão.

2º CA Barra da Tijuca - 17
3º Portuguesa - 16
3º Ceres - 16
5º Tigres - 7
6º Bonsucesso - 6
6º Mesquita - 6
8º Artsul - 4
9º Juventus - 0

Os Campeões:
2013 - America FC 

Fluminense FC Campeão Metropolitano Sub-7 Masculino de Futsal de 2013

O Fluminense forma campeões desde cedo. Desta vez, os pequenos Tricolores venceram o Campeonato Metropolitano Sub-7 Masculino de futsal de 2013.

A Campanha:
1ª Fase:
7-0 Botafogo - c
13-0 Bradesco - f
4-1 Vasco da Gama - c
11-3 Botafogo - f
4-0 Bradesco - c
2-3 Vasco da Gama - f
2ª Fase:
10-0 Bradesco - c
Final:
7-3 Vasco da Gama - c

Os Campeões:
2012 - CR Vasco da Gama
2013 - Fluminense FC

Friburguense AC Campeão da Taça Guanabara de Bola 12 Toques de 2013

O Friburguense conquistou a Taça Guanabara de Bola 12 Toques de Futmesa de 2013 (foto FEFUMERJ). Com estes resultados, o time serrano se classificou para a final do Estadual.

A Campanha:
29-17 Fluminense
28-16 Petropolitano
24-13 Clube dos 500
22-22 Ginástico
27-18 América
27-18 Vasco da Gama

Os Campeões da Taça Guanabara:
2006 - CR Vasco da Gama
2007 - CR Vasco da Gama
2008 - América FC
2009 - CR Vasco da Gama
2010 - América FC
2011 - CR Vasco da Gama
2012 - C Ginástico DRJ
2013 - Friburguense AC

Os Campeões da Taça Rio
2006 - América FC
2007 - América FC
2008 - CR Vasco da Gama
2009 - América FC
2010 - América FC
2011 - América FC
2012 - C Ginástico DRJ

Os Campeões:
2002 - América FC
2003 - CR Vasco da Gama
2004 - América FC
2005 - América FC
2006 - CR Vasco da Gama
2007 - CR Vasco da Gama
2008 - CR Vasco da Gama
2009 - CR Vasco da Gama
2010 - América FC
2011 - América FC
2012 - C Ginástico DRJ

SC Corinthians P (SP) Campeão Brasileiro Juvenil de Inverno de Natação de 2013

Parabéns à nação corinthiana!

Classificação:
1) Corinthians (SP) - 475 - Campeão.

2) Pinheiros (SP) - 415
3) Minas TC (MG) - 330
4) SESI (SP) - 321
5) Curitibano (PR) - 280,50
6) UNISANTA (SP) - 136
7) Flamengo (RJ) - 88
8) Tubarão (SC) - 71
9) Paineiras (SP) - 70
10) Grêmio Náutico União (RS)  49

Os Campeões:
1992 - Clube Tubarão (GO)
1993 - Clube Português Recife (PE)
1994 - Fluminense FC (RJ)
1995 - CR Flamengo (RJ)
1996 - SC Corinthians P (SP)
1997 - Fluminense FC (RJ)
1998 - Fluminense FC (RJ)
1999 - Minas TC (MG)
2000 - CR Flamengo (RJ)
2001 - Minas TC (MG)
2002 - Minas TC (MG)
2003 - EC Pinheiros (SP)
2004 - Minas TC (MG)
2005 - Minas TC (MG)
2006 - Minas TC (MG)
2007 - Minas TC (MG)
2008 - Minas TC (MG)
2009 - SC Corinthians P (SP)
2010 - EC Pinheiros (SP)
2011 - EC Pinheiros (SP)
2012 - EC Pinheiros (SP)
2013 - SC Corinthians P (SP)

Ranking:
1) Minas TC - 8
2) EC Pinheiros - 4
4) SC Corinthians P - 3
3) Fluminense FC - 3
4) CR Flamengo - 2
6) Clube Tubarão - 1
6) Clube Português Recife - 1

Ranking por Estado:
1) MG - 8
2) SP - 6
3) RJ - 5
4) GO - 1
4) PE - 1

EC Pinheiros (SP) Campeão Brasileiro Cadete Masculino de Handebol de 2013

Serra (ES) recebeu o Campeonato Brasileiro Cadete Masculino de 2013. O Pinheiros (SP) derrotou a UFPI (PI) por 29 a 17 e faturou o caneco.

O Rio de Janeiro foi representado pelo Nova Iguaçu. Na 1a Fase, o time fluminense perdeu para Pinheiros e FMEL Itajaí (SC) mas venceu o ACES (ES). Na disputa pelo 5o lugar, o time venceu o Clube Português Recife (PE) e perdeu para o ACES (ES) terminando a competição na sexta posição.

Os Campeões: 
2008 - Sorriso (MT)
2009 - Sorriso (MT)
2010 - PM Francisco Alves (PR)
2011 - PM Francisco Alves (PR)
2012 - Universidade Metodista (SP)
2013 - EC Pinheiros (SP)

quarta-feira, 12 de junho de 2013

2a Divisão de Juniores: Encerrada a Fase de Classificação

CA Barra da Tijuca, Angra dos Reis, Tigres e Portuguesa vão decidir a Taça Corcovado de Juniores. As Semi-Finais serão disputadas no próximo fim de semana.

Serra Macaense, vencedor do 1o Turno, e CA Barra da Tijuca, melhor time na soma dos turnos, já estão na Fase Final do campeonato.

1a Fase:              
2o Turno:
1a Fase:  
11a Rodada:
08/06/13
Bonsucesso 0-0 Tigres
América-TR 0-3 Ceres
Mesquita 0-3 Serra Macaense
Cabofriense 1-2 CA Barra da Tijuca
Americano 1-1 Barra Mansa
Paduano 2-1 Sampaio Corrêa
América 1-0 Angra dos Reis
São João da Barra 2-4 Goytacaz

Classificação:
Grupo A:

1) CA Barra da Tijuca - 22 - 2a Fase.
2) Tigres - 20 - 2a Fase.
3) Cabofriense - 19
4) Americano - 14
5) Bonsuceso - 13
6) Ceres - 11
7) Serra Macaense - 10 (saldo de -1)
8) Mesquita - 10 (saldo de -4)
9) Barra Mansa - 7
10) América-TR - 3
  
Grupo B:
1) Angra do Reis - 19 - 2a Fase.
2) Portuguesa - 18 - 2a Fase.
3) América - 16
4) Sampaio Corrêa - 13 (46 cartões)
5) Artsul - 13 (60 cartões)
6) São João da Barra - 9
7) Paduano - 8
8) Goytacaz - 7
9) Juventus - 0  
Obs: Imperial e Rio Branco desistiram do campeonato. 
Obs2: O Juventus levou três WOs e foi eliminado da competição. 

Classificação Geral:
1) CA Barra da Tijuca - 42 - Fase Final.
2) Tigres - 40
3) América - 39
4) Cabofriense - 37
5)  Portuguesa - 35
6) Serra Macaense - 33
7) Angra dos Reis - 30
8) Artsul - 28
9) Ceres - 25
10) Americano - 24 (7 vitórias)
11) Goytacaz - 24 (6 vitórias e saldo +5)
12) Bonsuceso - 24 (6 vitórias e saldo 0)
13) Sampaio Corrêa - 22
14) São João da Barra - 19 (saldo -7)
15) Mesquita - 19 (saldo -13)
16) Barra Mansa - 15
17) Paduano - 12 (3 vitórias)
18) América-TR - 12 (4 vitórias)
19) Juventus - 0  
Obs: Imperial e Rio Branco desistiram do campeonato. 
Obs2: O Juventus levou três WOs e foi eliminado da competição. 

AD Itajaí (SC) Bicampeão Brasileiro Masculino de Handebol da 2a Divisão de 2012/2013

O Campeonato Brasileiro (ainda chamado de) da 1a Divisão de 2013 foi disputado em Garanhuns (PE). A competição era a mais importante do calendário nacional até criarem a Liga Nacional, que se tornou o verdadeiro Campeonato Brasileiro da 1a Divisão.

Na final deste ano, a AD Itajaí (SC) derrotou o Clube Português Recife (PE) por 29 a 26 para ficar com o título (foto Photo & Grafia).

A medalha de bronze ficou com Liespe (MG), que venceu o Atlético (PE) por 27 a 24.

O Rio de Janeiro não enviou representante.

Os Campeões:
1993 - CR Flamengo (RJ)
2000 - CR Flamengo (RJ)
2007 - Itapevi (SP)
2008 - Clube Português do Recife (PE)
2009 - UNOPAR (PR)
2010 - Clube Português do Recife (PE)
2011 - Clube Português do Recife (PE)
2012 - AD Itajaí (SC)

terça-feira, 11 de junho de 2013

Fluminense FC Decacampeão da Taça Brasil Masculina de Polo Aquático de 2006/2006/2007/2007/2008/2009/2010/2011/2012/12013

O Fluminense conquistou mais uma Taça Brasil Masculina de Polo Aquático. O resultado mostra a força do elenco tricolor, que também é favorito ao título brasileiro, que será disputado no segundo semestre.

Pinheiros (SP), SESI (SP), Botafogo, Paulistano (SP), Hebraica (SP) e Flamengo também se classificaram para o Campeonato Brasileiro.

1ª Fase:
1ª Rodada:
05/06/13
(RJ) Fluminense 23-3 Flamengo (RJ)
(SP) Paulistano 9-8 Paineiras (SP)

2ª Rodada:
06/06/13
(RJ) Fluminense 21-6 Paineiras (SP)
(SP) Paulistano 14-13 Hebraica (SP)

3ª Rodada:
06/06/13
(SP) Paulistano 8-6 Flamengo (RJ)
(SP) Paineiras 9-13 Hebraica (SP)
(SP) SESI 20-1 Jundiaiense (SP)
(SP) Pinheiros 10-7 Botafogo (RJ)

4ª Rodada:
07/06/13
(RJ) Fluminense 18-1 Hebraica (SP)
(RJ) Flamengo 7-7 Paineiras (SP)
(RJ) Botafogo 14-6 Jundiaiense (SP)
(SP) Pinheiros 14-5 SESI (SP)

5ª Rodada:
07/06/13
(RJ) Flamengo 10-10 Hebraica (SP)
(RJ) Fluminense 23-3 Paulistano (SP)
(SP) SESI 9-8 Botafogo (RJ)
(SP) Pinheiros 13-1 Jundiaiense (SP)
 
Classificação:
Grupo A:
1º Fluminense (RJ) - 8 - 3ª Fase.
2º Paulistano (SP) - 6 - 2ª Fase
3º Hebraica (SP) - 3 - 2ª Fase
4º Flamengo (RJ) - 2
5º Paineiras (SP) - 1

Grupo B:
1º Pinheiros (SP) - 6 - 3ª Fase.
2º SESI (SP) - 4 - 2ª Fase.
3º Botafogo (RJ) - 2 - 2ª Fase.
4º Jundiaiense (SP) - 0 

2ª Fase:
08/06/13
(SP) Paulistano 5-8 * Botafogo (RJ)
(SP) SESI * 9-6 Hebraica (SP)

Disputa do 7º-9º Lugares:
08/06/13
(SP) Paineiras 10-6 Jundiaiense (SP)

Final 7º e 8º:
08/06/13 
(RJ) Flamengo * 12-3 Jundiaiense 

Disputa do 5º Lugar:
08/06/13 
(SP) Paulistano * 16-7 Hebraica (SP)

2ª Fase:
08/06/13
(RJ) Fluminense * 12-4 SESI (SP)
(SP) Pinheiros * 7-6 Botafogo (RJ) 

Final 3º e 4º:
09/06/13
(SP) SESI * 14-7 Botafogo (RJ)

Final:
09/06/13
(RJ) Fluminense ** 5-4 Pinheiros (SP) 

Classificação Final:
1º Fluminense (RJ) - Campeão + Campeonato Brasileiro.
2º Pinheiros (SP) - Campeonato Brasileiro.
3º SESI (SP) - Campeonato Brasileiro.
4º Botafogo (RJ) - Campeonato Brasileiro.
5º Paulistano (SP) - Campeonato Brasileiro.
6º Hebraica (SP) - Campeonato Brasileiro.
7º Flamengo (RJ) - Campeonato Brasileiro.
8º Paineiras (SP)
9º Jundiaiense (SP)

segunda-feira, 10 de junho de 2013

Copa dos Campeões de 2013/14

A final da temporada 2013/14 será disputada no Estádio da Luz, em Lisboa (Portugal). Confira os participatnes da próxima edição da Copa dos Campeões.

1a Fase:
Lusitanos (Andorra)
Shirak (Armênia)
Streymur (Ilhas Faröe)
Tre Penne (São Marinho)

2a Fase:

BATE Borisov (Belarus)
Birkirkara (Malta)
Celtic (Escócia)
Clifttonville (Irlanda do Norte)
Daugava Daugavpils (Letônia)
Dinamo Tblisi (Geórgia)
Dinamo Zagreb (Croácia)
Ekranas (Lituânia)
Elfsborg (Suécia)
Fola Esch (Luxemburgo)
Gyor (Hungria)
FH (Islândia)
HJK Helsinque (Finlândia)
Legia Varsóvia (Polônia)
Ludogorets Razgrad (Bulgária)
Maccabi Tel Aviv (Israel)
Maribor (Eslovênia)
Molde (Noruega)
Neftchi Baku (Azerbaijão)
Nomme Kalju (Estônia)
Partizan (Sérvia)
Shakter Karagandy (Cazaquistão)
Sheriff Tiraspol (Moldávia)
Skënderbeu Korçe (Albânia)
Sligo Rovers (Irlanda)
Slovan Bratislava (Eslováquia)
Steua Bucareste (Romênia)
Sutjeska Niksic (Montenegro)
The New Saints (País de Gales)
Vardar (Macedônia)
Viktoria Plzen (República Checa)
Zeljeznicar (Bósnia-Herzegovina)

3a Fase:

APOEL (Chipre)
Áustria Viena (Áustria)
Basiléia (Suiça)
Fenerbahçe (Turquia)
Grasshoppers (Suiça)
Lyon (França)
Metalist Kharkiv (Ucrânia)
Nordsjaelland (Dinamarca)
PAOK (Grécia)
PSV (Países-Baixos)
Red Bull Salzburgo (Áustria)
Zenit São Petersburgo (Rússia)
Zulte Waregem (Bélgica)

4a Fase:

Arsenal (Inglaterra)
Milan (Itália)
Paços Ferreira (Portugal)
Real Sociedad (Espanha)
Schalke 04 (Alemanha)

5a Fase:

Ajax (Países-Baixos)
Anderlecht (Bélgica)
Atlético Madrid (Espanha)
Barcelona (Espanha)
Bayer Leverkusen (Alemanha)
Bayern Munique (Alemanha)
Benfica (Portugal)
Borussia Dortmund (Alemanha)
Chelsea (Inglaterra)
Copenhagen (Dinamarca)
CSKA Moscou (Rússia)
Galatasaray (Turquia)
Juventus (Itália)
Manchester City (Inglaterra)
Manchester United (Inglaterra)
Marseille (França)
Napoli (Itália)
Olympiakos (Grécia)
Paris Saint-Germain (França)
Porto (Portugal)
Real Madrid (Espanha)
Shakhtar Donetsk (Ucrânia)

Os Campeões:
1955/56 - Real Madrid CF (Espanha)
1956/57 - Real Madrid CF (Espanha)
1957/58 - Real Madrid CF (Espanha)
1958/59 - Real Madrid CF (Espanha)
1959/60 - Real Madrid CF (Espanha)
1960/61 - SL Benfica (Portugal)
1961/62 - SL Benfica (Portugal)
1962/63 - AC Milan (Itália)
1963/64 - FC Internazionale M spa (Itália)
1964/65 - FC Internazionale M spa (Itália)
1965/66 - Real Madrid CF (Espanha)
1966/67 - Celtic FC (Escócia)
1967/68 - Manchester United FC (Inglaterra)
1968/69 - AC Milan (Itália)
1969/70 - Feyenoord R (Países Baixos)
1970/71 - AFC Ajax (Países Baixos)
1971/72 - AFC Ajax (Países Baixos)
1972/73 - AFC Ajax (Países Baixos)
1973/74 - FC Bayern Munique (Alemanha Ocidental)
1974/75 - FC Bayern Munique (Alemanha Ocidental)
1975/76 - FC Bayern Munique (Alemanha Ocidental)
1976/77 - Liverpool FC (Inglaterra)
1977/78 - Liverpool FC (Inglaterra)
1978/79 - Nottingham Forest FC (Inglaterra)
1979/80 - Nottingham Forest FC (Inglaterra)
1980/81 - Liverpool FC (Inglaterra)
1981/82 - Aston Villa FC (Inglaterra)
1982/83 - Hamburgo SV (Alemanha Ocidental)
1983/84 - Liverpool FC (Inglaterra)
1984/85 - Juventus FC (Itália)
1985/86 - FC Steua Bucareste (Romênia)
1986/87 - FC Porto (Portugal)
1987/88 - Philips SV (Países Baixos)
1988/89 - AC Milan (Itália)
1989/90 - AC Milan (Itália)
1990/91 - FK Crvena Zvezda (Iugoslávia)
1991/92 - FC Barcelona (Espanha)
1992/93 - O Marseille (França)
1993/94 - AC Milan (Itália)
1994/95 - AFC Ajax (Países Baixos)
1995/96 - Juventus FC (Itália)
1996/97 - B Borussia 09 e V Dortmund (Alemanha)
1997/98 - Real Madrid CF (Espanha)
1998/99 - Manchester United FC (Inglaterra)
1999/00 - Real Madrid CF (Espanha)
2000/01 - FC Bayern Munique (Alemanha)
2001/02 - Real Madrid  CF (Espanha)
2002/03 - AC Milan (Itália)
2003/04 - FC Porto (Portugal)
2004/05 - Liverpool FC (Inglaterra)
2005/06 - FC Barcelona (Espanha)
2006/07 - AC Milan (Itália)
2007/08 - Manchester United FC (Inglaterra)
2008/09 - FC Barcelona (Espanha)
2009/10 - FC Internazionale M spa (Itália)
2010/11 - FC Barcelona (Espanha)
2011/12 - Chelsea FC (Inglaterra)
2012/13 - FC Bayern Munique (Alemanha)

Ranking:
1) Real Madrid CF - 9
2) AC Milan - 7
3) FC Bayern Munique - 5
3) Liverpool FC - 5
5) AFC Ajax - 4
5) FC Barcelona - 4
7) FC Internazionale M spa - 3
7) Manchester United FC - 3
9) SL Benfica - 2
9) Juventus FC - 2
9) Nottingham Forest FC - 2
9) FC Porto - 2
13) Aston Villa FC - 1
13) B Borussia 09 e V Dortmund - 1
13) Celtic FC - 1
13) Chelsea FC - 1
13) FK Crvena Zvezda - 1
13) Feyenoord R - 1
13) Hamburgo SV - 1
13) O Marseille - 1
13) Philips SV - 1
13) FC Steua Bucareste - 1

Ranking por País:
1) Espanha - 13
2) Inglaterra - 12
2) Itália - 12
4) Países Baixos - 6
5) Alemanha Ocidental - 4
5) Portugal - 4
7) Alemanha - 3
8) Escócia - 1
8) França - 1
8) Iugoslávia - 1
8) Romênia - 1

domingo, 9 de junho de 2013

Torneio Nacional de Esgrima Agitou Recife (PE)

O Esporte Clube Pinheiros (SP) lidera a competição após as etapas de São Paulo (SP) e Recife (PE).

Os Vencedores:
Espada Feminina: Rayssa Costa (Comissão de Desportos do Exército/RJ).
Espada Masculina:
Nicolas Ferreira (Pinheiros/SP).
Florete Feminino:
Taís Rochel (Pinheiros/SP).
Florete Masculino:
Guilherme Told (Grêmio Náutico União/RS).
Sabre Feminino:
Elora Ugo (Academia Paulista de Esgrima/SP).
Sabre Masculino:
Renzo Agresta (Pinheiros/SP).

Classificação Geral (após 2 etapas):
1) Pinheiros (SP) - 5 - 4 - 0
2) Academia Paulista de Esgrima (SP) - 2 - 1 - 0
3) SOGIPA (RS) - 1 - 2 - 3
4) Comissão de Desportos do Exército (RJ) - 1 - 2 - 1
5) Grêmio Náutico União (RS) - 1 - 1 - 2
6) Sociedade Thalia (PR) - 1 - 1 - 0
7) Curitibano (PR) - 1 - 0 - 0
8) Barroca TC (MG) - 0 - 0 - 2
9) Convidados - 0 - 0 - 1
9) AMK (??) - 0 - 0 - 1
9) Paulistano (SP) - 0 - 0 - 1
9) Clube Militar (RJ) - 0 - 0 - 1

Brasil Vale Ouro Campeão Carioca Nova Geração de Judô de 2013

Equipe da Vale faturou o título.

Classificação (por medalhas de ouro):
1) Brasil Vale Ouro - 15 - Campeão.

2) A Matsuda J - 13 (2 de prata)
3) AJ Colégios da Zona Oeste - 13 (1 de prata)
4) VO Queimados - 8
5) JC Messias - 6

Os Campeões:
2010 - A Matsuda J
2011 - A Matsuda J
2012 - Jequiá IC
2013 - Brasil Vale Ouro

Rio Dominou Brasileiro de Ginástica de Trampolim de 2013

Parabéns aos atletas fluminenses!

Feminino:
1) NGO Tatiana Figueiredo (RJ) - 1 - 1 - 0 - Campeão.

2) Colégio Stella Matutina (MG) - 1 - 0 - 0
3) Fundação Aleijadinho (MG) - 0 - 1 - 1
4) Minas TC (MG) - 0 - 0 - 1

Masculino:
1) PM Piraí (RJ) - 1 - 2 - 1 - Campeã.

2) Fundação Aleijadinho (MG) - 1 - 1 - 1
3) PM Volta Redonda (RJ) - 1 - 0 - 0
4) Minas TC (MG) - 0 - 0 - 1

Os Campeões Adultos Femininos:
2008 - Minas TC (MG)
2009 - Minas TC (MG)
2010 - Colégio Alfa Cem (RJ)
2011 - NGO Tatiana Figueiredo (RJ)
2012 - Minas TC (MG)
2013 - NGO Tatiana Figueiredo (RJ)

Os Campeões Adulto Masculinos:
2008 - Colégio Militar (RJ)
2009 - PM Piraí (RJ)
2010 - PM Piraí (RJ)
2011 - PM Piraí (RJ)
2012 - PM Piraí (RJ)
2013 - PM Piraí (RJ)

4a Etapa do Brasileiro de Maratonas Aquáticas

Allan do Carmo (ACE Brasken/BA) venceu a 4a Etapa do Campeonato Brasileiro de Maratonas Aquáticas, que foi disputada em Vitória (ES). Pedro Melo (Fluminense) ficou em 18o e foi o melhor colocado de um clube do Rio.

No Feminino, a vitória foi de Betina Lorscheitter (Grêmio Náutico União/RS). Larissa Emerich (Botafogo) foi a melhor colocada do Rio, chegando em 10o lugar.

sábado, 8 de junho de 2013

JC Instituto Reação Bicampeão Carioca Alto Rendimento de Judô de 2012/2013

Parabéns aos judocas do Reação!

Classificação (por medalhas de ouro):
1) Reação - 63 - Bicampeão.

2) Brasil Vale Ouro - 37
3) Flamengo - 22
4) Jequiá - 21
5) AJ Colégios da Zona Oeste - 11
6) Fluminense - 10
7) A Liju César Romeu - 9
8) Judô Pinheiro - 8
9) A Zoshikan - 7
10) Leão de Judá - 5 (24 de Prata)

Os Campeões:
2012 - JC Instituto Reação
2013 - JC Instituto Reação

2a Divisão de Juniores: América Eliminado

Time rubro está eliminado do 2o Turno e também da fase final.

1a Fase:
2o Turno:
1a Fase:
10a Rodada:
05/06/13
Artsul 3-1 Portuguesa
Sampaio Corrêa WO-0 Juventus (3-0)
Angra dos Reis 4-0 Paduano
Goytacaz 0-3 América

Classificação:
Grupo A:
1) Cabofriense - 19
1) Tigres - 19
1) CA Barra da Tijuca - 19
4) Americano - 13
5) Bonsuceso - 12
6) Mesquita - 10
7) Ceres - 8
8) Serra Macaense - 7
9) Barra Mansa - 6
10) América-TR - 3

Grupo B:
1) Angra do Reis - 19 - 2a Fase.
2)  Portuguesa - 18 - 2a Fase.
3) Artsul - 13
3) América - 13
5) Sampaio Corrêa - 10
6) São João da Barra - 9
7) Paduano - 5
8) Goytacaz - 4
9) Juventus - 0  
Obs: Imperial e Rio Branco desistiram do campeonato. 
Obs2: O Juventus levou três WOs e foi eliminado da competição. 

Classificação Geral:
1) Tigres - 39
2) CA Barra da Tijuca - 38
3)  Portuguesa - 35
4) Cabofriense - 34
5) América - 33
6) Serra Macaense - 30
7) Angra dos Reis - 29
8) Artsul - 28
9) Bonsuceso - 23
10) Americano - 22
10) Ceres - 22
12) Goytacaz - 21
13) Mesquita - 19
13) Sampaio Corrêa - 19
15) São João da Barra - 15
16) Barra Mansa - 14
17) América-TR - 9
17) Paduano - 9
19) Juventus - 0  
Obs: Imperial e Rio Branco desistiram do campeonato. 
Obs2: O Juventus levou três WOs e foi eliminado da competição.

sexta-feira, 7 de junho de 2013

Por Isso que o Basquete Não Vai para Frente

Para que disputar a 2ª Divisão do Campeonato Brasileiro Masculino de Basquete? Basta você montar um projeto e encontrar um patrocinador que você vai jogar entre os grandes.

Primeiro foi o Basquete Cearense (CE) em 2012/13. Agora serão Fluminense e Universo (GO). O Fluminense repete o que fez no futebol, vira a mesa, e chega à 1ª Divisão sem passar pela 2ª.

Depois perguntam porque o Basquete não vai bem em Olimpíada, Mundial, etc. Que vergonha!

CR Vasco da Gama Bicampeão da ES Cup Mirim de 2012/2013

Competição reúne equipes de baixo nível técnico e clubes amadores. No entanto, o Vasco mostrou sua força.

A Campanha:
1a Fase:
2-0 Campinhos (ES)
3-0 CTCE (ES)
11-0 CEPE (ES)
2a Fase:
2-0 Tigres (ES)
Final:
1-0 Ubaense (MG)

Os Campeões:
2007 - Fluminense FC (RJ)
2008.1 - CR Vasco da Gama (RJ)
2008.2 - CR Flamengo (RJ)
2009 - CR Vasco da Gama (RJ)
2010 - Fluminense FC (RJ)
2011 - Fluminense FC (RJ)
2012 - CR Vasco da Gama (RJ)
2013 - CR Vasco da Gama (RJ)

Raja CA Campeão Marroquino de 2012/13

O Raja Casablanca conquistou sua 11a liga marroquina e vai disputar o Mundial Interclubes de 2013 (foto http://www.lavieeco.com). O time também terminou a temporada com o título da Copa do Marrocos.

Kawbab Marrakech e AS Salé sobem  para a 1a Divisão de 2013/14, que também dará ao campeão uma vaga no Mundial de 2014.

A Campanha:
3-0 FUS Rabat - c
1-0 Raja Benin Mellal - f
4-2 KAC Kénitra - c
2-0 Wydad Fès - f
2-2 Olympic Safi - c
0-1 HUSA Agafir - f
1-0 CODM Meknès - f
2-1 OCK Khouribga - c
3-1 MAT Tétouan - c
0-0 Maghreb Fès - f
1-1 Wydad Casablanca - c
1-1 Forces Armées Royales Rabat - f
1-1 Chabab Rif Hoceima - f
3-2 RSB Berkane - c
4-1 Difaa El Jadida - f
1-1 KAC Kénitra - f
3-0 Raja Beni Mellal - c
2-1 Wydad Fès - c
3-0 CODM Meknès - c
2-0 HUSA Agadir - c
2-1 Olympic Safi - f
0-1 MAT Tétouan - f
1-1 Forces Armées Royales Rabat - c
3-1 OCK Khouribga - f
2-1 Maghreb Fès - c
1-1 Wydad Casablanca - f
3-1 Chabab Rif Hoceima - c
1-1 RSB Berkane - f
2-1 Difaa El Jadida - c
2-0 FUS Rabat - f 

Classificação:
1) RCA Casablanca - 66 - Campeão + Mundial Interclubes + Copa dos Campeões. 

2) Forces Armées Royales - 62 - Copa dos Campeões. 
3) Maghreb Fès - 48 (gols pró 36) - Copa da CAF.
4) Wydad Casablanca - 48 (gols pró 31)
5) MAT Tetouan - 46
6) FUS Rabat - 41
7) RSB Berkane - 40
8) Chabab Rif Hoceima - 36
9) Difaa El Jadida - 35
10) HUSA Agadir - 34
11) Wydad Fès - 33
12) Olympic Safi - 32
13) OCK Khouribga - 30
14) KAC Kénitra - 27
15) CODM Meknès - 25 - 2a Divisão 2013/14.
16) Raja Benin Mellal - 24 - 2a Divisão 2013/14


Os Campeões:
1956/57 - Wydad Casablanca
1957/58 - Kawbab Marrekech
1958/59 - Étoile Casablanca
1959/60 - KAC Kenitra
1960/61 - Forces Armées Royales Rabat
1961/62 - Forces Armées Royales Rabat
1962/63 - Forces Armées Royales Rabat
1963/64 - Forces Armées Royales Rabat
1964/65 - Maghreb Fez
1965/66 - Wydad Casablanca
1966/67 - Forces Armées Royales Rabat
1967/68 - Forces Armées Royales Rabat
1968/69 - Wydad Casablanca
1969/70 - Forces Armées Royales Rabat
1970/71 - Renaissance de Settat
1971/72 - Racing Casablanca
1972/73 - KAC Kenitra
1973/74 - Raja Beni Mellal
1974/75 - Mouloudia Oujda
1975/76 - Wydad Casablanca
1976/77 - Wydad Casablanca
1977/78 - Wydad Casablanca
1978/79 - Maghreb Fez
1979/80 - Chabab Mohammedia
1980/81 - KAC Kenitra
1981/82 - KAC Kenitra
1982/83 - Maghreb Fez
1983/84 - Forces Armées Royales Rabat
1984/85 - Maghreb Fez
1985/86 - Wydad Casablanca
1986/87 - Forces Armées Royales Rabat
1987/88 - Raja Casablanca
1988/89 - Forces Armées Royales Rabat
1989/90 - Wydad Casablanca
1990/91 - Wydad Casablanca
1991/92 - Kawbab Marrakech
1992/93 - Wydad Casablanca
1993/94 - Olympique Casablanca
1994/95 - CODM de Meknes
1995/96 - Raja Casablanca
1996/97 - Raja Casablanca
1997/98 - Raja Casablanca
1998/99 - Raja Casablanca
1999/00 - Raja Casablanca
2000/01 - Raja Casablanca
2001/02 - Hassania Agadir
2002/03 - Hassania Agadir
2003/04 - Raja Casablanca
2004/05 - Forces Armées Royales Rabat
2005/06 - Wydad Casablanca
2006/07 - Olympique Khouribga
2007/08 - Forces Armées Royales Rabat
2008/09 - Raja Casablanca
2009/10 - Wydad Casablanca
2010/11 - Raja Casablanca
2011/12 - Maghreb Tetouan
2012/13 - Raja Casablanca

Ranking:
1) Wydad Casablanca - 12
1) Forces Armées Royales - 12
3) Raja Casablanca - 11
4) Maghreb Fez - 4
4) KAC Kenitra - 4
6) Kawbab Marrakech - 2
6) Hassania Agadir - 2
8) Olympique Khouribga - 1
8) Racing Casablanca - 1
8) Olympique Casablanca - 1
8) Renaissance Settat - 1
8) Mouloudia Oujda - 1
8) Maghreb Tetouan - 1
8) CODM Meknes - 1
8) Chabab Mohammedia - 1
8) Raja Beni Mellal - 1
8) Étoile Casablanca - 1

Ranking por Cidade:
1) Casablanca - 26
2) Rabat - 12
3) Fez - 4
3) Kenitra - 4
5) Agadir - 2
5) Marrakech - 2
7) Beni Mellal - 1
7) Khouribga - 1
7) Meknes - 1
7) Mohammedia - 1
7) Oujda - 1
7) Settat - 1
7) Tetouan - 1

quinta-feira, 6 de junho de 2013

Botafogo FR Campeão Brasileiro Feminino de Futebol Society de 2013

Parabéns às meninas alvi-negras, que conquistaram o Campeonato Brasileiro de Futebol Society para o Botafogo.

A foto é da Confederação Brasileira de Futebol de Sete.

Os Campeões:
2012 - Veneno (SC)
2013 - Botafogo FR (RJ)

quarta-feira, 5 de junho de 2013

Niterói Rugby FC Campeão Estadual Masculino de Rùgbi de 2013

O Niterói Rugby se sagrou campeão estadual masculino de rúgbi de 2013.

Rio Rugby teve a melhor campanha na 1ª Fase mas perdeu a decisão para o rubro-negro de Niterói (foto Portal do Rugby).


Os Participantes

  • Campos dos Goytacazes Rugby (Campos dos Goytacazes)
  • Friburgo Rugby (Nova Friburgo)
  • Guanabara Rugby (Rio de Janeiro)
  • Niterói Rugby (Niterói)
  • Rio Rugby (Rio de Janeiro)
  • Volta Redonda Rugby (Volta Redonda)


1ª Fase

1ª Rodada

02/03/13
  • Niterói Rugby 40-17 Volta Redonda Rugby
  • Friburgo Rugby 16-56 Guanabara Rugby

2ª Rodada

30/03/13
  • Rio Rugby 46-0 Friburgo Rugby
27/04/13
  • Guanabara Rugby 15-10 Volta Redonda Redonda Rugby

3ª Rodada

06/04/13
  • Volta Redonda Rugby 7-8 Rio Rugby
07/04/13
  • Niterói Rugby 26-16 Guanabara Rugby

4ª Rodada

20/04/13
  • Niterói Rugby 16-20 Rio Rugby
04/05/13
  • Volta Redonda Rugby WO-0 Friburgo Rugby (24-0)

5ª Rodada

04/05/13
  • Rio Rugby 24-10 Guanabara Rugby
11/05/13
  • Friburgo Rugby 0-WO Niterói Rugby (0-24)


Classificação

  • 1º Rio Rugby - 17 - Final. 
  • 2º Niterói Rugby - 15 - 2ª Fase.
  • 3º Guanabara Rugby - 9 - 2ª Fase.
  • 4º Volta Redonda Rugby - 7
  • 5º Friburgo Rugby - 0 - 2ª Divisão 2014.
  • 6º Campos dos Goytacazes Rugby - 0 - 2ª Divisão 2014.
Obs: O Campos dos Goytacazes Rugby desistiu da disputa e foi rebaixado para a 2ª Divisão de 2014.
Obs2: O Friburgo Rugby desistiu da competição após a 2ª Rodada e também foi rebaixado. 


2ª Fase

25/05/13
  • Niterói Rugby * 18-8 Guanabara Rugby


Final

02/06/13
  • Rio Rugby 23-27 ** Niterói Rugby


A Campanha

1ª Fase

  • 40-17 Volta Redonda Rugby - c
  • 26-16 Guanabara Rugby - c
  • 16-20 Rio Rugby - c
  • WO-0 Friburgo Rugby - f (24-0)

2ª Fase

  • 18-8 Guanabara Rugby - c

Final

  • 27-23 Rio Rugby - f

Juniores: Briga Até a Última Rodada

Nona rodada do 2o Turno não classificou mais nenhum time.

1a Fase:             
2o Turno:
1a Fase:  
9a Rodada:
01/06/13
Tigres 2-1 Americano
Ceres 1-3 Bonsucesso
Serra Macaense 3-0 América-TR
CA Barra da Tijuca 1-0 Mesquita
Barra Mansa 2-1 Cabofriense
Paduano 1-1 Goytacaz
América 0-1 São João da Barra
Juventus 0-WO Angra dos Reis (0-3)

Classificação:
Grupo A:
1) Cabofriense - 19
1) Tigres - 19
1) CA Barra da Tijuca - 19
4) Americano - 13
5) Bonsuceso - 12
6) Mesquita - 10
7) Ceres - 8
8) Serra Macaense - 7
9) Barra Mansa - 6
10) América-TR - 3

Grupo B:
1)  Portuguesa - 18 - 2a Fase.
2) Angra do Reis - 16
3) Artsul - 10
3) Sampaio Corrêa - 10
3) América -10
6) São João da Barra - 9
7) Paduano - 5
8) Goytacaz - 4
9) Juventus - 0  
Obs: Imperial e Rio Branco desistiram do campeonato. 
Obs2: O Juventus levou três WOs e foi eliminado da competição. 

Classificação Geral:
1) Tigres - 39
2) CA Barra da Tijuca - 38
3)  Portuguesa - 35
4) Cabofriense - 34
5) América - 30
5) Serra Macaense - 30
7) Angra dos Reis - 26
8) Artsul - 25
9) Bonsuceso - 23
10) Americano - 22
10) Ceres - 22
12) Goytacaz - 21
13) Mesquita - 19
13) Sampaio Corrêa - 19
15) São João da Barra - 15
16) Barra Mansa - 14
17) América-TR - 9
17) Paduano - 9
19) Juventus - 0  
Obs: Imperial e Rio Branco desistiram do campeonato. 
Obs2: O Juventus levou três WOs e foi eliminado da competição.